• Curta Doar
  • Teresina 167 anos
  • Casa dos salgados
  • Novo app Jornal O Dia
João Magalhães

Deputados indicam irmãos, filhos e até o pai para o secretariado estadual

Direcionar um parente em primeiro grau para gerir recursos públicos é uma clara demonstração de priorizar interesses políticos pessoais.

02/05/2019 17:19h

Oito secretários de Estado chegam aos cargos por indicação de parentes. Com o anúncio oficial do novo secretariado, realizado nesta quinta-feira (2) pelo governador Wellington Dias (PT), alguns nomes chamam a atenção devido ao grau de parentesco com os responsáveis pela indicação.

São filhos, pais, irmãs, primos e sobrinhos de deputados estaduais, federais e até senadores. Em alguns casos, o currículo dos indicados é vasto e com formação técnica adequada para ocupar os cargos e desenvolver bem as ações. Até o momento, não duvidamos da capacidade administrativa de nenhum dos indicados.

No entanto, direcionar um parente em primeiro grau para gerir recursos públicos é uma clara demonstração de priorizar interesses políticos pessoais e contribui para o fortalecimento de oligarquias. Além disso, num país em que o poder público é normalmente confundido com o poder privado, a destinação de secretarias e órgãos públicos para o controle político de uma família atinge a credibilidade de instituições públicas.


Pastas em que políticos indicaram parentes para o comando: 


Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos

A deputada federal Margarete Coelho (PP) indicou a irmã, Sádia Castro.


Secretaria de Estado das Cidades – Secid

O deputado estadual Fábio Xavier (PR) - da foto - indicou o irmão, Gustavo Xavier.


Secretaria de Desenvolvimento Econômico

O deputado estadual Nerinho (PTB) indicou o primo, Igor Nery.


Departamento de Estradas de Rodagem – DER

O indicado Castro Neto é filho do senador Marcelo Castro (MDB).


Instituto de Desenvolvimento do Piauí – Idepi

O indicado Leonardo Sobral é sobrinho do deputado estadual João Madison (MDB).


Agência de Desenvolvimento Habitacional do Piauí - ADH

A diretora-geral Gilvana Gayoso é irmã da deputada estadual Flora Izabel (PT).


Coordenadoria do Idoso

O indicado Marllos Sampaio é irmão do deputado estadual Themistocles Filho (MDB).


Coordenadoria de Fomento à Irrigação

O indicado B. Sá (Benedito de Carvalho Sá) é pai do deputado estadual Bessahzinho (PP).


Foto: Poliana Oliveira/O DIA


Deixe seu comentário