• SOS Unimed
  • Fagner
  • Trilha das emoções
  • Novo app Jornal O Dia
Castelo do Piauí

Cenário de 2020 começa a tomar forma

Será a primeira com a nova regra que proíbe coligações para os cargos proporcionais

11/09/2019 12:27h - Atualizado em 11/09/2019 12:49h

Os grupos de oposição e situação já estão buscando novas lideranças para não definharem na eleição de 2020. Será a primeira com a nova regra que proíbe coligações para os cargos proporcionais e a partir da qual o partido terá que concorrer sozinho para eleger seus candidatos a vereador.

Se tem uma coisa que devemos enaltecer nos ex-prefeitos Dr. Zé Maia (PSD) e Wilmar Cardoso (PTB) são suas capacidades  de mobilizar e costurar politicamente seus apoios. E pelo que é sabido nos bastidores, o nome do empresário Osmano Moura (PSB) será a aposta para o pleito do próximo ano. Com mais de duas décadas de experiência no setor privado e nunca ter concorrido à cargo eletivo, Osmano aparece no cenário político apresentando um perfil totalmente técnico: colocar gente competente, resolver problemas ao invés de terceirizá-los, gastar menos, dentre outras pautas administrativas.

À frente da Administração Municipal, o PT deve confirmar o nome do atual Prefeito Magno Soares para disputar a reeleição. A briga parece está bastante acirrada no grupo situacionista é pela vaga de candidato a vice-prefeito, o vereador Rossi Melo (PL), por exemplo, foi eleito no grupo de oposição e ontem anunciou publicamente que irá marchar em 2020 ao lado do atual alcaide Castelense. O edil durante entrevista concedida a uma rádio local manifestou interesse na majoritária. Caso se confirme; como fica Daniel Machado (PRTB) nesse contexto?

Sem o discurso messiânico de mudança e avanço, espera-se que pelo menos os detentores do poder tenham a humildade de reconhecer seus erros, pois ainda há oportunidade de repará-los nos 15 meses restante.

Edição: Jailson Lima

Deixe seu comentário