Sem laudos, jogo do Altos e Santos -AP será com portões fechados no Lindolfo

Os laudos de liberação do Lindolfo Monteiro tinham validade de um ano e não foram renovados

31/05/2017 08:03h - Atualizado em 31/05/2017 11:07h

Compartilhar no

O futebol piauiense continua sofrendo com a falta de estádios em condições de receber jogos. O estádio Albertão segue fechado e sem previsão de reabertura. Desde o ano passado, o Lindolfo Monteiro vem sendo o único local apto a receber jogos e o laudo para utilização do estádio venceu ontem (30) e a Secretária de Esportes e Lazer (SEMEL) não encaminhou a documentação necessária para a renovação dos laudos a tempo da partida entre Altos e Santos, do Amapá, que acontece neste sábado (3), às 17h, no Lindolfo. O jogo é valido pela 3ª rodada do Brasileiro Série D. 


Lindolfo Monteiro de portões fechados (Foto: Jailson Soares/ODIA)

O presidente do Altos, Warton Lacerda, lamenta o fato da partida acontecer com portões fechados. O Altos é a equipe piauiense com melhor campanha dentro do Brasileiro Série D, em 2017. Em dois jogos acumula duas vitórias – venceu o Tocantins por 3 a 1 e no último sábado (27) goleou o Cordino, do Maranhão, por 4 a 0. “Um jogo de Campeonato Brasileiro com um time que vem fazendo uma boa campanha com portões fechados eu não sei nem o que dizer”, afirmou o cartola. 

Os laudos de liberação do Lindolfo Monteiro tinham validade de um ano. De acordo com o vice-presidente da Federação de Futebol do Piauí (FFP), Robert Brown, o processo de renovação dos laudos era simples, mas para a partida de sábado (3) não tem mais como o estádio ter público liberado por conta do tempo, pois depois de renovar os laudos é necessário encaminhá–los para CBF. “Os laudos de engenharia, Corpo de Bombeiros e Polícia Militar venceram ontem. O da Polícia Militar já está certo, então faltam os outros dois. O pessoal da SEMEL estava trabalhando para solicitar os outros dois laudos ainda ontem, mas ainda precisavam ser entregue no CREA e devem estar prontos hoje (31), mas hoje não dá mais tempo de encaminhar para CBF. Sem laudos, o jogo será com portões fechados”, explica Robert. 

De acordo com o secretário da SEMEL, Renato Berger, o órgão foi alertado de que os laudos estavam perto do vencimento e ainda na semana passada foi dada a entrada nos alvarás. “Eu fui alertado pela própria federação e dei entrada ainda semana passada, mas o alvará da engenharia acabou tendo um problema porque não pode ser assinado por um engenheiro da prefeitura e, por isso, só terei os alvarás em mãos hoje. Por intransigência da CBF, os portões serão fechados”, explica Renato

Compartilhar no
Edição: Luiz Carlos Oliveira
Por: Pâmella Maranhão

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário