Sem público, Altos recebe o Santos-AP no Lindolfo Monteiro

O Altos é líder do seu grupo com seis pontos conquistados em dois jogos. Vitória classifca o time.

03/06/2017 09:54h

Compartilhar no

O Altos vai para mais um desafio dentro da Série D do Campeonato Brasileiro. O time comandado por Paulinho Kobayashi busca somar mais três pontos no Grupo A4 e, além disso, manter sua invencibilidade na competição. 

O Altos encara o Santos, do Amapá, às 17h, no Lindolfo Monteiro. O Jacaré não conta com o atacante Tavares, que sentiu dores no joelho, mas vai ter Eduardo como substituto. O Altos é líder do seu grupo com seis pontos conquistados em dois jogos e uma nova vitória deixa o time com a classificação encaminhada. 

 Altos realiza treino no estádio Felipão para enfrentar neste sábado, no Lindolfo, com portões fechados. Foto: Elias Fontinele/ODia

O adversário vem de uma vitória por 5 a 2 em cima do Tocantins. Pouco conhecido, o treinador altoense prefere pensar em se impor dentro de casa e, mesmo sem a presença do torcedor, fazer o dever de casa. “Como falei para os atletas, os dois jogos já passaram e agora estamos em busca de um outro objetivo. Estamos bem na competição, mas fazer os pontos dentro de casa é fundamental e chegando aos nove pontos, a classificação que é o primeiro objetivo fica muito próxima”, disse Paulinho.

Com oportunidade entre os 11, Eduardo fala sobre a importância de não subestimar o adversário e continuar mostrando um bom futebol. “Nossa equipe está bem na competição e conseguiu pontos importantes, mas precisamos manter os pés no chão e lembrar que do outro lado vem um rival que também venceu bem e quer somar pontos”, frisa Eduardo.

O Altos deve repetir a formação que goleou o Cordino, do Maranhão, na última rodada: Rodrigo no gol, Dos Santos, Marcelo, Leoni, Marcone, Tiaguinho, Wagner, Manoel, Esquerdinha, Joelson e Eduardo. 

A partida entre Altos e Santos, do Amapá, acontece hoje (3), às 17h, no Lindolfo Monteiro. Os laudos do estádio venceram na última quarta-feira (31) e não foram renovados pelas SEMEL a tempo e, por conta disso, o jogo acontece com portões fechados. A partida é válida pela 3ª rodada do Brasileiro Série D

Compartilhar no
Fonte: Jornal O Dia
Edição: Luiz Carlos de Oliveira
Por: Pâmella Maranhão

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário