• Natal
  • Policlinica
  • Motociclista
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Grêmio prega cautela contra o Athletico-PR em duelo de volta

Athletico e Grêmio duelam nesta quarta (4), às 19h. No jogo de ida, em Porto Alegre, o time comandado por Renato Gaúcho venceu por 2 a 0.

04/09/2019 07:27h

O Grêmio tem uma boa vantagem contra o Athletico-PR, na semifinal da Copa do Brasil, mas adota cautela. Nesta terça (3), o goleiro Paulo Victor reforçou o discurso de respeito ao adversário, às vésperas do segundo jogo, que decide vaga na final.

O goleiro ainda citou o gramado sintético da Arena da Baixada e seus reflexos na partida como um dos motivos para o time gaúcho atuar com atenção e parcimônia.

"É um adversário difícil, vamos para lá com todo respeito. O time deles é muito bem treinado, tem jogadores de alto nível. Temos que ir lá sabendo que não vai ser fácil", disse Paulo Victor.

Athletico e Grêmio duelam nesta quarta (4), às 19h. No jogo de ida, em Porto Alegre, o time comandado por Renato Gaúcho venceu por 2 a 0.

O Grêmio pode até perder por um gol de diferença que vai à final da Copa do Brasil. Mesmo assim, um item que já virou obrigatório antes de todo jogo do Athletico em casa veio à tona.


Foto: Grêmio FC

"A Arena da Baixada é um estádio moderno, um estádio bonito. A gente nem tem que ficar questionando, mas claro que a bola fica mais viva. Mais rápida. A grama sintética deixa a bola mais viva, mas se chover o estádio vai ser fechado. Temos que ir lá com intuito de jogar futebol", comentou o goleiro do Grêmio.

De acordo com Paulo Victor, o Grêmio vem se preparando para o jogo no gramado artificial há semanas. Uma tentativa de minimizar os efeitos do piso.

"É sempre difícil para a gente assim. Por ser uma ocasião diferente. Mas não é nada excepcional. Professor Rogério tem mecanismos para minimizar. Estamos trabalhando já há uns 15, 20 dias para chegar lá e estar preparado", contou Paulo Victor.

Everton, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, desfalca o Grêmio em Curitiba. Pepê deve ser o substituto de Cebolinha.

No Athletico-PR, o técnico Tiago Nunes terá três desfalques em relação à partida de sábado (31) contra o Ceará, pelo Brasileiro: o lateral-direito Madson, que pertence ao Grêmio, o zagueiro Pedro Henrique, que não pode atuar por já ter defendido o Corinthians nesta edição da Copa do Brasil, e o lateral-esquerdo Adriano, contratado após o prazo de inscrições para o torneio. Khellven, Lucas Halter e Márcio Azevedo são os prováveis substitutos.

Fonte: Folhapress

Deixe seu comentário