Roda Viva

Feminicídio já fez 67 vítimas no Piauí nos últimos três anos

Feminicídio já fez 67 vítimas no Piauí nos últimos três anos

25/07/2017 09:08h

Compartilhar no

Feminicídio já fez 67 vítimas no Piauí nos últimos três anos

O Núcleo de Estatísticas da Secretaria de Segurança Pública divulgou ontem (24) que uma mulher corre quatro vezes mais riscos de ser violentada dentro de casa do que no transito. A violência doméstica é de fato, um assunto a ser discutido diariamente e uma prática a ser combatida por todos os meios. Ela é fruto do machismo tão presente nas relações sociais de hoje e por isso, conquistas só serão alcançadas se além da atuação do poder público, a sociedade se conscientizar da necessidade de combater praticas cotidianas que contribuem diariamente para construção de uma sociedade machista. O núcleo ainda apontou que a maior incidência de violência ocorre no domingo (21,08% dos casos) no período noturno.  Sobre os feminicídios, em 2015 foram registradas 67 mortes, sendo 25 em Teresina. Em 2016, 54 mortes, 13 na capital. De janeiro a junho deste ano já foram contabilizadas 28 mortes, sendo 15 em Teresina. O núcleo da polícia registrou que 88% das vítimas dos assassinatos de mulheres são negras, e 23% delas são jovens. 

A briga interna para decidir o futuro do PMDB no ano que vem deve ser das boas. Em registro do último final de semana em Corrente, dá para perceber que João Madison (PMDB) está pronto pra briga. Ele é defensor da tese de apoio à reeleição de Wellington Dias, tendo Themistocles Filho (PMDB) como vice. Já o presidente nacional do Sesi, João Henrique, fecha a cara para a proposta e corre atrás de apoio para se viabilizar candidato de oposição ao governo.  

Contradição

O mesmo governo que ano passado promoveu aumentos substanciais nos salários dos servidores públicos federais, tem aberto cada vez mais planos de demissões voluntárias para baixar os gastos com pessoal. É uma contradição imensa e demonstra falta de planejamento, uma vez que os aumentos aprovados ano passado foram para conseguir imobilizar servidores de protestarem contra o governo. Quando o planejamento não é seguido à risca pelos governos, a consequência é situação de descalabro financeiro nas contas públicas. 

A conta secou... 

O último contingenciamento de recursos do governo federal vai atingir em cheio o Ministério do Trabalho. Ações de fiscalização de trabalhos escravo e infantil estão comprometidas porque os recursos acabam agora, no mês de agosto. Enquanto isso, sobra dinheiro para comprar apoio de deputados na votação marcada para 2 de agosto. 

Menos para os grandes... 

Já que o cenário é de crise econômica e há necessidade real de contingenciar recursos, alguém de muita coragem e sem rabo-preso deveria sugerir o fim do auxílio-moradia para as altas carreiras do Poder Judiciário e do Ministério Público, aquelas que já ganham R$ 30 mil e para os deputados federais e senadores, que também possuem altos salários. É impressionante como ao anunciar corte de gastos, esses cortes só atingem quem mais precisa dos recursos. 

Reflexos 

O aumento de impostos sobre combustíveis pode gerar aumento de preço na passagem de ônibus em várias capitais. Em São Paulo, o prefeito João Dória (PSDB), afirmou que o aumento reflete nas contas do sistema de transporte coletivo, mas ele vai manter a palavra de não mexer no preço da passagem até o final do ano. É esperar que em Teresina o valor também não sofra mais alterações.

Fusão

A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) está modificando duas linhas de ônibus que servem à população da zona Sul de Teresina. A linha 004 (IAPC/Cristo Rei) será fundida com a linha 516 (Lourival Parente/Morada Nova/Shopping/São João) a medida visa otimizar os serviços. A modificação começa a valer na segunda (31).

Inscrições para o Fies

As inscrições para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) começam hoje (25). A lista de instituições e os cursos ofertados já pode ser consultada desde ontem (24), na página eletrônica do Fies Seleção. As inscrições vão até sexta-feira (28). No total, 75 mil novas vagas serão oferecidas aos estudantes que procuram financiamento para cursar o ensino superior em instituições de ensino privadas. A relação dos candidatos pré-selecionados será divulgada no dia 31, quando também será aberta a lista de espera.

Compartilhar no
Fonte: ODIA

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas