Timon

Vídeo: criminosos promovem arrastão em Timon; PM intensifica ações para prevenir assaltos

Segundo uma moradora do local, que não quis ser identificada, as pessoas se sentem inseguras e vulneráveis

01/12/2021 16:06h - Atualizado em 01/12/2021 16:23h

Compartilhar no

Recentemente, muitos moradores de Timon, município localizado no Maranhão, vêm reclamando a respeito da falta de segurança e, consequentemente, do grande número de assaltos em algumas regiões da cidade. Nesta quarta-feira (01), vídeos que circulam nas redes sociais mostram a ação de um grupo de homens em motocicletas, que fazem arrastão nas redondezas do bairro Jóia e causam pânico à população. 

Confira o vídeo: 



Segundo uma moradora do local, que não quis ser identificada, as pessoas se sentem inseguras e vulneráveis. Ela conta que a qualquer momento, independente do horário, um morador pode ser assaltado. “Aqui tem uma onda de assaltos, todo dia a gente fica sabendo de um. A sensação de insegurança é muito grande. E não tem um horário que seja mais vulnerável, você pode ser assaltado de dia ou à noite, a gente anda constantemente com medo”, comenta. 

(Foto: Reprodução/Whatsapp)

A moradora explica que, muitas vezes, as pessoas buscam fazer sua própria segurança, seja com cerca elétrica ou com a contratação de segurança pessoal. "Como a gente denuncia para polícia e os casos continuam acontecendo, nós tiramos do nosso bolso para investir em segurança. Na minha casa instalamos cerca elétrica, concertina e contratamos segurança privada”, destaca. 

Polícia desenvolve ações para coibir criminosos 

De acordo com o Coronel Alves, comandante do 13º Batalhão da Polícia Militar do Maranhão, as equipes estão cientes do que está ocorrendo na cidade e buscam desenvolver ações que ajudem a coibir e prender os criminosos que estão praticando os assaltos. 

“Nós estamos fazendo um planejamento operacional em que iremos destinar uma viatura específica para aquelas regiões do bairro Jóia, como a Vila do Bec, Vila do Sapo, chegando até a Gameleira. Ainda este final de semana, estaremos desfocando uma viatura exclusivamente para aquela área, para que façamos a prevenção de crimes naquela região”, afirma o coronel. 

(Foto: Jailson Soares/ODIA)

Além disso, a polícia também vem realizando uma operação específica a fim de descobrir quem são os criminosos que estão realizando arrastões na cidade. 

O Coronel acrescenta ainda que é preciso que a população tenha uma conversa ativa com a polícia, fazendo o trabalho de denunciar, registrar Boletim de Ocorrência e ajudar a identificar os suspeitos. “É importante que essas situações cheguem oficialmente às autoridades policiais. Liguem para o 190, pois nós trabalhamos em cima de manchas criminais. Se não existe o registro, não tem como sabermos se no local tem muitos assaltos. Pedimos para que a população ligue para a central e informe  sobre esses elementos, se passar um carro estranho ou uma pessoa estranha, denuncie. A polícia vai e faz abordagem, assim a população nos ajuda a proteger a sua comunidade”, pontua.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário