Habitar

Castiçais proporcionam requinte a ambientes intimistas

Castiçais proporcionam requinte a ambientes intimistas

21/07/2012 01:11h

Compartilhar no

Em outras épocas, ele já foi apenas um utensílio doméstico de grande necessidade, sendo utilizado apenas para iluminar ambientes com velas quando ainda não existia luz elétrica. Com o passar do tempo, o castiçal foi ganhando novos formatos, passou a ser confeccionado com diversos materiais e ganhou uma importante função decorativa, que se sustenta até hoje. A arquiteta Ivone Nascimento lembra que essa função é a única atribuída às peças atualmente, uma vez que dificilmente as velas são acesas, colocadas no ambiente apenas para proporcionar uma atmosfera agradável e de acordo com a ocasião.

Os castiçais são usados para decorar casas, apartamentos, ambientes empresariais, casamentos e festas em geral. Ivone ressalta que nas mesas de jantar, o utensílio pode conferir bastante elegância em casos de reuniões familiares, de amigos ou festas mais elaboradas. "O único requisito é ter bom gosto na hora de usar. Um castiçal colocado na ocasião ou no lugar errado pode ser super deselegante", explica.

Segundo Ivone, a decoração com uso de castiçal imprime glamour ao ambiente, mas, lógico, requerendo um toque de delicadeza e sensibilidade no momento de pensar toda a ambientação. "Essas peças decorativas deixam o espaço com um charme sem igual. Em situações diversas, ele cria um clima intimista e aconchegante, desde um banho a dois numa banheira a uma refeição coletiva numa sala de jantar", assinala.

Castiçal X Candelabro

O candelabro também é um ótimo recurso decorativo, entretanto, este diferencia-se do castiçal no número de suporte para velas. O castiçal possui encaixe para apenas uma vela, ao passo que o candelabro dispõe de vários suportes. Alguns chegam a ser bem trabalhados e com detalhes tão requintados que assemelham-se a lustres. Todavia, alguns cuidados devem ser tomados ao utiliza-lo na decoração; eles jamais devem estar numa mesa para almoço. Como a peça geralmente é maior e mais chamativa, deve ser deixada em alguma mesa auxiliar, ou no living com as velas apagadas.

Modelos diversos

Existem castiçais de vários materiais. Na decoração, apenas um modelo era utilizado no mesmo ambiente. Ivone Nascimento explica que, hoje, vários tipos de castiçais podem ser empregados na decoração de um único espaço. "Usamos diversos modelos. Antigamente era apenas um castiçal, ou no máximo um de cada lado da mesa ou do aparador. Hoje podemos reunir cinco ou até seis de modelos diferentes, dependendo da organização e da proposta do ambiente.

Cuidado com as velas

No momento de escolher as velas, deve-se ter em mente que elas não podem exalar nenhum perfume, principalmente quando for para decorar a mesa de jantar. No ambiente, o único aroma que deve prevalecer é o da comida. Quando ao tamanho, as velas altas são indicadas para aparadores e mesas de centro baixas; para mesas de jantar, recomenda-se velas menores. A quantidade deve ser determinada pelo tamanho do móvel que será adornado pelos castiçais.

Onde usar

O uso de castiçais é condicionado na personalidade do proprietário da casa, ou da proposta do ambiente corporativo, no caso de ambientação empresarial. Castiçais de vidro, por exemplo, são coringas que podem ser usados para qualquer proposta de decoração. "Se a pessoa gosta de tendências modernas, pode-se colocar de cinco a seis castiçais contemporâneos, seja de vidro ou com bases espelhadas. Quando se busca uma leitura mais antiga, recomenda-se usar castiçais de prata, bronze ou latão, conferindo um ar de antiguidade acolhedora", argumenta a arquiteta.

Castiçal artesanal

Obviamente os castiçais vendidos em lojas são de encher os olhos, mas para quem quer economizar ou simplesmente prefere optar por trabalhos artesanais, pode confeccionar seu próprio cartiçal. Basta pegar alguns vidro e, com muito bom gosto, customizá-lo para receber uma vela. Uma ideia é utilizar vidros de conservas e enfeita-los com pedras no fundo ou com barbantes ao redor. Outra opção para um toque ainda mais charmoso é acrescentar água e, em seguida, uma vela flutuante. Neste caso, a vela acesa proporciona uma atmosfera super intimista e bem romântica.

Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas