Tiago Abravanel faz post contra a homofobia após tia polemizar na TV

Ator compartilhou imagem depois que a apresentadora Patrícia Abravanel disse que não considera 'normal' a relação entre pessoas do mesmo sexo.

10/05/2016 10:50h

Compartilhar no

Depois de Patrícia Abravanelcausar polêmica ao dizer, na noite de domingo, 8, durante participação no programa de seu pai, Silvio Santos", quenão acha "normal" a relação entre pessoas do mesmo sexo, Tiago Abravanel, sobrinho da apresentadora, usou sua conta no Instagram na madrugada desta terça-feira, 10, para se posicionar contra a homofobia.

"A incompreensão daquilo que pode parecer diferente, mas não é... Como é possível se o amor é igual pra todos?", escreveu ele na legenda. Para completar, o ator usou a hastag "vozes contra a homofobia".

Nos comentários, vários fãs entenderam que o post era uma alfinetada em Patrícia. "Sua tia tem muito pra aprender contigo", falou um. "Aprende com ele, Patrícia", escreveu outro. "Parabéns, Tiago. Agora mais do que nunca você é merecedor de toda a minha admiração", elogiou outra fã.

Pedido de desculpas

Alvo de várias críticas dos internautas, Patrícia usou sua conta no Instagram nesta segunda-feira, 9,  para se desculpar pelas declarações. "Peço desculpa se ofendi alguém ontem no 'Jogo dos Pontinhos'. Dei apenas minha opinião, mas fui mal interpretada. Sou a favor do amor, do respeito e da tolerância. Mais uma vez peço desculpas", escreveu a apresentadora na legenda de uma foto de um desenho de um coração.

Patrícia participou de um quadro do programa do pai neste domingo, 8, quando disse que não acha "normal" a relação entre pessoas do mesmo sexo causando a revolta de muitos internautas.

"Li numa revista que um terço dos jovens se relaciona com pessoas do mesmo sexo. Eu acho muito um terço, mesmo sem saber se a opção deles é real. Eles experimentam", disparou ela ao ser questionada pelo pai sobre a relação entre pessoas do mesmo sexo. "Acho que o jovem é muito imaturo para saber o que quer. A gente tem que firmar que homem é homem e mulher é mulher. Acho que não é legal ser superliberal", completou.

Patrícia ainda reafirmou que é preciso ensinar aos jovens a discernir o que é ser homem e o que ser mulher: "Acho que a gente tem que ensinar para o jovem de hoje que homem é homem e mulher é mulher. E se por acaso ele tiver alguma coisa dentro dele que fale diferente, aí tudo bem. O que está acontecendo é que estão falando que tudo é bonito e o jovem acaba experimentando coisas que pode vir a se arrepender depois".

Ela seguiu com a polêmica ao dizer que o pai, o apresentador Silvio Santos, estava fazendo "propaganda indireta" do assunto e afirmou: "Você está propagando, sim. Porque não é uma coisa normal. Hoje, eu falar que sou contra, eles vão me apedrejar. Eu não sou contra o homossexualismo (sic), mas sou contra falar que é normal. E outra, mulher com mulher não é tão legal assim. Não tem aquele brinquedo que a gente gosta bastante".

Compartilhar no
Fonte: EGO

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário