• Curta Doar
  • Teresina 167 anos
  • Casa dos salgados
  • Novo app Jornal O Dia

Cássio lamenta tom de ameaça em protestos no Palmeiras

Não acho legal, não gostaria que acontecesse aqui, nem em nenhum clube, futebol é um ambiente legal, de família, tem que trazer coisas do bem", disse o goleiro.

05/08/2019 08:56h

Destaque do Corinthians no empate por 1 a 1 com o Palmeiras neste domingo (4), em Itaquera, pelo Campeonato Brasileiro, o goleiro Cássio comentou sobre o recente protesto feito pela torcida do Palmeiras antes do clássico. O corintiano lamentou a manifestação, que teve tom de ameaça.

"É inevitável que veja notícias, mas a gente acaba não olhando. Eu gosto de ver lances do adversário, é lamentável, teve até coisas em tom de ameaça, mas não cabe a mim julgar. Não acho legal, não gostaria que acontecesse aqui, nem em nenhum clube, futebol é um ambiente legal, de família, tem que trazer coisas do bem. Já joguei lá no estádio deles, e a torcida se faz presente, como a nossa, mas não estou no dia a dia de lá", afirmou Cássio.

Em entrevista coletiva, o técnico Luiz Felipe Scolari evitou falar sobre o protesto da torcida palmeirense, e descartou deixar o comando da equipe, que ocupa a segunda colocação no Campeonato Brasileiro, a quatro pontos do líder Santos.


Foto: Reprodução/Instagram

No jogo deste sábado, o Corinthians abriu o placar com o zagueiro Manoel, de cabeça, no primeiro tempo. O Palmeiras, depois de um primeiro tempo com poucas chances, chegou ao empate na segunda etapa, com o volante Felipe Melo, também de cabeça. Cássio, pelo lado do Corinthians, e Weverton, do Palmeiras, foram destaques com boas defesas. O goleiro corintiano ainda salvou arremate de Deyverson no último lance de perigo do jogo.

Com o resultado em Itaquera, o Corinthians chegou aos 20 pontos, assumindo a sétima colocação do Campeonato Brasileiro, ainda com um jogo a menos. A equipe volta a campo nesta quarta-feira (7) para fazer o jogo atrasado da sétima rodada com o Goiás, novamente no Itaquerão.

Fonte: Folhapress

Deixe seu comentário