• Clínica Shirley Holanda
  • Semana do servidor
  • Netlux
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia
Alagoinha do Piauí

Alagoinhenses elegem novos conselheiros tutelares

Apesar de bastante concorrido o processo eleitoral transcorreu na mais absoluta tranqüilidade

17/12/2012 20:35h

Aconteceu no domingo (09/12) a eleição para a escolha dos novos conselheiros tutelares do município de Alagoinha do Piauí (a 386 quilômetros ao sul de Teresina). Foram eleitos para um mandato de quatro anos os concorrentes Walquíria Brito (1.334 votos), Gabriel Jesuino (1.248 votos), Francisca Erisléia (1.234 votos), Evana Brito (1.233 votos) e Luana Fernandes (1.205 votos).

Já os candidatos que não conseguiram êxito e ficaram na suplência foram os seguintes: Ozanan (1.100 votos), Aldenir Sá (1.021 votos), Jaqueline Sousa (889 votos), Rosenilda Sousa (847 votos) e Francisco das Chagas (110 votos). Eles podem assumir as funções de conselheiro caso um dos titulares por algum motivo se licencie do cargo.

A eleição para o Conselho Tutelar apesar de bastante concorrida transcorreu na mais absoluta tranqüilidade. Muitos eleitores se abstiveram e não compareceram as urnas para exercer a cidadania e escolher os guardiões dos direitos das crianças e dos adolescentes, regidos pelo ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente).

O Conselho Tutelar deve atuar sempre que os direitos das crianças e dos adolescentes forem ameaçados ou violados pela sociedade, Estado, pais, responsável, ou em razão de sua própria conduta. Essa prática age em beneficio ao menor que está sofrendo e acelera o processo de aconselhamento do mesmo ou dos pais.

Aos conselheiros são encaminhados os problemas de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão de crianças e adolescentes, ao receber uma denuncia, passa a acompanhar o caso para melhor resolver o problema.

Fonte: Ascom
Edição: JR
Por: JR

Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas