• e-titulo
  • TV O DIA - fullbanner w3b
  • TV O Dia - fullbanner

Técnico Canindé fala em aprender com os erros

Jacaré começa a enxergar o acesso até a 3ª Divisão, mas para isso precisa superar o time cearense

13/06/2018 07:05h

O Altos se reapresentou às ati­vidades pensando no jogo con­tra o Ferroviário, que acontece na próxima segunda-feira (18), às 20h, no Estádio Castelão, em Fortaleza. O jogo de volta acon­tece no dia 24 de junho, em Al­tos. O Jacaré começa a enxergar o acesso até a Terceira Divisão Nacional mais próximo e, para isso, precisa superar o time cea­rense. O técnico Oliveira Ca­nindé, fala em usar os erros que aconteceram no último jogo como aprendizado.

“Tranquilo. Semana intensa e com muita consciência do que nós temos pela frente e sabedo­res de que nós temos totais con­dições de nos classificarmos, são duas situações que apresen­tam para nós, mas a confiança é muito grande em que temos condições de classificar”, disse Canindé.

Na tarde de ontem (12) se reapresentou às atividades so­mente os atletas que não esti­veram em campo os 90 minu­tos no jogo contra o Nacional, de Manaus. O técnico Oliveira Canindé fez um trabalho tático de posicionamento com o resto do grupo e começa a pensar a formação para o confronto fora de casa.


Altos fez treino somente com os atletas que não estiveram em campo os 90 minutos contra o Nacional (Foto: Jailson Soares/O Dia)

Entre os atletas, alguns re­tornos. O meia Roger Gaúcho, que não viajou no ultima final de semana por estar no depar­tamento médico retorna às atividades e volta a ser opção. “Estou voltando depois de uma semana parado e a disposição do professor. Acredito que a gente chega forte para essa fase apesar do mal resultado lá (em Manaus), acredito que a der­rota acontece e o importante é classificar e agora é outro jogo, outra fase e começamos do zero”, disse Roger.

A derrota por 4 a 2 diante do Nacional ainda ecoa no grupo, mas segundo o técnico como aprendizado para que não acon­teçam os mesmos erros nos próximos jogos. “Cometemos alguns erros que não se come­tem em jogos decisivos, mas eu sempre acho que a situação melhora quando isso acontece e fica o aprendizado, fica a lição para todos nós. Tomamos mui­tos sustos e isso faz com que nós atentemos mais as coisas que estão por vir e para que a gente também corrija tudo que acon­teceu”, frisou Oliveira.

O jogo entre Ferroviário, do Ceará, e Altos acontece no dia 18 de junho, próxima segunda­-feira, às 20h, no estádio Cas­telão, em Fortaleza, e o jogo de volta, que decide quem se classifica para as quartas de final acontece no dia 24 de junho. O Altos briga pelo acesso até a Sé­rie C.

Por: Pâmella Maranhão - Jornal O Dia

Deixe seu comentário






Enquete

Um jovem morreu ao sofrer descarga elétrica colocando celular para carregar. Quais cuidados você toma em relação a isso?

ver resultado