Roda Viva

Myriam foi protagonista, quando nãose falava em empoderamento

Como deputada federal, a primeira do estado do Piauí, deu contribuições significativas ao texto final da Constituição de 1988.

08/04/2020 15:00h

Compartilhar no

Legado que fica

A morte da ex-deputada federal Myrian Portella reacendeu a importância de seu legado para o cenário político brasileiro. Apesar de ter sido casada com um governador e ter convivido em uma das famílias mais influentes da história da política piauiense, Myrian conseguiu exercer o protagonismo, em uma época que ainda nem se falava em empoderamento feminino, expressão bastante utilizada hoje em dia. Como deputada federal, a primeira do estado do Piauí, deu contribuições significativas ao texto final da Constituição de 1988, principalmente no que diz respeito às políticas sociais e defesa dos direitos dos trabalhadores. Myrian Portella também foi uma das primeiras mulheres a disputar a prefeitura de Teresina, em duas oportunidades. Em tempos de crescimento dos movimentos em prol da participação feminina na política, trajetórias como como a de Myrian Portella precisam ser exaltadas e lembradas. Afinal, depois que morremos, o legado é o que fica. 

O presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis (CRECI), Nogueira Neto, faleceu nesta terça-feira (07), aos 64 anos.  O caso é mais um dos suspeitos da Covid-19. Além da atuação no órgão de classe de sua categoria, Nogueira Neto também era empresário e, recentemente, havia anunciado seu nome como pré-candidato à Prefeitura de Pedro II, sua terra natal. 

Multa 

A portaria que autoriza a aplicação de multas a pessoas físicas e jurídicas que insistirem no descumprimento de medidas de saúde foi assinada nesta terça-feira, 7, pelo secretário Florentino Neto.  O valor da multa por infração varia de R$ 500 a R$ 5 mil para pessoas físicas e de R$ 5 mil a R$ 17.650 para pessoas jurídicas. Para a imposição da pena de multa e a sua graduação, a autoridade sanitária levará em conta a gravidade da infração, circunstâncias atenuantes ou agravantes e a condição econômica do infrator.

Avaliação

O Cidadania, mesmo comandado pelo experiente Celso Henrique, não teve condições de atrair nomes competitivos para formar uma chapa de vereador em Teresina. Expulso do partido, Dr. Lázaro diz que Henrique não inspira confiança e isso afastou prováveis os aliados. 

O presidente sem caneta

Enquanto a política local piauiense dá sinais de tranquilidade, o cenário nacional ferve com a perda de poder do presidente da República, Jair Bolsonaro.  Ele não consegue demitir ministros que se tornaram mais populares que ele. Ano passado foi assim com Sérgio Moro na Justiça e agora com Mandetta na Saúde.

Boa Iniciativa!

O estado do Piauí receberá 15 mil unidades de álcool em gel fabricado pela Ambev. A partir de amanhã, um primeiro lote com 1.200 unidades chega aos hospitais públicos municipais e universidades federais da região. O produto será disponibilizado em garrafas PET como as utilizadas para as bebidas. Nas últimas semanas, a empresa conseguiu dobrar sua produção de álcool em gel, chegando a um milhão de unidades, que agora serão doadas a todas as Secretarias Estaduais de Saúde das 27 unidades federativas do Brasil. 

Auxílio para receber o auxílio

O Governo anunciou nesta terça-feira os caminhos que devem ser utilizados para solicitar o auxílio emergencial de R$ 600, destinado aos trabalhadores informações, microempreendedores individuais e famílias de baixa renda. O que era pra ser solução, pode se tornar um problema, já que a solicitação é quase que totalmente feita através da internet, por meio de site e aplicativo. Acontece que, o Piauí é um dos exemplos de baixa inclusão digital. Cabe as prefeituras organizar de maneira adequada o apoio às famílias que, em muitos casos, não possuem nem energia em casa, muito menos internet e telefone celular.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas