• Banner Cultura Governo do PI
  • Obras no Litoral Cultura
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Carlinhos Maia rabisca obra de arte, e autora promete entrar na justiça

O humorista resolveu rabiscar uma obra de arte em um hotel de Aracaju (SE), onde ficou hospedado, e publicou a imagem no Instagram dizendo ser um presente dele aos fãs que se hospedassem naquele quarto.

29/10/2019 08:00h

O humorista Carlinhos Maia  mais uma vez se vê envolvido em uma polêmica. Agora, ele resolveu rabiscar uma obra de arte em um hotel de Aracaju (SE), onde ficou hospedado, e publicou a imagem no Instagram dizendo ser um presente dele aos fãs que se hospedassem naquele quarto.

Porém, o "rabisco" acabou sendo encarado como algo muito ruim por muita gente e principalmente pela artista plástica Lau Rocha, que em sua conta na rede social disse que entraria na justiça contra o comediante por vandalizar a sua obra.

"Com tristeza e indignação, recebi a notícia de que uma das minhas obras foi vandalizada e exposta em uma rede social, por pessoa que aparenta ter influência na juventude deste país.

Foi um choque ver o descaso da pessoa em questão pelo meu sentimento expressado na obra.

Não autorizei a vandalização, que feriu minha alma e me expôs de maneira absolutamente constrangedora", começou ela.

"Estou tomando as providências legais para reparação do dano e para que se compreenda que há um limite para a banalização da arte, que creio ser uma das mais importantes formas de transformação social", completou.

Carlinhos Maia respondeu dizendo que a obra foi comprada pela dona do hotel, de quem ele disse ser amigo. Ele revelou também que essa moça o havia autorizado a rabiscar dois olhos e uma boca e publicar na internet.


Carlinhos Maia rabisca obra de arte, e autora promete entrar na justiça. Reprodução

"Antes de brincar eu pedi autorização à dona do quadro. Deixei minha marquinha com a autorização da dona do hotel. Sou humorista", disse.

Até mesmo pessoas influentes nas redes sociais se mostraram contrárias à atitude de Maia. Um deles foi o youtuber Felipe Neto, que em seu Twitter condenou o ato.

"Quem compra a obra não tem direito de alterá-la, isso fere a Lei de Direitos Autorais. E esse post é a prova de que ele não aprende nada com os erros", escreveu Neto.

Em resposta, Maia disse que já está acostumado a ser notícia pelo lado negativo. "Queria que a mesma disposição que vocês têm para criar polêmica, fosse a mesma para pedir pelos mares do Nordeste!"

Em setembro, Carlinhos Maia já havia sido alvo de críticas quando disse que quem tenta cometer suicídio seria imbecil. 

Em julho, Carlinhos Maia filmou um morador de rua dormindo nos Estados Unidos, onde passava alguns dias, e o comparou a um ator e aos mendigos do Brasil. "Pessoas da rua, como são diferentes. Impressionante. Até isso é diferente, pessoal. Parece um ator, gente", disse.

Fonte: Folhapress

Deixe seu comentário