Logosofia

A origem do termo Logosofia

A Logosofia não vai em busca das causas ou princípios, como a filosofia

06/10/2018 16:28h

Compartilhar no

A palavra “Logosofia” reúne os elementos gregos logos e sofia, que o autor adotou, dando-lhes a significação de verbo criador ou manifestação do saber supremo, e ciência original ou sabedoria, respectivamente, para designar uma nova linha de conhecimentos, uma doutrina, um método e uma técnica que lhe são eminentemente próprios.

A Logosofia não vai em busca das causas ou princípios, como a filosofia. Percorre em sentido inverso o caminho, constituindo-se ela própria em fonte de explicação das causas, dos princípios e de toda outra indagação apresentada à inteligência humana. 

A sabedoria que a caracteriza surge espontânea e puríssima da própria Criação. Nela teve origem a ideia-mãe que engendrou seus conhecimentos, de transcendência sem-par para a vida do homem.

A Logosofia não desconhece o valor que puderam ter ou representar os diferentes sistemas que compõem o acervo filosófico; mas afirma, sim, que nenhum deles constituiu um caminho propriamente dito para o conhecimento de si mesmo e do mundo transcendente. Serviram, mais precisamente, para sustentar a moral, que de época em época corria o perigo de desabar.

Cada sistema filosófico constituiu, sem dúvida, um degrau que se acrescentava, para que os homens o pudessem escalar, depositando nele novas esperanças, enquanto experimentavam, até onde era possível, o que havia de certo, de prático e vantajoso na teoria ou no método de mais recente surgimento. 

Ao trazer à luz os conhecimentos que surgem de sua própria fonte, a Logosofia prescinde de todas as teorias conhecidas, e o faz deliberadamente por duas razões essenciais:

1ª. porque sua originalidade mesma lhe impõe isso;

2ª. para evitar a confusão, que perturbaria o livre desenvolvimento do campo mental, ao produzir--se a mistura de sementes de distintas origens.

A Logosofia poderá ser explicada de mil maneiras diferentes e entendida de outras mil, também diferentes, mas, se não for ensaiada e confirmada pelo indivíduo dentro de si próprio, de acordo com seu método, não haverá consciência do saber que se obtém, e se permanecerá tão alheio como antes à realidade que é revelada à inteligência por esta incomparável concepção do homem, de sua organização psíquica e mental aperfeiçoável, e da vida humana em suas mais amplas possibilidades e dimensões.

Eminentemente experimental, a Logosofia leva a experiência a todos os campos da atividade humana.

A Logosofia é uma ciência nova e concludente, que revela conhecimentos de natureza transcendental e concede ao espírito humano a prerrogativa, até hoje negada, de reinar na vida do ser a quem anima. Conduz o homem ao conhecimento de si mesmo, de Deus, do Universo e de suas leis eternas. 

Para saber mais sobre a ciência logosófica, visite e assine nossos principais canais: YouTube (www.youtube.com/logosofia), Facebook (www.facebook.com/logosofia) e Instagram (@logosofiabr), além do site oficial da Logosofia – www.logosofia.org.br.

Em Teresina (PI), a Fundação Logosófica – em prol da superação humana – está presente no seguinte endereço: Rua José Paulino, 845 - 1º andar / Sala 110 – Fátima. Mais informações pelo telefone: (86) 994529269.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas