"Cordel de três dobras" se apresenta em Teresina

A peça é da Cia de Artes Nissi, de São Paulo

19/09/2013 17:41h - Atualizado em 20/09/2013 13:07h

Compartilhar no

Acompanhando o aumento do número de fiéis e de igrejas evangélicas no Brasil, cresce o movimento de grupos que promovem a evangelização através da arte. Dentre elas está o teatro. As companhias, ou ministérios, produzem e apresentam seus espetáculos nas igrejas e salas de teatro, levando assim a Palavra de Deus e cultura ao público.

Entre estes grupos está a Cia de Artes Nissi (ou Ministério de Artes Jeová Nissi), de Campinas-SP, que nasceu após a percepção de que apesar da diversidade de pessoas, cores e idiomas, todas entendiam a linguagem universal da arte. Há 13 anos a companhia, que conta com um pouco mais de 90 pessoas, viaja levando a mensagem de Cristo.


(Foto: Divulgação)

Além do Brasil, a Nissi já se esteve no Chile, Paraguai, Argentina, Angola, Espanha, Rússia, Portugal, França, EUA e Itália. Alguns dos missionários membros estudam na GITS – considerada a melhor escola de teatro do Mundo, localizada na Rússia.

A Cia. ganhou destaque com “O Jardim do Inimigo”, sua primeira peça, que já levou mais de um milhão de espectadores às igrejas e teatros de todos os estados brasileiros.

Em sua terceira passagem pelo Piauí, o Ministério de Artes Jeová Nissi apresenta nova peça intitulada "Cordel de 3 dobras" . A montagem retrata a história das Parábolas do Filho Pródigo, Juíz Iníquo e das Dez Virgens e tem como enfoque levar o povo de Deus ao arrependimento - se preparando para a volta de Jesus.

Apresentação realizada em Caldas Novas (Foto: Divulgação)

As apresentações ocorrerão de 22 à 31 de outubro, sendo que algumas datas ainda estão livres para agendamento. As igrejas interessadas deverão entrar em contato com Ewerton Silva através do telefone (86) 8814-8281, ou enviar um email para [email protected]

Confira mais fotos da peça:



Compartilhar no
Fonte: Ascom

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas