Senna não descarta Fórmula E, mas se diz feliz no endurance

Brasileiro admite que segue de olho na categoria de carros elétricos, mas explica que empecilhos contratuais podem inviabilizar retorno

12/07/2017 09:55h

Compartilhar no

Participante das temporadas inaugurais da Fórmula E, Bruno Senna não descarta um possível retorno à categoria de carros elétricos no futuro. No entanto, o brasileiro também se diz satisfeito no endurance no momento, o que, aliado a empecilhos contratuais, pode resultar em sua permanência definitiva nas provas de longa duração.

Senna disputou duas campanhas completas da Fórmula E pela equipe Mahindra, obtendo como melhor resultado um segundo lugar em Londres. Porém, ele não acertou sua permanência para a terceira temporada do certame.

Agora, Senna atua integralmente no WEC, onde compete pela equipe Rebellion na classe LMP2, além de provas esporádicas na IMSA, nos Estados Unidos.

Bruno Senna não descarta possibilidade de estar na formula E . Foto: Divulgação

Senna explicou como está sua situação para o futuro. “Eu nunca diria ‘não’ à Fórmula E. Inclusive eu queria continuar correndo por lá, mas a equipe que eu estava de olho não tinha vaga. Então, passei a me dedicar totalmente ao endurance – tanto no WEC como em algumas provas nos Estados Unidos”, disse.

“Como eu sou embaixador da McLaren, tenho algumas restrições, porque algumas equipes [da Fórmula E] são oficiais de fábrica. Então, por isso, eu provavelmente teria de ficar em algumas equipes menores – e não sei se isso vale muito a pena.”

“Mas, por enquanto, estou bem no endurance. Temos que ver o que vai acontecer com a categoria, com as mudanças na LMP1, mas, por enquanto, o endurance parece um bom caminho”, complementou. O time de Senna no WEC, com o protótipo #31, ocupa a vice-liderança na classe LMP2. 

Compartilhar no
Fonte: Motors Sport

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário