• Premium Outlet
  • Salve Maria
  • Jovens escritores 2019
  • Banner paraíba
  • AZ no rádio
  • cachoeir piaui
  • Novo app Jornal O Dia
  • TV O DIA att
  • TV O Dia - fullbanner
Parnaíba

Suspeito é morto pela policia ao tentar atacar a policial com faca

o disparo que matou Jeferson da Silva Sousa foi efetuado durante uma abordagem

04/03/2019 05:44h - Atualizado em 04/03/2019 05:47h

Um jovem de 26 anos foi morto na noite de sábado (2) no conjunto habitacional Broderville, em Parnaíba. Segundo o comandante da Força Tática, capitão Bernardo Pereira, o disparo que matou Jeferson da Silva Sousa foi efetuado por um policial militar durante uma abordagem.

O comandante contou que Jeferson da Silva e um amigo teriam entrado numa residência e revirado tudo. A vítima acionou a polícia que foi ao local e, de lá seguiu para a casa de Jeferson com a intenção de averiguar os motivos pelos quais o rapaz teria invadido a residência alheia. Entretanto, ao chegar à casa do suspeito, os policiais foram surpreendidos por um ataque de euforia do criminoso.

“Jeferson estava armado e quando viu a chegada da polícia correu com uma faca na direção dos PMs. E para se defender os policiais tiveram que efetuar um disparo que atingiu o rapaz. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência foi acionado, mas não deu tempo de socorrer. A perícia e o Instituto Médico Legal também foram acionados”, detalhou o capitão.

O perito Eduardo Gonçalves informou que Jeferson Silva foi morto com apenas um disparo. O tiro acertou Flanco direito que fica localizado à direita da região umbilical, próximo à cintura.

Jeferson Silva era envolvida com o tráfico de drogas. Inclusive, encontramos vários tabletes de drogas na residência e duas pessoas foram levadas para prestar esclarecimentos", completa o comandante da Força Tática de Parnaíba. 

Ainda de acordo o comandante, o policial militar será ouvido no quartel e seu depoimento será encaminhado para a Corregedoria da Polícia Militar que deve investigar se a postura do policial.

Fonte: Gilcilene Araújo
Edição: Calixto Dias

Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas