• Natal
  • Policlinica
  • Motociclista
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia
Garrincha

Pais e mães devem atentar para as atividades físicas dos seus rebento

Confira o texto publicado na coluna Prego na Chuteira no Jornal O Dia.

22/11/2019 08:12h

Esporte é saúde

A movimentação física de nosso corpo, o mexa-se, é importante para o desenvolvimento de todos os órgãos humanos. E o esporte é o caminho natural do desenvolvimento corporal e até mental porque para se fazer as jogadas tem que se pensar, raciocínio rápido para uso dos pés, da mãos e até das cabeças, ainda que seja um “cabeça de pato!” Os pais e as mães devem atentar para as atividades físicas dos seus rebentos porque na atual conjuntura, nesta era do celular, o menino não quer mais  se exercitar e correr atrás de uma bola para jogar com os pés ou com as mãos, ocupado que está no bendito telefone. Pais e mães até acham é bom dizendo que pelo menos , ele está quieto mas não se tocam que a cabeça está é no mundo, vasto mundo e como se dizia antigamente “não dá tratos á bola” e nem de bola ele gosta mais, tanto menino  como rapaz. E assim, o corpo vai recebendo aquele cobertura de óleo como as praias nordestinas. Tanto nos meninos como nas meninas. É o engorduramento corporal, coisa hoje bastante natural tanto no interior como na capital. Logo vem o ensebamento cultural e você nem avalia o peso de uma cabeça ensebada. A necessidade do encaminhamento da juventude no rumo do esporte é uma coisa fundamental. Assim como no rumo das letras e das artes. Não se pode é deixar o jovem “tomar o rumo da venta” porque a mocidade é muito afoita e hoje em dia, nesta época do celular, menino já nasce saben-do o beabá. E as atividades esportivas são fundamentais na vida da pessoa seja qual for o sexo ou anexo. È o famoso “mexa-se” que o Panzilão disse para a Raimunda da Vermelha e ela respondeu , na bucha: “Só se for com os zoi...”. Para o pessoal da minha geração, é muito importante  a movimentação corporal diária e não apenas em fins de semana. A cervejá sim, pode ser marcada para fim de semana mas  a movimentação física tem que ser diária. E já que você não faz mais aquilo, faça isto. Mexa-se! Esporte é saúde! Quem fala assim não é gago!

Que beleza!

Olhem aí que coisas lindas .. Um time de garotos com a camisa do São Paulo, treinados, na época pelo Ézio Cearense - esse da ponta. Não tenho dados sobre esta foto, o ano, etc, mas que é bonita, isto é...

Cadê o Inter?

Leitor me interroga via e-mail se eu sei alguma coisa a respeito de campeonato de futebol do interior, o intermunicipal que já foi tão falado e disputado e era promovida pela APCDEP, uma entidade dos cronistas esportivo do Piauí e que fazia a festa do futebol interiorano deste estado de necessidade. Devo informar ao distinto que não tenho informações sobre o assunto e que a associação hoje em dia, Padre Nosso ave Maria, a agremiação está sob a presidência do dinâmico colega Francisco Costa, intimamente ele chamado de Chico Rato que convenhamos não é uma boa apresentação para uma entidade de classe. Se fosse,ao menos, associação de árbitros...

Mais um !

Severino Filho lança mais um livro sobre futebol piauiense. Este Buim é um paidegua! Ele é o “último dos moicanos” deste jogo de bola furada. Numa época em que ninguém quer mais saber de leitura em livro é só no celular, gastando os riscos dos dedos, eis que o irmão do Galego e do Vilarinho vem com mais um compêndio falando sobre a alegria do povo que o ludopédio como diziam os latinos. Recomendo ao meu leitorado cativo e ativo que compre o livro do Buim. Sexta-feira,dia 22.’ Memórias do Futebol do Piaui, volume 6, coleção Severino Filho. 18, 30, lá no estúdio Pokemon, rua Lindolfo Monteiro 1552, Fátima. Uma boa oportunidade para a gente rever a negrada do futebol.


Deixe seu comentário