• Curta Doar
  • Teresina 167 anos
  • Casa dos salgados
  • Novo app Jornal O Dia

River apresenta Mazinho Patrão e José Roberto para reforçar base

Os dois nomes tem vasta experiência com categorias de base e principalmente com trabalho no Nordeste

08/08/2019 09:37h - Atualizado em 08/08/2019 09:51h

As categorias de base do River estão com caras novas. À tarde de quarta-feira (7) foi de apresentações, pois a coordenação da categoria de base agora tem Mazinho Patrão à frente e o Sub19 e José Roberto como novo treinador. Os dois nomes tem vasta experiência com categorias de base e principalmente com trabalho no nordeste, mas estão pela primeira vez no Piauí.

Mazinho Patrão trabalhou por 13 anos nas categorias de base do Ceará Sporting Clube . Nos primeiros dias em contato com a estrutura que o Galo Carijó tem a oferecer e após muita conversa com o presidente Genivaldo Campelo explica a importância do trabalho de base com foco em resultados e principalmente tornar os jogadores uma fonte de renda ao clube.




“O River faz um trabalho muito bom nas categorias de base e desde o ano passado começamos a ter um contato mais próximo em virtude de competições. A categoria de base é primordial para qualquer clube, o clube que tem uma categoria de base forte por consequência se torna um clube forte e é uma forma de criar jogadores mais identificados com o clube, baratear folha de pagamento, ter jogadores com DNA do próprio clube”, explica Mazinho Patrão



A base recebe também novo comandante em sua principal categoria, no caso, o Sub19, que tem pela frente a disputa da Copa do Nordeste sub20 e a Copa São Paulo de Futebol Junior. José Roberto trabalhou no Horizonte (CE) recentemente e no currículo a disputa das duas competições, além de inúmeros cursos voltados para gestão de base no futebol.



“Primeiro uma competição regional, onde você tem oportunidade de enfrentar as principais escolas regionais e o River vem fazendo boas competições do Nordeste. A Copa São Paulo que a grande menina dos olho da base, apesar de em tese ter mudado um pouco, mas temos que trazer isso como referência. Porem precisamos de um processo de desenvolvimento e ter a competição como meio e não como um fim, pois quando a competição é o fim e o titulo não vem isso frustra e a ideia aqui é criar desenvolvimento de atleta”, frisa José Roberto.



Mazinho e José Roberto tiveram contato com alguns atletas ainda ao longo da tarde de ontem (7) e agora iniciam processo de reconhecer o que terão a disposição no clube piauiense. O River atualmente trabalha desde Sub9 ao Sub19. 

Fonte: Pâmella Maranhão
Edição: Biá Boakari

Deixe seu comentário