• AZ no rádio
  • cachoeir piaui
  • Campanha salao
  • APCEF
  • Novo app Jornal O Dia
  • TV O DIA att
  • TV O Dia - fullbanner

Lateral Edílson auxilia diretoria do Cruzeiro em contratações

Foi por ele que Pedro Rocha, anunciado na semana passada, se aproximou do clube mineiro.

09/04/2019 15:23h

Titular no lado direito, Edílson tem marcado gols importante fora das quatro linhas para o Cruzeiro. Aos 32 anos, ele já passou por grandes clubes nacionais, como Corinthians e Grêmio, e tem usado essa experiência para aproximar a diretoria do Cruzeiro de jogadores cobiçados.

Foi por ele que Pedro Rocha, anunciado na semana passada, se aproximou do clube mineiro. Também foi com o seu "aval" que Rodriguinho apostou suas fichas no projeto celeste e topou voltar para Minas Gerais.

O namoro entre Cruzeiro e Pedro Rocha começou no ano passado. Por duas vezes, o clube tentou repatriar o jogador. Nas ocasiões, Edílson já estava no clube e serviu como um intermediador para fazer a ponte entre seu atual companheiro de clube e a diretoria celeste.

Sem sucesso em 2018, as conversas ressurgiram com mais força nas últimas semanas. Nas redes sociais, o lateral foi o primeiro a dar as boas-vindas ao atacante. Enquanto as partes se acertavam em relação ao contrato, a esposa do novo reforço também já estava em contato com a mulher de Edílson para encontrar uma nova casa em Belo Horizonte.

"Eu até brinco com o Edílson, chamando ele de meu diretor, porque em algumas contratações, quando ele conhece, já é experiente e influencia muito sim. Quem me apresentou ao Pedro Rocha foi ele. Tem mais de um ano que a gente vem conversando, e o Pedro Rocha tinha me dado a palavra dele que, quando voltasse ao Brasil, iria priorizar o Cruzeiro. O Cruzeiro só ganhou por isso", comentou recentemente o vice-presidente de futebol, Itair Machado.

Mas não foi só Pedro Rocha que Edílson ajudou a viabilizar a contratação. Quando o Cruzeiro ainda negociava com Rodriguinho, o meia conversou com o lateral para saber como era a situação dentro do clube. Os dois atuaram juntos no Corinthians, e o lateral foi o responsável por passar os detalhes sobre o ambiente e a ambição do grupo.

Satisfeito com o que ouviu, o meia deixou o Egito e assinou com o Cruzeiro por três anos. Em seus primeiros meses, o recém contratado é uma das gratas surpresas e já pode ser considerado o reforço que melhor se encaixou no time até o momento.

Anunciado com status de contratação de peso, Pedro Rocha já vive a expectativa para estrear no Cruzeiro. Segundo o próprio jogador, ele já tem condição de entrar em campo assim que possível, mas a ideia de Mano Menezes é dar mais tempo ao atleta para adquirir a parte física, já que atuou com pouca frequência neste ano.

Se o treinador mudar de ideia, Pedro poderá ser utilizado nas finais do Mineiro contra o Atlético-MG, que terão inicio no domingo (14). Na Libertadores, terá que esperar por uma classificação às oitavas de final para ser inscrito na nova lista.

O próximo compromisso cruzeirense na competição continental é já nesta quarta-feira (10), a partir das 19h15, contra o Huracán (ARG), no Mineirão. O Cruzeiro lidera o grupo B, com nove pontos.

Fonte: Folhapress

Deixe seu comentário