Gilbués

Gilbués Piauí

PI

24/04/2013 10:37h

Compartilhar no

Conheça Gilbués: Fundação: 04 de setembro de 1891 / Localização: sudoeste do Piauí, a 742 km de Teresina / 12.846 habitantes / 3.495 km2/ Microrregião do Alto Médio Gurguéia/ Gentílico: gilbuense.

Foto: Jênerson Gonçalves

Economia: Agricultura e pecuária. A exploração de diamante nos garimpos e de minério.

História: Não existe consenso quanto ao início da história do município. Alguns acreditam que o fundador foi Zeferino Vieira, que por volta de 1850 começou uma fazenda no local. A outra versão diz que a vila se desenvolveu depois que Antônio Nogueira Paranaguá voltou da Guerra do Paraguai. Em ambas as versões, eles teriam doado meia légua de terra para construção de uma capela, em torno da qual se formou o povoado que deu origem a Gilbués. Originalmente chamado de Santo Antônio de Gilbués, em 1910 o povoado passou a denominar-se apenas Gilbués.

Balaiada: Na guerra dos Balaios, Gilbués foi palco de lutas sangrentas, destacando-se, dentre outros feitos, o ataque que desbaratou os rebeldes na Fazenda Santa Maria, depois de 4 a 5 horas de fogo cerrado.

Ecologia: Devido ao desmatamento e exploração de diamantes, a cidade passa por um processo de assoreamento, provocando a desertificação.

Festas: Festejo da Padroeira Divina Pastora, de 06 a 15 de agosto. As festas juninas são comemoradas em todos os colégios e o aniversário da cidade é comemorado em 04 de setembro.

Turismo: Uma boa opção de passeio na cidade é poder conhecer o encontro das águas do rio Uruçuí Vermelho com as águas do rio Parnaíba nas localidades Simbaíba e Val (divisa com o Piauí/Maranhão), a cachoeira na localidade Cachoeira, a localidade Brejão, entre outras. A região também é privilegia pela quantidade de serras, morros e chapadas. A Serra da Boa Vista permite que você possa observar macacos pregos, araras, saguis (soins) em seu habitat natural, a vegetação é bastante diversificada, dentre as formações vegetais existentes, podemos destacar as seguintes: caatinga e cerrado.

Folclore e Cultura: A cidade tem grupo de Folia de Reis que se apresenta entre 31 de dezembro a 06 de janeiro.

Culinária: Paçoca e canjica são dois pratos típicos da região.

Patrimônio Histórico: A Igreja da Divina Pastora, centenária, é conservada em seus traços originais.

Compartilhar no
Fonte: http://www.revelandoosbrasis.com.br/blog/municipio2/gilbues/
Edição: Henrique Guerra
Por: Henrique Guerra

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário

Tags:


Notícias Relacionadas