• Marcas Inesquecíveis 2018 09/04
  • Marcas Inesquecíveis 2018 26/03

Dia do Selo é comemorado com exposição nos Correios

Nesta quinta-feira serão lançados selos comemorativos à data

01/08/2013 11:25h

Para comemorar o Dia Nacional do Selo, 1º de agosto, a Agência Central dos Correios está com exposição que mostra originais do Olho de Boi, primeiro selo brasileiro - impresso com os valores 30, 60 e 90 réis, em 1843. Nesta quinta-feira serão lançados selos comemorativos à data, visando também o trabalho de colecionadores que estão colocando à visitação pública parte de acervos construídos ao longo de muitos anos.

Para o filatelista Antônio Gomes de Araújo, que está expondo parte de sua coleção que enfoca o Escotismo, essa é mais uma oportunidade para a população admirar um trabalho minucioso, mas que gera momentos de muita alegria: “A filatelia é uma atividade que contribui para o aprendizado da história do mundo, através de peças que falam do folclore, da história, da economia etc”.

Colecionador desde 1969, ele ressalta a importância da filatelia, lembrando que é um passatempo saudável e muito divertido: “Olha, infelizmente, esse hobby não é muito difundido nas escolas, entre crianças e jovens, mas quem o descobre reconhece na filatelia um verdadeiro tesouro cultural”, explica, acrescentando que a variedade de selos é surpreendente e ajuda a conhecer o mundo, sem sair do lugar.

História

O "Olho de Boi" foi o primeiro selo a circular pelo Brasil e o segundo país a emitir selos no mundo. Lançado pelo Império no dia 1º de agosto de 1843, nos valores de 30, 60 e 90 réis, tornaram-se os selos mais famosos do país. A ideia para a estampa do primeiro selo brasileiro, em primeiro momento, era reproduzir a imagem do imperador Dom Pedro II. Após muitas discussões, as autoridades concluíram que os carimbos dos selos acabariam afrontando a imagem da majestade.

O Brasil foi o primeiro país do continente americano e o segundo do mundo a emitir selos postais, com o objetivo de facilitar a correspondência entre diferentes partes do mundo. A série 'Olho de Boi' circulou durante o período de um ano. Sua primeira impressão deveria ser de 6.000.000 unidades de 30 réis, porém sua tiragem ficou em 1.148.994. O de 60 réis teve como tiragem final 1.502.142 selos e o de 90 réis, 349.182. O valor de cada selo correspondia à distância que a carta deveria percorrer. Os de 30 réis eram para distâncias curtas, de 60 para distâncias intermediárias e os selos com a impressão de 90 réis serviam apenas para correspondências internacionais. Por ser um país que contribuiu com a história dos selos, o Brasil ganha destaque entre as comunidades filatélicas do mundo inteiro.

Por: Marco Vilarinho

Deixe seu comentário