• Banner OAB
  • Campanha da Santa Missa
  • Vencer 03
  • Vencer 02
  • Vencer 01
  • Prerrogativas da advogacia
  • Peregrinos da fé
  • Novo app Jornal O Dia
Floriano

Prefeitura se reúne com a Eletrobras e discutem Tarifa Social de Energia

Prefeitura de Floriano se reúne com a Eletrobras e discutem Tarifa Social de Energia Elétrica

28/04/2016 09:00h

Na manhã desta terça-feira (26), o prefeito de Floriano, Gilberto Júnior se reuniu com o presidente da Associação Piauiense de Municípios (APPM), Arinaldo Leal e com representantes da Eletrobras, na sede da APPM em Teresina, para discutir um assunto importante para as famílias de baixa renda. Trata-se da Tarifa Social de Energia Elétrica em que o Governo Federal concede descontos na conta de luz às famílias de baixa renda até o limite de consumo de 220 kWh, chegando a 65% no valor da conta de energia.

“Muitas famílias não exercem o direito de abater essa porcentagem no valor da conta de luz. Em Floriano, quase duas mil pessoas poderão ser beneficiadas pela Tarifa Social. Pedimos a relação de cada uma dessas pessoas e a Eletrobras se prontificou em nos fornecer”, declarou o prefeito Gilberto.

Mais Informações:

Quem tem direito à Tarifa Social?

Família inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, com renda familiar mensal per capita menor ou igual a meio salário mínimo nacional; ou Quem receba o Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social – BPC (amparo social ao idoso com idade de 65 anos ou mais ou a pessoa com deficiência incapacitada para a vida independente e para o trabalho, ambos com renda per capita familiar inferior a ¼ do salário mínimo vigente); Família inscrita no Cadastro Único com renda mensal de até 03 (três) salários mínimos, que tenha portador de doença ou deficiência cujo tratamento, procedimento médico ou terapêutico requeira o uso continuado de aparelhos, equipamentos ou instrumentos que, para o seu funcionamento, demandem consumo de energia elétrica; O benefício é válido para apenas uma unidade consumidora por família.

Se o usuário possui um dos perfis de renda descritos acima, mas não está inscrito no Cadastro Único, procure o Centro de Referência em Assistência Social - CRAS, de seu município e inscreva-se. Você receberá um Número de Identificação Social - NIS. Por meio dele é realizado o cadastro na Tarifa Social.

Como solicitar o benefício?

Procure a Eletrobras Distribuição Piauí e apresente:

RG ou outro documento com foto;

CPF;

Número de Identificação Social - NIS.

Famílias inscritas no Cadastro Único com renda mensal de até 03 (três) salários mínimos com usuário de equipamento vital: Se em sua residência há usuário de equipamento vital, solicite sua inscrição no Cadastro de Usuários de Equipamento Vital. Além da documentação relativa ao uso do equipamento, deverão ser apresentados:

RG ou outro documento com foto;

CPF;

Número de Identificação Social - NIS.

Fonte: www.eletrobraspiaui.com

Fonte: Ascom

Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas