Retrospectiva: escolha o melhor 'Redação AM' de 2013. Vote!

Além do futebol, lista das melhores narrações do ano tem uma de tênis

24/12/2013 12:02h - Atualizado em 27/12/2013 08:28h

Compartilhar no

Ao longo de 2013, o "Redação SporTV" destacou as melhores narrações do mundo esportivo no "Redação AM". Porém, está enganado quem acha que, por ser um ano de Copa das Confederações, o futebol não foi absoluto na escolha da equipe do programa. A equipe do programa não ficou atenta apenas ao principal torneio da temporada, e elaborou uma lista com as grandes narrações do ano para que você possa escolher. Na volta do programa, dia 6 de janeiro, o SporTV.com divulgará o vencedor. Confira todas as narrções no vídeo e vote.

Clique aqui e vote no melhor "Redação AM" de 2013

Na Copa das Confederações, duas partidas entram na lista das melhores narrações. Na vitória da Itália sobre o Japão, por 4 a 3, Paolo Pacchioni, da rádio RTL-ITA, foi à loucura com gol de Giovinco, aos 40 do segundo tempo. O narrador chegou a lembrar da vitória da Itália sobre a Alemanha na semifinal da Copa de 70, pelo mesmo placar.

No triunfo do Brasil sobre a Espanha por 3 a 0, resultado que garantiu o título do torneio à Seleção, o segundo gol de Fred empolgou Aroldo Costa, da Rádio CBN-PE. O narrador comemorou o lance como se fosse um torcedor e exaltou o artilheiro.

A Taça Libertadores, principal competição entre clubes da América do Sul, teve dois representantes. O Atlético-MG sofreu diante do Tijuana (México), mas garantiu a vaga na semifinal. A vaga esteve seriamente ameaçada quando aos 48 minutos do segundo tempo, o time mexicano teve uma cobrança de pênalti, que foi defendida por Victor. Osvaldo Reis, da Rádio Globo, quase perdeu a voz com a defesa do camisa 1 alvinegro.

Na vitória do Olimpia-PAR sobre o Fluminense por 2 a 1, resultado que eliminou o time carioca da competição, o gol de Salgueiro teve uma 'ajudinha', segundo Bruno Pont. Narrador da rádio Cardinal, do Paraguai, ele disse que a cobrança de pênalti contou com o auxílio do 'anjo da guarda'.

Nos gramados europeus, um zagueiro brasileiro chamou atenção na Liga dos Campeões. Em 70 segundos, Felipe Santana fez dois gols, e o Borussia Dortmund virou o placar contra o Málaga.  O resultado colocou o time alemão na semifinal da competição, e a empolgação de Norbert Dickel, da rádio oficial do clube alemão, foi tão grande, que ele esqueceu de dizer que fez o gol da vitória.

O Campeonato Brasileiro também teve o seu representante. João Andrade, da Rádio Metrópole (BA), ficou aliviado com o gol de Fernandão, do Bahia, na vitória de 1 a 0 sobre a Portuguesa, na Fonte Nova.

Não só na Série A teve narração empolgada, o gol de Flávio Caça-rato que deu a vitória por 2 a 1 ao Santa Cruz sobre o Sampaio Corrêa e garantiu o título da Série C do Brasileiro foi narrada com muito emoção por Aroldo Costa, da Rádio Jornal, de Pernambuco.

O representante inglês veio do tênis. Andrew Castle, da BBC, comemorou a vitória de Andy Murray sobre Novak Djokovic. Com o resultado, o tenista levantou o troféu de Wimbledon e quebrou jejum britânico de 77 anos no torneio mais tradicional da modalidade.

 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Fonte: Globo Esporte

Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas