• Dia do PI 2018
  • Banner boticário Malbec Magnetic
  • TV O DIA - fullbanner w3b
  • TV O Dia - fullbanner

Notícias Esplanada

18 de outubro de 2018

Coação eleitoral

As denúncias contra empresas acusadas de coagirem funcionários a votarem em candidatos cresceram, até agora, 1.500% em relação ao pleito de 2014

Coação eleitoral 

As denúncias contra empresas acusadas de coagirem funcionários a votarem em candidatos cresceram, até agora, 1.500% em relação ao pleito de 2014. É o que revela o mais recente balanço do Ministério Público do Trabalho ao qual a Coluna teve acesso. São 155 denúncias que versam sobre constrangimento, humilhação e ameaças veladas de perda de emprego. Em 2014, foram registradas apenas 10 denúncias. O MPT informa que 55 empresas já foram identificadas como autoras do crime eleitoral. Algumas foram denunciadas mais de uma vez, como é o caso da Havan, de Santa Catarina.

Ranking 

Santa Catarina lidera o ranking de denúncias (64), seguida pelo Rio Grande do Sul, com 32; Paraná (24), São Paulo (12), DF e Tocantins (10) e Pernambuco (2). 

Inquérito 

O MPT esclarece que, de forma geral, o procedimento adotado é a análise das denúncias por um procurador ou por um grupo de procuradores, que decidem por abertura ou não de inquérito: “A partir dos resultados do inquérito, decide-se acionar ou não a empresa, buscando firmar um acordo ou entrar com uma ação”. 

Havan 

Também, conforme o MPT, é possível pedir antecipação de tutela, “para buscar cessar a irregularidade imediatamente”. Foi o que aconteceu em Santa Catarina, com as lojas Havan.

Efeito Bolsonaro

Deputados dos PSL ou alinhados ao presidenciável Jair Bolsonaro se reelegeram neste ano com expressivo aumento de votos em relação a 2014. Eduardo Bolsonaro, mais votado do Brasil, obteve 1,8 milhão de votos - 2142,33% a mais que no pleito anterior. Luciano Bivar (PSL) também registrou crescimento de 374% em relação a 2014. 

Revés nas urnas

De acordo com Secretaria-Geral da Mesa da Câmara, 161 dos 251 deputados reeleitos perderam votos nesta eleição. Entre eles, Clarissa Garotinho (Pros-RJ), que teve 89% a menos de votos, seguida de Jean Wyllys (Psol-RJ), Paulinho da Força (SD), Shéridan (PSDB) e Celso Russomano (PRB). 

Sinal verde

O presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) deu sinal verde para que a Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA) faça a indicação de nomes para a pasta da Agricultura em seu eventual governo. A chamada bancada ruralista está totalmente fechada com o capitão reformado. 

Cotados 

Mas não será uma escolha pacífica. Entre os cotados, o presidente da UDR, Nabhan Garcia, o senador eleito Luis Carlos Heinze (Progressistas), a presidente da FPA, Tereza Cristina (DEM-MS) e o atual ministro da Agricultura, Blairo Maggi.

Corredor da morte

De um ministro do alto escalão do governo Temer ao comentar o clima de final de governo em encontro com parlamentares reeleitos: “Vocês estão bem. Nós estamos no corredor da morte”. 

Que crise ? 

A despeito da previsão do déficit de R$ 139 bi para 2019, Câmara e Senado referendaram a criação de 164 cargos do Ministério da Segurança Pública. 

Impacto

A MP aprovada autoriza o pagamento de salários que variam de R$ 2.585,13 a R$ 16.215,22. Impacto orçamentário, segundo equipe econômica do Governo, será de R$ 14 milhões em 2018, R$ 19,4 milhões em 2019 e R$ 19,5 milhões em 2020. 

Cautela

Após receber a visita do tenente-coronel Zucco (PSL), deputado estadual mais votado do Rio Grande do Sul, e do deputado Ônix Lorenzoni (DEM-RS), o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) evitou cantar vitória antes do resultado das urnas: “Nada está decidido. . . ainda”. 

Mais uma 

PT prepara nova ação contra Jair Bolsonaro que será protocolada no TSE. Com base no  art. 355 do Código Eleitoral, que veda ato de campanha em repartição da administração pública, partido acusará o capitão de ter cometido crime ao  visitar a sede da Política Federal no Rio de Janeiro nesta quarta-feira,17.

______________________

ESPLANADEIRA

.  Academia Brasileira de Letras (ABL) realiza hoje a conferência “Patrimônio Cultural Brasileiro: abordagens, desafios, políticas” com palestra da arquiteta e urbanista graduada pela Universidade de Brasília Marcia Sant’Anna.

17 de outubro de 2018

Teto de gastos

A equipe econômica da campanha do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) mantém-se em divergência quando o assunto é o teto de gastos públicos

Teto de gastos 

A equipe econômica da campanha do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) mantém-se em divergência quando o assunto é o teto de gastos públicos, instituído em 2016 pela Emenda 95. Uma ala, comandada pelo próprio deputado e pelo guru econômico Paulo Guedes, defende a manutenção das regras que congelou os gastos por 20 anos. Outra, respaldada por estudos que mostram que a medida - a longo prazo - pode comprometer investimentos, prega discretamente a flexibilização do teto já a partir do primeiro semestre de 2019. 

Letargia

Na Câmara, Jair Bolsonaro votou a favor PEC 241, que congelou as despesas públicas. À época, justificou que apoiou a proposta de Temer para o Brasil sair do “estado de letargia”, causado, segundo ele, pelos governos do PT.

Gestão pública 

Já Fernando Haddad mantém o discurso de que, se eleito, irá revogar o teto de gastos pois, na avaliação do PT, “a medida inviabiliza a gestão pública”. 

Ao ataque

Em meio à frustração de não ter conseguido fechar uma frente ampla de esquerda no segundo turno da disputa presidencial, o PT irá pulverizar os ataques ao adversário Jair Bolsonaro (PSL). No alvo da nova ofensiva petista estão prováveis ministros do eventual governo do deputado que lidera com folga as pesquisas de intenção de votos.

Caixa 2 

A campanha petista propaga nos últimos dias, por exemplo, a informação de que o deputado Ônyx Lorenzoni (DEM-RS), principal articulador da campanha de Jair Bolsonaro e cotado para ser ministro da Casa Civil, admitiu ter recebido R$100 mil reais em caixa 2. Em 2017, o democrata de fato assumiu ter usado o dinheiro sem declarar na prestação de contas.

Passado 

Eleito para o Senado, Cid Gomes (PDT) teve pelo menos dois motivos para esbravejar contra o PT durante o encontro com prefeitos no Ceará. Em 2015, caiu do comando do Ministério da Educação após bater boca com deputados da então base aliada do governo Dilma no plenário da Câmara. 

Presente

A família Gomes também não engoliu a articulação do PT, encabeçada pelo ex-presidente Lula, que implodiu a aliança de Ciro Gomes (PDT) com o PSB no primeiro turno. “O PT deste jeito merece perder", disparou Cid aos prefeitos petistas. 

Continência

O general Hamilton Mourão segue à risca a recomendação do comando da campanha de Jair Bolsonaro (PSL) para evitar temas polêmicos em entrevistas e palestras. O vice até passou a ouvir assessores próximos antes de falar em público ou com jornalistas, procedimento que não adotara no primeiro turno. 

Ditadura

Senador Hélio José (Pros-DF) diz que, se o deputado Jair Bolsonaro (PSL) for eleito, o Brasil irá instituir uma ditatura militar disfarçada de civil. “Ainda há tempo de reagir ao fascismo”, prega o senador. 

ABI

O parlamentar, que é suplente e não conseguiu votos para a Câmara dos Deputados,  adianta que vai cobrar da Associação Brasileira de Imprensa (ABI) uma “posição firme” para alertar a sociedade brasileira sobre “os riscos de uma eventual vitória” do capitão reformado.

Corre-corre

A renovação de cadeiras na Câmara e no Senado também provocou um corre-corre entre os assessores de gabinetes. Pelos corredores e elevadores é comum ouvir diálogos sobre o desempenho do atual chefe. “O meu perdeu”, “o meu também”, são as expressões mais comuns. 

Temporada

Quem já trabalha no Congresso se vale da experiência acumulada em áreas técnicas, como orçamento, legislação e comunicação para vender o seu peixe. Está aberta a temporada de caça aos cargos comissionados.

Psicopatas

Comissão de Direitos Humanos da Câmara debate hoje a responsabilização de psicopatas e sociopatas no âmbito das violações de direitos na sociedade. “Os transtornos de personalidade atingem, atualmente, mais de cinco milhões de brasileiros, dentre eles profissionais liberais, magistrados, políticos, líderes religiosos e executivos”, resume o deputado Luiz Couto (PT-PB), que propôs o debate. 

______________________

ESPLANADEIRA

.  O Grupo Oncologia D’Or realizará seu VI Congresso Internacional Oncologia D'Or nos dias 09 e 10 de novembro, no Rio de Janeiro. O evento contará com a participação das diversas especialidades médicas que participam no tratamento da paciente com câncer, como a oncologia, mastologia, ginecologia, patologia, radiologia, genética, entre outras. 

______________________________________________________________________

16 de outubro de 2018

Aeroporto$

O Governo não sabe o que será dos nove aeroportos que estão na fila para concessão, vença Haddad ou Bolsonaro a eleição

Aeroporto$ 

O Governo não sabe o que será dos nove aeroportos que estão na fila para concessão, vença Haddad ou Bolsonaro a eleição. Todos eles são ‘filé mignon’ do setor, e superavitários. O aeroporto de Vitória, na lista, é considerado por funcionários da Infraero um ‘crime de lesa-pátria’ porque acaba de ser construído. Está novinho e será ‘dado’. Partido que controla a Infraero, o PR, de Valdemar da Costa Neto, não deixou o Governo conceder os aeroportos de Congonhas (SP) e Santos Dumont (RJ), os mais lucrativos do País. Não se sabe o porquê.

Agenda 

Está na agenda. O presidente Temer vai chamar o presidente eleito após o dia 10 de novembro para começar a discutir a transição e para falar da Reforma da Previdência.

Grão$

A Conab estima que a safra 2018/19 deve chegar a 238,5 milhões de toneladas, com uma variação entre 2,5 e 4,7% a mais do que a safra passada. 

Quem manda

Os ministros do STF soltam bandidos políticos da cadeia e provocam a PF, atropelam o Congresso Nacional – todas as leis polêmicas caem na Corte, que dá a palavra final – e se deram aumento de salário de mais de R$ 6 mil para 2019, desdenhando do esforço do Governo para cortes de gastos. Enquanto o seu salário mínimo pula de R$ 900 e poucos para pouco mais de R$ 1 mil. Pergunta: Quem manda mesmo hoje no País?

Novos ‘nanicos’

Somando as bancadas de deputados eleitos para 2019, os partidos fundados nos anos 1980 – MDB, PDT, PTB, PT, DEM, PCdoB, PSB e PSDB – deixaram de ter a maioria na Câmara Federal. 

Salto 

 A renovação não foi apenas individual, mas também partidária. Os partidos mais “jovens”, fundados nos anos 1990 em diante – os até mês passado chamados de nanicos – agora chegam a 286 deputados eleitos. Eram apenas 215 na eleição passada.

Coisa de..

Mais de 100 mil pessoas assinaram, até agora, um abaixo-assinado para que o general Hamilton Mourão, candidato a vice-presidente na chapa de Jair Bolsonaro (PSL), compareça aos debates. Por recomendação médica, o deputado que lidera a disputa ao Planalto ainda não pode retomar as atividades de campanha. 

..adversário

O abaixo-assinado é organizado pelo militante petista Bruno Peres, de Salvador. Se alcançar 150 mil assinaturas, o documento será entregue ao Ministério Público, ao TSE e às emissoras de TV. “Se um candidato está impossibilitado de ir a um debate, que seja representado pelo seu vice”, alega o petista na apresentação do documento. 

Milícia eleitoral

Em São Gonçalo, região metropolitana do Rio de Janeiro e segundo maior colégio eleitoral do Estado, a milícia que atua na Favela Maria Paula impôs a lei do Silêncio. É proibido falar em quem vai votar para presidente.

Sinal de alerta 

O staff do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) acendeu sinal de alerta com o avanço de fatos e notícias relacionados aos ataques atribuídos a apoiadores do capitão reformado que lidera a corrida ao Planalto. A avaliação é de que os episódios serão explorados ao máximo pelo PT nas propagandas de rádio e TV. Os bolsonaristas mantêm o discurso de que não têm “controle sobre os apoiadores”. 

Mistério

Segue o mistério da jovem de 19 anos que teve uma suástica riscada na barriga. Ela alegou que foram três jovens seguidores de Bolsonaro. Mas não conseguiu descrevê-los, não há testemunhas e, apertada pela Polícia por detalhes, retirou a queixa. A moça é militante LGBT e anti-Bolsonaro. O delegado não se deu por satisfeito. Mandou seguir o inquérito para descobrir o que aconteceu. Para o bem da garota.   

É tri! É triii!

O rombo previdenciário somado na Dívida Ativa da União já ultrapassa os R$ 2 trilhões. O valor é citado pelo presidente do Sindicato Nacional dos Procuradores da Fazenda Nacional, Achilles Linhares Frias, ao adiantar que o Ministério Público vem ampliando o combate à sonegação e a cobrança dos devedores. 

Cerco ao cofre

“Concentramos os esforços nas cobranças das dívidas superiores a R$ 1 milhão e mais ainda nos grandes devedores – aqueles que devem mais de R$ 15 milhões ou R$ 10 milhões. No trimestre recente, aumentamos em 50% a arrecadação em relação ao ano passado”, afirma Linhares Frias

______________________

ESPLANADEIRA

.  O Copacabana Palace será palco do jantar beneficente ‘Cantores do Bem 2018’ dia 9 de novembro às 19h.

07 de outubro de 2018

Por trás das câmeras

Líder nas pesquisas de intenção de votos – e pode surgir hoje com forte índice dos votos válidos para a Presidência da República – Jair Bolsonaro (PSL) soube usar a onda a seu favor nos bastidores midiáticos.

Por trás das câmeras

Líder nas pesquisas de intenção de votos – e pode surgir hoje com forte índice dos votos válidos para a Presidência da República – Jair Bolsonaro (PSL) soube usar a onda a seu favor nos bastidores midiáticos. Em agosto reuniu-se com João Roberto Marinho, um dos donos do Grupo Globo, maior de mídia do País, levado pelo economista chefe de seu programa de Governo, Paulo Guedes. E há uma semana ganhou o apoio de Edir Macedo, dono da Record TV e um dos controladores do PRB, partido que debandou do apoio a Geraldo Alckmin (PSDB) para o candidato ao PSL ainda no 1º turno. Em suma, Bolsonaro está ‘fechado’ com as duas principais emissoras de TV do Brasil. 

Então..

..é conversa fiada história de que Bolsonaro, se eleito, vai cassar concessão de TV da Globo, ou vai cortar verbas de publicidade para a grande mídia. Pode é rever valores. 

O articulador

Não houve encontro de Bolsonaro com Macedo, nem telefonema. Quem aproximou o PRB e o ‘Cardeal’ do candidato foi o chefe da campanha, Onyx Lorenzoni (DEM).

Isolado

O PT está isolado, com PCdoB e PROS, num eventual 2º turno a partir de amanhã. O Centrão e outros partidos liberaram seus congressistas para pedir votos para Bolsonaro.

Dos inativos..

Um dado curioso na última sondagem da Paraná Pesquisa chamou a atenção para a subida de Bolsonaro entre os mais pobres – e deixou o PT desesperado. O candidato do PSL conquista o eleitor antes petista: No perfil ‘Não PEA’, dos desempregados, Bolsonaro tem preferência de 31.4%, e Fernando Haddad (PT), de 22.4%.

.. e ativos

Entre os entrevistados empregados ou autônomos, os “PEA – Economicamente ativos”, Bolsonaro tem 36.7% e Haddad surge com 21.5%.

Internas petistas

A campanha do candidato do PT à Presidência intensificou, nos últimos dias, a encomenda de pesquisas para uso interno. Sinal de preocupação com as sondagens que mostram o crescimento do concorrente direto. O gasto do PT com pesquisas chegou a R$ 1,3 milhão – só perde para a produção de programas de TV – com R$ 2,1 milhões.

Plano$

Senadores vão cobrar do presidente Eunício Oliveira (MDB-CE) a instalação da CPI para investigar os planos de saúde. Vinte e sete parlamentares assinaram o requerimento para a abertura da comissão, já lido em plenário. Os alvos da CPI serão os reajustes dos planos acima da inflação com o consentimento da Agência Nacional de Saúde Suplementar – que parece um braço das operadoras, em vez de fiscalizar.

Dossiê do assalto

Dados da Secretaria Nacional do Consumidor apontam que houve mais de 29 mil reclamações de consumidores contra planos de saúde em 2017. Idealizadora da CPI, a senadora Lídice da Mata (PSB-BA) lembra que, em 2016, a inflação medida pelo IPCA foi de 6,28%: “Entretanto, a ANS autorizou um aumento de 13,57%. E em 2017, para uma inflação de 2,9% pelo IPCA, a ANS autorizou um aumento de 13,55%”. 

Comum acordo 

Desde a entrada em vigor da reforma trabalhista, as demissões por comum acordo entre patrão e trabalhador saltaram de 855, em novembro de 2017, para mais de 15 mil, em agosto, conforme o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados do MTE. 

Radiografia

Vendedores de comércio e varejistas, auxiliares de escritório, assistentes administrativos, vigilantes e faxineiros foram as ocupações com maior registro de desligamento mediante comum acordo no período. O Estado de São Paulo lidera.

MERCADO

Cocriação imobiliária

O mercado imobiliário carioca deu novo sinal de recuperação no fim de semana passado. A Tegra vendeu em dois dias, no lançamento, 40% de um empreendimento no Méier. A ‘cocriação’ do projeto com demanda dos compradores ajudou. O condomínio terá, por exemplo, espaço para entrega de compras.

Mesa preparada

No Distrito Federal e no Paraná a bebida alcoólica está liberada hoje, ao contrário de outros Estados em que prevalece a Lei Seca para o dia da eleição. Alexandre Sampaio, presidente da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação, revela que alguns sindicatos de hotéis, bares e restaurantes consultaram sobre como pedir autorização à Justiça Estadual. O Jurídico da FBHA tem auxiliado. 

Impulso 2018

Em parceria, o Instituto Ekloos, a Secretaria de Cultura do Rio e a OI Futuro selecionaram 20 projetos voltados para a ‘transformação da sociedade’ Entre os aprovados está o Pré-Vestibular Marielle Franco, um curso comunitário com oficinas.

06 de outubro de 2018

Clima de guerra

O aumento expressivo do apoio de forças federais na segurança dos Estados reflete o clima de beligerância nas eleições deste ano

Clima de guerra

O aumento expressivo do apoio de forças federais na segurança dos Estados reflete o clima de beligerância nas eleições deste ano. No 1.º turno do pleito de 2014, as tropas federais atuaram em 279 cidades.  Para amanhã, o Tribunal Superior Eleitoral já autorizou, até o momento, o envio de militares para 497 localidades. Número que tende a aumentar. O Estado que pediu mais apoio foi o Piauí – onde as tropas irão atuar em 122 cidades –, seguido de Rio Grande do Norte (97), Maranhão (72), Rio de Janeiro (69), Pará (60), Amazonas (26), Mato Grosso (19), Tocantins (12), Acre (11), Ceará (5) e Mato Grosso do Sul (4).

Nas municipais 

Em 2016, no 1º turno, as tropas federais atuaram em 315 municípios de 13 Estados.

Cadê?

Campanha nas ruas, debates na TV e rádios, mas você viu os presidenciáveis falarem de proposta para incentivo ao esporte e inclusão social pelo esporte? Nós não.

Patriotismo 

Domingo é o dia da maior festa da democracia brasileira. Exerça o seu direito. E respeite o outro, independentemente da cor do partido ou bandeira ideológica. 

Homem do campo

Principal articulador da formalização do apoio da Frente Parlamentar da Agropecuária ao presidenciável Jair Bolsonaro (PSL), o presidente da União Democrática Ruralista, Luiz Antonio Nabhan Garcia, ampliou sua cotação para chefiar ou emplacar um indicado no comando do Ministério da Agricultura no eventual governo do ex-capitão.

Ruralistas

Nabhan Garcia, um dos principais conselheiros da campanha de Bolsonaro, é defensor de uma “reforma agrária organizada”, sob controle de um órgão sem vínculo “ideológico ou político”. Avalia que a reforma feita nos últimos anos apenas jogou dinheiro fora e transformou a área rural em “uma grande favela”. 

ZapFake

O comando da campanha do petista Fernando Haddad atribui às chamadas fake news o crescimento que chamam de “inesperado” do adversário Bolsonaro nas últimas pesquisas. Para conter a propagação de notícias falsas, o partido disseminou dezenas de contatos de Whatsapp em todo o País para denúncias de militantes. 

Lula ‘na linha’

Tem até o “Zap do Lula”, com número de São Paulo, que traz a mensagem: “Lula e Haddad precisam de você: denuncie boatos e mentiras”.

Alerta de dentro

Presidente da Associação Nacional dos Procuradores do Trabalho (ANPT), Ângelo Fabiano Farias da Costa afirma que o País vive “uma crise desconstituinte” ao pontuar que Ministério Público do Trabalho passa por momentos difíceis, “inclusive no que diz respeito à atuação na esfera trabalhista, cujos direitos estão sendo esvaziados”. 

Memória 

O PDT, do presidenciável Ciro Gomes, e o deputado Jair Bolsonaro (PSL) integraram o movimento na Câmara que culminou na aprovação, com folga, da punição para juízes e membros do Ministério Público Federal por abuso de autoridade. Foi em 2016 durante a discussão do pacote anticorrupção composto por medidas propostas pelo MPF.

Orbitando 

Um caso simples reflete a crise no Correios, assaltado pelo PT e PTB nos últimos anos. Não chegou até hoje uma carta com AR enviada sábado passado de uma agência no Plano Piloto de Brasília para a cidade satélite de Brazlândia, a apenas 40km da capital.

Custo Brasil

Pelo rastreamento, o portal dos Correios informa que houve ‘mal encaminhamento’ da carta. O remetente pagou R$ 12 para o envio. Gastaria menos que isso de gasolina para ir e voltar ao local do destinatário para entregar a carta.

MERCADO

Boteco em Vegas

Morador de Las Vegas há 20 anos, o empresário carioca Marcus Fortunato abriu o Boteco na capital dos jogos, que fez grande sucesso no verão americano e virou point de turistas. Uma turma de brasileiros baixa lá esta semana, durante a Global Gaming Expo – G2E. Fortunato tem uma empresa que fabrica software para máquinas de jogos.

Pista jurídica 

Em sentenças recentes, a 99 POP se livrou de processos contra motoristas que tentaram na Justiça vínculos empregatícios contra o app que envolve motoristas com veículos próprios. Os juízes Luiz Gonçalves, da 37ª Vara do Trabalho de BH, e Patricia Seller, da 2ª Vara do Trabalho de Mauá (SP) acolheram os argumentos da empresa quanto à liberdade de escolha dos motoristas na utilização do aplicativo

04 de outubro de 2018

Distância, por ora

Partiu da Superintendência da Polícia Federal em Curitiba a ordem do ex-presidente Lula da Silva, detento condenado por corrupção, para que o presidenciável Fernando Haddad (PT)

Distância, por ora

Partiu da Superintendência da Polícia Federal em Curitiba a ordem do ex-presidente Lula da Silva, detento condenado por corrupção, para que o presidenciável Fernando Haddad (PT) e coordenadores da campanha mantenham, por ora, distância de partidos do chamado Centrão. O próprio Haddad e parlamentares do PT iniciaram conversas para selar o apoio do PP, PR, PSD e PRB num eventual 2º turno. Lula, mentor da campanha da Haddad, avaliou que a aproximação com as legendas que apoiam Geraldo Alckmin (PSDB) pode servir de munição para disparos de Jair Bolsonaro (PSL). 

É uma ordem

A ordem do Lula foi prontamente acatada a ponto de parlamentares do Centrão reclamarem que os canais de diálogo com o PT estão “travados”.

O articulador

A liderança puxa apoio. Mas deve-se à articulação solitária do federal Onyx Lorenzoni (DEM) a entrada de 261 deputados de vários partidos na campanha de Bolsonaro. 

Com o fígado

Alvo de novas ações no CNJ, diante do fim do sigilo da delação de Palocci nas vésperas da eleição, o juiz Sérgio Moro não está garantido na Lava Jato em 2019.

Arsenal..

Coordenadores da campanha do presidenciável Bolsonaro (PSL) fazem uma pesquisa minuciosa do histórico de erros do PT para atacar o provável adversário no 2º turno Fernando Haddad (PT). Com o tempo de TV bastante ampliado, os bolsonaristas vão associar a imagem do ex-prefeito de São Paulo aos principais líderes petistas envolvidos em esquemas de corrupção – Mensalão, Petrolão e impeachment. 

..do bunker

O staff de Bolsonaro também pretende explorar as irregularidades em programas implantados durante as gestões de Lula e Dilma, como as fraudes no Bolsa Família, na Lei Rouanet e desvios na reforma agrária.

Uruguai seguro

A segurança pública no Brasil está uma beleza...Em meio ao corte de 23% no orçamento da Defesa, o Governo Temer decidiu doar 25 viaturas blindadas e carros de combate do Exército ao Uruguai. Os gastos com o transporte das viaturas até o Regimento de Cavalaria 3 em Rivera, no Uruguai, custarão mais de R$ 350 mil. 

Da caserna 

A operação foi autorizada pela Lei 13.720, para “Estreitar os laços de cooperação militar entre Brasil e Uruguai”, justifica a Defesa. Em julho, o ministro da Defesa, General Joaquim Silva e Luna, se dizia preocupado com a possibilidade de as Forças Armadas terem que interromper projetos prioritários por falta de recursos.

Contrabando, não!

Especialistas latino-americanos estão reunidos no Chile no evento Comércio ilegal e contrabando: uma ameaça global, organizado pelo Observatório De Comércio Ilícito Chileno. Dados apresentados pela Euromonitor Internacional dão conta de que esses delitos movimentam mais de US$ 700 bilhões anualmente. 

Legalidade no Cone

A discussão é importante para o Brasil, maior mercado de contrabando do Cone Sul. Em agosto foi realizada em Brasília a reunião da Aliança Latino-americana Anticontrabando, com a presença (animadora) de representante do Paraguai no evento. O país é o maior polo de distribuição de mercadorias ilegais da região.

Militante togado

Parlamentares petistas reagiram à decisão do juiz Sérgio Moro que levantou o sigilo da delação do ex-ministro Antonio Palocci. O líder do partido na Câmara, Paulo Pimenta (RS), chama o juiz de “militante togado”. Senadora Gleisi, presidente do PT, diz que “A ação política é da sua natureza como juiz”, ataca Gleisi Hoffmann (PR).

Elétrico 

James Correa, ex-secretário do Governo de Jaques Wagner e principal arrecadador do PT na Bahia, passou do diálogo com empresas de energia à indústria farmacêutica. Ficou amigo do dono da Expresso Distribuidora de Medicamentos, um brasileiro que conseguiu há pouco cidadania britânica – James morou em Londres também.

Sem fake

Circula no whatsapp uma peça que diz que o deputado federal Marco Antônio Cabral foi o único da bancada do Estado a fazer repasse via emenda para a Secretaria Estadual de Educação. É fato. 

______________________

ESPLANADEIRA

. A Lojas Americanas fechou patrocínio de 3 anos com a Fundação Amazonas Sustentável, que existe há mais de 10 anos na região da floresta amazônica em Manaus, com unidades e projeto de sustentabilidade ambiental. 

03 de outubro de 2018

Clã Calheiros

O comando da campanha de Fernando Haddad (PT) traça estratégias para chegar ao final do 1º turno empatado ou à frente do adversário Jair Bolsonaro (PSL)

Clã Calheiros

O comando da campanha de Fernando Haddad (PT) traça estratégias para chegar ao final do 1º turno empatado ou à frente do adversário Jair Bolsonaro (PSL). Mapeou os locais onde o PT tem histórico de vitórias, como em Alagoas. Caciques petistas pediram ao clã Calheiros (Renan pai e filho) para reforçar a campanha, em especial nos rincões, para reverter o atual quadro de derrota de Haddad. Alagoas é o único Estado no Nordeste onde Bolsonaro está à frente do petista. 

Cenário 

Com o controverso apoio do PT, Renan Filho (MDB) lidera a corrida ao governo de Alagoas. Com o apoio petista, Renan Calheiros lidera a corrida à reeleição ao Senado.

Debandada

No Rio de Janeiro, candidatos a deputados pelo PDT, de Ciro Gomes, e pelo PR – do Centrão que apoia Alckmin (PSDB), já pedem votos para Bolsonaro em ‘santinhos’. 

Tchau, Alckmin

Um dos caciques do DEM em Minas Gerais, com votos comprovados em mais de 400 cidades no Estado, o ex-deputado Lael Varella pede em vídeo votos para Bolsonaro. 

Datafrevo 1

É plausível estranhar a ascensão meteórica de Fernando Haddad (PT) nas pesquisas Datafolha divulgadas nos dias 21 e 28 de setembro, nas quais apareceu com 16% e 22%, respectivamente. Levantamento da Coluna mostra que o instituto tem um fetiche por Pernambuco, Estado onde o PT sempre teve massa de votos. O Datafolha concentrou boa parte das entrevistas dessas duas rodadas no Estado nordestino.

Datafrevo 2

Na pesquisa BR-08687/2018, do dia 28, sexta passada, Pernambuco surge com terceiro maior número de cidades pesquisadas no País: 56 (ou 30.4% dos municípios do Estado), e proporcionalmente em 2º lugar na lista como Estado mais pesquisado.

Ah, bom..

Segundo um dos responsáveis pelo Datafolha, Jean Souza, o instituto usou Pernambuco como uma das bases diante da demanda de sondagens encomendadas para o Governo do Estado, uma praxe nacional. Ou seja, foi por otimização de custos. As pesquisas foram encomendadas pela Folha e pela Globo.

Atrasadão

Após anos, o Planalto encerrou dois cabidões de aspones no Decreto 9.512: extinguiu os comitês gestores da Copa do Mundo FIFA 2014 e dos Jogos Olímpicos do Rio 2016.

Cola.. 

A cinco dias das eleições, a militância virtual de Bolsonaro (PSL) disparou longa lista com os nomes e números de candidatos em todo o País “oficialmente” apoiados pelo comando nacional da campanha. O documento, ao qual a Coluna teve acesso, chama-se “Time Bolsonaro Brasil” e tem algumas curiosidades. 

..eleitoral 

Para governadores, a orientação é de voto em candidatos do PSL, PSC e PRTB. Uma das exceções na lista é Ronaldo Caiado, candidato do DEM ao Governo de Goiás. Em alguns Estados como Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, algumas opções de voto para senadores e governadores aparecem em branco.

Equilíbrio social

O governador Luiz Fernando Pezão, do Rio, sancionou a lei que prorroga por mais 10 anos o sistema de cotas para ingresso em universidades estaduais. Um dos defensores da cota, mesmo antes de ocupar o cargo, é o secretário de Educação Wagner Victer. E vem da rede estadual a maioria dos beneficiados.

MERCADO

America First

Começou a aparecer a conta para o Brasil da fusão da Embraer com a Boeing, avalizada pelo Governo Temer: a fábrica do KC90, super cargueiro da franco-brasileira que seria desenvolvido em São José dos Campos (SP), será.. nos Estados Unidos, com geração de emprego, renda e tributos na terra de Trump.

______________________

ESPLANADEIRA

. O ENAMAT realizará seminário sobre os 30 anos da Constituição de 1988 dias 8 e 9 de outubro   

.    Carlos Alberto Serpa e Leandro Bellini promoverão na Fundação Cesgranrio, entre 23 e 28 de outubro, a Semana Cultural, com a participação de Elza Soares e outros artistas   

 .    A sede e a praça dos pedágios da LAMSA na Linha Amarela serão iluminados em homenagem ao Outubro Rosa   

.     O advogado Pedro Gordilho lança sábado ‘Um Lustro nas Salas de Concerto’, no Espaço Cult PaulOOctavio, em Brasília.

29 de setembro de 2018

Tiro amigo

campanha presidencial do petista Fernando Haddad recebeu em clima de comemoração o tropeço – mais um – do candidato a vice na chapa de Jair Bolsonaro (PSL)

Tiro amigo

A coordenação da campanha presidencial do petista Fernando Haddad recebeu em clima de comemoração o tropeço – mais um – do candidato a vice na chapa de Jair Bolsonaro (PSL), general da reserva Hamilton Mourão (PRTB), que definiu como "jabuticaba brasileira" o 13º salário e criticou o adicional de férias. A avaliação no PT é de que o novo revés da campanha do adversário amplia a possibilidade de Haddad terminar a corrida do 1º turno em primeiro lugar nas pesquisas e consolidar a vitória no segundo turno com o apoio de Ciro Gomes (PDT) e outros partidos do Centrão. 

Foco no povo

A ordem do comando do PT é explorar e disseminar ao máximo a declaração de Mourão na TV, rádio e redes sociais, a despeito de Bolsonaro ter desautorizado o vice.

Está na Lei

O PT vai lembrar que o 13º salário “é uma conquista histórica da classe trabalhadora”.

Sobre planilhas

Coordenadores da campanha do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) se debruçam sobre planilhas para calcular as chances de vitória no 1º turno. Os mais otimistas apostam que, para levar a eleição já no dia 7 de outubro, Bolsonaro precisa entre cinco e seis pontos percentuais em cenário de estabilidade ou queda dos índices de Haddad (PT). 

Frase de ordem

“Toda nossa mobilização agora é pela vitória dele (Jair Bolsonaro) já no primeiro turno”, afirma à Coluna o deputado Major Olímpio (PSL), candidato ao Senado e  coordenador da campanha bolsonarista em São Paulo. Eles sabem que há alto risco de derrota num eventual segundo turno, com partidos se aglutinando em torno do PT.

‘Mãos dadas’?

Com a derrocada da campanha de Geraldo Alckmin, caciques do PSDB se digladiam sobre os rumos do partido após o 1º turno. A discussão fica calorosa quando se fala em “possível aliança” com o petista Fernando Haddad para derrotar Bolsonaro (PSL) - ideia defendida abertamente, há semanas, pelo ex-presidente Fernando Henrique. 

Do contra

Parlamentares tucanos apontam que qualquer aproximação com adversários do PT daria sustentação ao discurso de Bolsonaro de que os partidos (PSDB-PT) são “farinha do mesmo saco”.

Apego ao Poder

Sindicalistas deixaram constrangida a equipe do cerimonial do Palácio do Planalto ao defenderem a permanência do ministro e presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, por “mais tempo” à frente da Presidência da República. Em tom de descontração, Toffoli, que já foi advogado do PT e da CUT, minimizou a calça-justa antecipando o início de uma cerimônia fechada sobre outro assunto.

Renovação x Reeleição

Apesar das campanhas e correntes pela renovação do Congresso Nacional, as eleições deverão ter resultados parecidos com disputas anteriores. A maioria dos candidatos à reeleição deve voltar aos seus gabinetes na Câmara e no Senado. O prognóstico foi feito pelo consultor político Tiago Rego de Queiroz, da Monitorleg, e repassado à Coluna.

Maior exemplo

Um exemplo do Estado mostra que São Paulo poderá ter a menor taxa de renovação. Dos 70 deputados que compõem a bancada paulista, 84% disputam a reeleição. Cerca de 80%, conforme o levantamento, deverão ser reeleitos. Entre os partidos, três devem ampliar a bancada paulista: PSL, PRB e PTB, aponta o prognóstico.

Terceirização

Líder na corrida pelo Governo de Minas Gerais, o senador Antonio Anastasia (PSDB) enfrenta forte oposição no Estado de servidores públicos por conta de um projeto de sua autoria (PLS 280/17) que retira do poder público a exclusividade das atividades de fiscalização. A proposta, em tramitação na CCJ, é duramente criticada por entidades que representam auditores do trabalho e da Receita. 

Risco a concursos

Os auditores apontam que a medida poderá ser um passo para a extinção dos concursos públicos. Já Anastasia sustenta que, se aprovada, entre outros avanços, a proposta irá resolver o problema da falta de pessoal e da qualidade deficitária na fiscalização.

Cerco oficial

A situação ficou tão tensa que,  numa visita à sede do Tribunal de Contas da União, há três meses, para outra pauta, boa parte dos ministros cercou o senador Anastasia no gabinete da presidência do órgão e cobrou explicações. 

ESPLANADEIRA

O www.votoconsciente.org.br avaliou o desempenho dos deputados estaduais paulistas, como autoria das leis relevantes e presença nas votações.. 

24 de setembro de 2018

Taxa sobre lucro

Cláudio Damasceno classifica como “surpresa positiva” a discussão por parte dos presidenciáveis sobre um possível retorno da tributação de lucros e dividendos de sócios e acionistas de empresas

Presidente do Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Sindifisco), Cláudio Damasceno classifica como “surpresa positiva” a discussão por parte dos presidenciáveis sobre um possível retorno da tributação de lucros e dividendos de sócios e acionistas de empresas. Levantamento da entidade mostra que, se a cobrança for retomada pelo próximo presidente, a arrecadação aos cofres públicos irá aumentar em estupendos R$ 30 bilhões anuais. “Para nossa satisfação, essa medida, que pregamos há algum tempo, está na agenda de diversos candidatos”. 

Ficou no papel

“A isenção dos lucros e dividendos vem de uma Lei de 1995, portanto, do governo FH, e de lá para cá diversos Governos passaram e não retomaram a tributação”, explica. 

Ganhou, pagou

É assim em muitos países, e é o que a reforma tributária em discussão prega, para não afetar a maior parte da população de baixa renda como hoje: lucro sobre dividendos.

Termômetro

Grandes empresários e caciques que não veem Haddad (PT) com desconfiança são pragmáticos: caso se eleja, deve respeitar a Lei, e esquecer Lula. Ou não governará. 

Tem coisa aí

Se eleito, Haddad jura que não indulta Lula. Governador de Minas e amigo mais próximo de Dilma, Fernando Pimentel diz que Haddad o fará. Um dos dois mente. 

Que polêmica!

É uma brecha para a liberação do aborto na rede pública de saúde, além do que prevê a Constituição. Essa é a justificativa de Jair Bolsonaro (PSL) e outros 12 deputados que endossam o Projeto 6055/13, que tenta derrubar lei que Dilma sancionou, e hoje obriga o SUS a atender com prioridade a mulher vítima de violência e estupro. 

Sem partido 1

Erra quem falar que são inimigos Dilma Rousseff (PT) e Antonio Anastásia (PSDB). Os dois líderes nas pesquisas em Minas – ela, ao Senado, e ele, ao Governo – são amigos, têm conversado, e topam fazer uma parceria afinada pelo Estado caso se elejam.

Sem partido 2

Quem a visita em Brasília e é uma das melhores amigas da discreta primeira-dama presidencial Marcela Temer? Carolina Pimentel, esposa do petista governador de MG. 

PT x MP

O PT acusa cinco procuradores de vazarem à imprensa o depoimento do ex-ministro Antonio Palocci. Em reclamação protocolada no Conselho Nacional do Ministério Público, o partido afirma que os integrantes da Operação Greenfield, que investiga desvio em fundos de pensão, “descumpriram deveres funcionais de sigilo, bem como a legislação federal que regula os procedimentos para a colaboração premiada”. 

Punições internas 

Além de pedir a abertura de procedimento administrativo, na reclamação assinada pelo líder na Câmara, Paulo Pimenta (RS), o PT pede que aplique aos cinco procuradores as “penalidades compatíveis com falhas funcionais e administrativas cometidas por eles”.

Bunker gradeado 

Preso na sede da PF em Curitiba, o ex-presidente Lula, articulador da campanha do pupilo Fernando Haddad, projeta amplo apoio da chamada “frente de esquerda” – PSB, neutro, PRB, do Centrão, e de outros partidos do grupo, além do MDB, num eventual segundo turno da disputa presidencial com Jair Bolsonaro (PSL). 

Sem afinidades

Lula traça a estratégia com líderes petistas – entre eles, o próprio Haddad, que o visita. O ex-presidente não descarta nem apoio da ex-ministra de seu Governo Marina Silva, mas diz não ver “menor viabilidade” de aliança com o PSDB, adversário histórico. 

Em Curitiba 

Depois do segundo turno, o condenado na Lava Jato José Dirceu quer lançar seu livro de memórias em Brasília, Goiânia, Belo Horizonte, São Paulo, Curitiba, Florianópolis, Porto Alegre e Manaus.  O ex-ministro fez uma consulta aos seus advogados para ver a possibilidade de visitar Lula na prisão da Polícia Federal em Curitiba. 

21 de setembro de 2018

Calote em série

Leia a coluna Esplanada desta sexta-feira.

Calote em série

Nos últimos quatro meses, o Brasil contabilizou calote de mais de R$ 1 bilhão em parcelas de empréstimos concedidos pelo BNDES para Venezuela, Cuba e Moçambique. Ao criticar o calote e “irresponsabilidade” dos governos do PT na concessão dos empréstimos, o deputado Fábio Souza (PSDB-GO) afirma que, se o dinheiro tivesse ficado no Brasil e investido em empreendedorismo, “a crise econômica que enfrentamos, que foi a maior de todos os tempos, teria sido amenizada”. O tucano é autor do projeto (7375/17) que proíbe o BNDES de conceder empréstimos para bancar empreendimentos no exterior.

Carteira assinada?

Lembra do ministro do Trabalho, Helton Yomura, ligado ao PTB e afastado pela PF do cargo? Ganhou um afago do Comitê de Ética da Presidência. Poderá trabalhar na praça.

Na reserva

Já o general da reserva Franklinberg de Freitas, que fez boa e honesta gestão à frente da Funai, terá de cumprir quarentena antes de ingressar no mercado. 

Disse-me-disse

Paulo Guedes foi claro: estuda-se um imposto para substituir quatro. A similaridade com a CPMF é que incidiria sobre transações financeiras. Mas até explicar..virou fofoca

Onde foi?

A Datafolha de sondagem nacional divulgada ontem custou R$ 398 mil. Foi encomendada pela Folha de S.Paulo e por empresas do sistema Globo, inclusive pela Som Livre. Mas não entregou ao TSE o registro de cidades onde foi feita a pesquisa, conforme pesquisa no site do tribunal ontem. 

Turma do milhão

Já a última Ibope nacional, de terça-feira, custou R$ 289.441,61, encomendada pela TV Globo e pelo Estadão. O Ibope entrega ao TSE a lista de cidades pesquisadas. A Globo aposta alto. Numa nota só pagou ao Ibope R$ 3,97 milhões pelas sondagens nacionais e cenários nos Estados São Paulo, Rio de Janeiro, Minas, Pernambuco e Distrito Federal. 

Como?!

O candidato à Presidência pelo PSL, Jair Bolsonaro, assina com outros 12 deputados a autoria do PL 6055/13 que impede o SUS de atender integral e obrigatoriamente mulheres e vítimas de abuso sexual. Lei sancionada pela ex-presidente Dilma em 2013.

Radiografia 

A proposta de Bolsonaro e dos colegas permanece paralisada na Mesa Diretora. Dados do Atlas da Violência de 2018 revelaram aumento de notificações de casos de estupro. Entre 2001 e 2016, o crescimento foi de 90,2%. A assessoria de Bolsonaro não respondeu a Coluna. 

MDB já sabia

Pesquisas internas do MDB mostram ascensão meteórica de Haddad (PT), com 21% - pouco maior que o divulgado por Ibope e Datafolha, mas confirmando tendência.

Bancada 1

Caciques do PT apostam que a bancada federal em 2019 passará dos atuais 57 deputados, a despeito de Lula preso, da debandada de eleitos, e da crise de imagem.

Bancada 2

Grãos-tucanos já fazem as contas do número de eleitos para a Câmara com o derretimento de Alckmin nas pesquisas. Hoje são 46. Sonhavam mais que isso, mas se dizem satisfeitos se mantiverem esse patamar.

Lupa neles!

Reboliço na CNC. O procurador do Ministério Público junto ao TCU, Júlio Marcelo de Oliveira – o mesmo que reprovou as contas do Governo Dilma e abriu caminho para o impeachment – pediu a suspensão da eleição para a presidência e diretorias da CNC. Alguns dirigentes que concorrem à nacional e estaduais estão enrolados com a Justiça.

Enfim!

Está pronto para votação Senado projeto que obriga o detento a ressarcir o Estado das despesas com sua manutenção na cadeia. A proposta 580/15, do senador Waldemir Moka (MDB-MS), altera a Lei de Execução Penal e estabelece como obrigatório o ressarcimento, “independentemente das circunstâncias, e que, se não possuir recursos próprios, o apenado pagará com trabalho”. 

_____________________________

ESPLANADEIRA

. Aniversariante de hoje, a cantora Hanna lança o clipe ‘Oba Lá Lá’, às 20hs, no Iate Clube Brasileiro, na Urca, Rio    .    Estreia merepresenta.org.br/eleitora, para eleitor buscar candidaturas alinhadas a direitos humanos    .    Professores das áreas de Biologia, Física, Química, Ciências e Matemática da rede pública podem inscrever seus projetos inovadores na 5ª edição do Prêmio Shell de Educação Científica. 

______________________________________________________________________

19 de setembro de 2018

Por que Haddad cresce?

Não se limita à transferência espontânea de votos de Lula para Fernando Haddad o súbito crescimento do petista nas pesquisas para presidente

Por que Haddad cresce?

Não se limita à transferência espontânea de votos de Lula da Silva para Fernando Haddad o súbito crescimento do petista nas pesquisas para presidente. A agenda de campanha diferenciada, pautada por Lula, ajuda muito. São segmentos e setores onde os adversários ainda não mostraram as caras para valer. Duas delas explicam. Manuela D’ávila, a vice de Haddad, soltou vídeo de apoio às demandas LGBT e questões de direitos humanos.  Haddad conversou com pescadores em Itajaí. Santa Catarina é o maior estado pesqueiro do Brasil, e um discurso via rádio alcança os pesqueiros em boa parte da costa do País. Atinge o público de Lula, que precisa apresentar Haddad.

Então..

.. não é só o poder de Lula, direto da cadeia. É que nenhum presidenciável falou ainda diretamente a estes grupos que trazem votos. Além da transferência de votos, claro. 

Nas ondas 

O efeito do rádio é imediato nas classes B e C – o eleitor de Lula e do PT, e agora de Haddad. Lula sabe disso, por isso manteve um programa diário quando presidente. 

Demagogia 

Aliás, Haddad precisa se decidir. Antes, dizia “Eleição sem Lula é fraude”. Agora candidato em ascensão, com Lula fora: “Contestar resultado é sabotar o País”.

Vai ter guerra?

Após pagar mico internacional – investiga-se, agora, quantas vezes essa turma baixou aqui sem ser amolada – o governo da Guiné Equatorial enviou comunicado ao Brasil exigindo a devolução dos bens apreendidos do ditador mirim, Teodoro Obiang Mangue. Isso, exigindo. São US$ 1,5 milhão em dinheiro e US$ 15 milhões em jóias e relógios. 

É missão 

A Receita Federal e a Polícia Federal já comunicaram ao Itamaraty que a comitiva não era oficial, e o delegado tinha direito de revistar as malas. Lei é lei.

Amiga do ditador

Quem gosta muito dos Teodoro, pai e filho, é a ex-presidente Dilma Rousseff, hoje candidata ao Senado por Minas Gerais. No Palácio, ela perdoou R$ 27 milhões de dívida antiga da Guiné Equatorial com o Brasil (o filho do ditador, o mesmo que foi retido em Viracopos, gastou o dobro disso numa noitada em Paris há anos).

Compadrio

A Polícia Federal pediu a prisão, a Procuradoria Geral da República concordou, mas ministro Edson Fachin (STF) não autorizou a prisão do advogado Tiago Cedraz, filho do ministro Aroldo Cedraz (TCU), na operação Registro Espúrio. Um sócio de Tiago, sem pai ministro, não teve sorte e foi para a cela. 

Lembrete

O TRE de Minas, por 4 votos a 3, avalizou a candidatura de Dilma ao Senado. Concordou, assim, com o acordão jaboticaba no Senado em 2016, capitaneado pelo senador aliado, Renan Calheiros (MDB), e pelo então presidente do STF, ministro Ricardo Lewandowski, egresso da escola da esquerda da USP.

Lembrete 2

Ao sofrer impeachment, Dilma foi cassada, mas manteve inéditos direitos políticos, atropelando a Constituição. Fernando Collor, nos anos 90, não teve a mesma sorte: ficou 8 anos inelegível. Dilma lidera as pesquisas em Minas. 

Robôs eleitorais

O Ministério Público Eleitoral acionou a PF e TRE’s  para apurar o uso de robôs em campanhas políticas no Facebook. O MP recebeu, nos últimos dias, dezenas de denúncias de que robôs são usdos para atacar candidatos a partir de perfis espalhados por diversos Estados e outros países. 

MERCADO

Muitos sonhos

Até o dia 12 de outubro, a Americanas.com promove a campanha “Um Brinquedo = Muitos Sorrisos”, de doação de brinquedos em parceria com a ONG Sonhar Acordado. A cada venda, R$ 1 será convertido para o fundo da doação. A empresa espera doar 3 mil brinquedos.

_____________________________

ESPLANADEIRA

. O CIEE debate hoje a inserção do jovem no mercado de trabalho com representantes de presidenciáveis no seu teatro em SP   

.    O endividamento cresceu 78% no Distrito Federal, segundo a Fecomércio. O número de famílias endividadas passou de 737.652 em julho para 753.737 em agosto   

.     O Instituto SOMOS e o professor Clóvis de Barros promovem o concurso Jornada da Ética, para estudantes e professores das redes pública e privada do País. Inscrições no www.institutosomos.org

12 de setembro de 2018

PSDB turbinou Richa

Ex-governador do Paraná Beto Richa, que disputa o Senado, é um dos principais ‘investimentos’ do PSDB nacional

PSDB turbinou Richa

Numa inédita prisão – dois pedidos num dia, pelo Gaeco, da Polícia Civil, e pela Lava Jato, da Polícia Federal – o ex-governador do Paraná Beto Richa, que disputa o Senado, é um dos principais ‘investimentos’ do PSDB nacional. Encabeça a lista de tucanos com repasses do fundo eleitoral do partido. A executiva do PSDB repassou nada menos que R$ 1,2 milhão para o comitê de Richa. O candidato torrou R$ 870 mil na produção de programas de rádio e TV. Seu registro de candidatura ainda não foi deferido pelo TSE. Com a prisão, pode haver pedido de impugnação, apesar de não ser condenado.

Peso nas costas

A prisão de Richa atinge em cheio a campanha de Geraldo Alckmin ao Planalto, que terá de se explicar todos os dias. Richa é o principal aliado de Alckmin no Estado.

E agora, Justiça?

Mesmo com a prisão temporária – Richa pode sair daqui cinco dias – o tucano tem chances de continuar na disputa, por ser, por ora, Ficha Limpa. A conferir.

Ou seja..

.. se seu pedido for deferido, o Senado pode ganhar um parlamentar com o camburão na porta do Congresso. Richa, por ora, aparece em 2º lugar nas sondagens. Por enquanto.

Museu ‘sub judice’

O Governo Federal recuou e vai manter, por ora, a gestão do Museu Nacional com a reitoria da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Mas isso pode durar até a conclusão do inquérito que investiga a causa do incêndio, e o relatório do TCU que apontará se há responsabilidade dos gestores da UFRJ. 

Novo gestor

O presidente Michel Temer vai aguardar os resultados, mas quer o quanto antes transferir a gestão do Nacional para a recém-criada Agência Brasileira de Museus (ABRAM), que substituirá o Ibram. O Palácio se esforça para explicar que não haverá custos para a União, a despeito da nova nomenclatura. 

Arma no voo

Filho do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL-RJ) e candidato à reeleição, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) fala em “combate às ações criminosas e terroristas” ao defender a autorização de porte de arma em voos domésticos no PL 9902/18. Ainda tramita na Comissão de Segurança Pública da Casa. 

Risco no ar

Conforme o projeto, ao se apresentar para o embarque, o passageiro comunicará o porte da arma à companhia aérea, que não poderá exigir documento nem pedir informações sobre a mesma e as munições. A proposta é relatada pelo deputado Laerte Bessa (PR-DF), também integrante da chamada “bancada da bala”.

Olho neles

Fernando Haddad candidato e Manuela vice oficializam a chapa no TSE para disputa presidencial. PT e PCdoB, seus partidos, defendem a regulamentação da imprensa. 

Pergunta da eleição

Com que cara e ‘dedo no olho direito’, como tem gesticulado, o presidenciável Alvaro Dias (Podemos) vai aparecer nos debates de TV defendendo a Lava Jato? Seu 1º suplente e suposto financiador de campanha que o elegeu, Joel Malucelli, tem mandado de prisão pelo Gaeco do MP do Paraná na Operação Radiopatrulha. Na esteira da prisão de Beto Richa na Lava Jato.

Italiano 2.0

Até o fechamento da Coluna, Malucelli, um dos maiores empresários do País, era considerado foragido. Há informações de que está na Itália.

Sogrão

A Coluna cantou a bola em julho: genro de Malucelli, o deputado federal João Arruda (MDB-PR), membro da Comissão de Licitações da Câmara, articula com aliados para aumentar de 5% para 30% o seguro-garantia de obras da União e Estados. E quem é a líder do setor no País? A JMalucelli Seguradora, do sogrão.

Silêncio

Morreu anteontem em Londres Mike Lee, 61, consultor de marketing esportivo e um dos principais artífices da conquista dos Jogos Olímpicos para o Rio 2016. No site do COB,  nenhum registro até ontem. 

_____________________________

ESPLANADEIRA

. A CASACOR Brasília começa hoje e a exposição vai até dia 30 de outubro, com 39 ambientes   .   A PaulOOctavio cedeu a Casa Manchete, obra de Niemeyer, para a 27ª edição da CASACOR   .    Brasília será sede do I Simpósio de Cirurgia Robótica do Centro-Oeste, organizado pela Rede Rede D’Or São Luiz   .   Muriaé (MG) terá sua 1ª Feira do Livro de 20 a 27 de outubro   .   Gilmar Corrêa é o editor-chefe e fundador do < www.mistobrasilia.com.br >

11 de setembro de 2018

TSE vetou 12 dos 22 pedidos de candidaturas avulsas

O Tribunal Superior Eleitoral já vetou 12 dos 22 pedidos de registro de candidatura avulsa de cidadãos que pretendiam disputar para presidente da República e vice, mas sem filiação partidária.

Os vetados

O Tribunal Superior Eleitoral já vetou 12 dos 22 pedidos de registro de candidatura avulsa de cidadãos que pretendiam disputar para presidente da República e vice, mas sem filiação partidária.  Os ministros do TSE  Tarcisio Vieira, Admar Gonzaga, Og Fernandes e Edson Fachin rejeitaram a alegação dos candidatos de que a matéria (autorização de candidaturas avulsas) está sob análise do Supremo Tribunal Federal, com parecer favorável da Procuradoria-Geral da República. 

É a Lei

O TSE reafirmou o entendimento de que o inciso V, do parágrafo 3º, do artigo 14 da Constituição é claro ao fixar, como condição de elegibilidade, a filiação partidária.

Novo palestrante

Socialites, empresários e outros eleitores de Bolsonaro manterão a agenda programada para quinta, no Jockey Club, mas com palestra do filho Flávio, no lugar do pai. 

Passarela 

Desde os anos 90, esse Calçadão da Halfeld onde foi atacado, no coração de Juiz de Fora, é palco pioneiro da... Parada Gay no Brasil, muito criticada por Bolsonaro. 

Lula apela 

O linguista e filósofo Noam Chomsky, casado com a brasileira Valéria, confirmou presença no debate que Celso Amorim fará na sexta, na Fundação Perseu Abramo, do PT, em São Paulo. O PT pretende usar o encontro para um desagravo com repercussão internacional a Lula, impedido de concorrer à Presidência. 

Tem mais

Também estarão  lá o ex-primeiro ministro da Itália Massimo D'Alema, o ex-primeiro ministro da França Dominique De Villepin, e o ex-ministro Bresser Pereira. 

Voto oculto

Especialistas em pesquisas apostam que Jair Bolsonaro (PSL) está maior do que aparece. É o ‘voto oculto’ – do interior, onde os entrevistadores não vão – e o ‘voto conservador’, dos que só se declaram nas urnas, não nas ruas.

Em bando 

O condenado na Lava Jato José Dirceu, que percorre o País com lançamento de seu livro de memórias, passou o fim de semana em visita à família de Lurian, filha de Lula, em Maricá (RJ). Reclamou da ‘liberdade’: teme levar a esposa a um restaurante e ser vaiado. “Por isso, só ando em grupo e só vou às casas dos amigos”, confidenciou. 

Botando fogo

A UFRJ vai perder a tutela do Museu Nacional. O presidente Michel Temer vai criar a ABRAM – Agência Brasileira de Museus, para substituir o atual Ibram, e deixará o Nacional sob o comando da nova autarquia, antecipou a Coluna nas redes sociais. 

Memorial do ocaso 

Brasileiro adora uma tragédia. Muita gente não conhecia o Museu Nacional até o incêndio. Agora centenas passam na Quinta da Boa Vista por dia para ver o que sobrou.

MERCADO

Festival de recall

Algo muito preocupante acontece no setor de automóveis. Um festival de recall de carros novos lançados de 2016 até este ano tem assustado os compradores. São picapes da Fiat, seis (!) modelos da Mercedes, picape da Ford e até um Volvo sedan.

Efeito LJ 

A Operação Lava Jato reduziu em mais de 30% os postos de emprego na indústria naval. Em 2014, quando a operação surgiu, eram mais de 82 mil trabalhadores no setor. O número caiu para pouco mais de 29 mil em 2018. 

PIB

Os dados são do Instituto de Estudos Estratégicos de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis. Apenas no primeiro ano, estima-se que a LJ retirou R$ 142,6 bilhões da economia, e isso ainda causará efeito negativo no PIB de 2018. 

Mas..

.. que foi uma boa limpeza contra a corrupção, isso foi, e quem ganha é o Brasil 

_____________________________

ESPLANADEIRA

. Patrícia Iunovich comanda a Comunicação da Usina de Itaipu, com pautas propositivas sobre a empresa e mercado   .   O < www.diariodoporto.com.br > de Aziz Filho dá dicas interessantes sobre a zona portuária, de roteiros cultural e gastronômico no centro do Rio   .    A PaulOOctavio entrega no sábado o Residencial Marcílio Bione em Águas Claras (DF), mais novo 2 Quartos da cidade   .   Os 40 anos de colunismo de Ana Maria Ramalho serão comemorados na quinta em show de Gilse Campos, no Alegretti, do Copa Rio Hotel. 

10 de setembro de 2018

Ofensiva petista

Prestes a ser oficializado pelo PT candidato ao Planalto, Fernando Haddad aposta na ofensiva em Minas Gerais

Prestes a ser oficializado pelo PT candidato ao Planalto – falta o aval do detento Lula da Silva – Fernando Haddad aposta na ofensiva em Minas Gerais, segundo colégio eleitoral do País, para crescer. E depois subir em caravana pelo Nordeste como o nome escolhido pelo ex-presidente. Em Minas, vai visitar quatro regiões num mesmo dia – Norte, Triângulo, Zona da Mata e vertentes. Haddad está empolgado com a alta popularidade da ex-presidente Dilma Rousseff, candidata ao Senado que lidera as preferências. No Estado, a campanha é coordenada pelo deputado Reginaldo Lopes (PT), o mais votado em 2014.

Preparou campo

Muito cacique se assustou com o potencial eleitoral do deputado petista. É que desde 2010, de carro, barco, ou avião, Lopes visita no mínimo 3 cidades todo fim de semana. 

Falta muito

De um especialista em pesquisas há mais de 20 anos, com base nas estatísticas detalhadas: A eleição será definida nos últimos 10 dias antes das urnas. 

Pós-facada

A Paraná Pesquisas entrega na quarta-feira pesquisa nacional para o Empíricus.  Será a primeira após o atentado contra Bolsonaro, com entrevistas da última sexta até amanhã. 

Inimigo oculto

Os grandes bancos guardam relatórios que registram aumento do número de roubos e assaltos a agências todo ano de eleição. Ee há um indicativo, sigiloso, de que muitos são encomendas de políticos para financiamento de campanha. A onda está se repetindo neste 2018, há um mês, Brasil adentro. Por que não divulgam? Preferem não comprar briga com os muitos que são eleitos.

Pesou a conta

A família e o próprio Jair Bolsonaro queriam a transferência do presidenciável para o Hospital do Exército no Rio, mas, apesar da excelência no atendimento, pesou a grife do hospital Albert Eisten e quem vai pagar a conta: A Câmara Federal. 

Defesas 

Adélio Bispo, criminoso confesso, conseguiu quatro advogados de defesa – um deles renomado criminalista em BH que viajou para Juiz de Fora e pegou a causa pró-bono. Bolsonaro conta com um advogado no processo: Gustavo Bebianno, presidente do PSL.

Coldre ferveu

Houve um embate discreto entre a Polícia Civil de Juiz de Fora e a Federal pelo comando do inquérito da facada. A Federal levou, por decisão da juíza do caso.

Volta a porrada 

Os comitês presidenciais não vão ficar na solidariedade. É questão de uma semana a 10 dias os adversários voltarem a atacar na mídia o líder das pesquisas. 

Ôh do volante! 

A Agência Nacional de Transportes Terrestres vai notificar – e não multar, porque não há regra para isso – o motorista que trabalhar com preço inferior à tabela de frete estipulada pelo Governo. Será a partir de novembro. A direção da ANTT vai realizar audiência pública para coletar sugestões até dia 10 de outubro. 

Acostamento

Aliás, passam longe de 500 o número de servidores da ANTT – entre fiscais e administrativos, como espalham diretores. Os fiscais são cerca de 300 em todo o Brasil.

MISsegura !

O valiosíssimo Museu da Imagem e do Som ( MIS ) da Lapa do Rio de Janeiro, que guarda o acervo de MPB e Bossa Nova, entre outros, corre sério risco de ser o próximo alvo do descaso das autoridades e gestores. Fonte da Coluna flagrou condições deploráveis de conservação do material, e o prédio histórico decano vai mal, com infiltrações nas paredes. 

Quem cuida

O Estado é o tutor do acervo e do prédio. O governador Luiz Fernando Pezão diz que está construindo o novo MIS em Copacabana. Mas as obras estão paradas. 


08 de setembro de 2018

Além da facada

Não foi por mera jurisprudência a entrada da Polícia Federal na investigação da facada contra o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL)

Não foi por mera jurisprudência a entrada da Polícia Federal na investigação da facada contra o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL). Fontes policiais de Juiz de Fora enviaram informações de que a ação não foi um crime comum. Foi premeditado e profissional, apesar de Adélio Bispo ter sido preso em flagrante. Ingredientes apimentam a história: a faca pontiaguda foi mirada no lado direito do abdômen, onde estão órgãos vitais. O agressor possui quatro chips de diferentes números para celular, e desfiliou-se há pouco tempo de partido de esquerda – tão criticada por Bolsonaro. 

Sigilos

No primeiro depoimento, o agressor Bispo alegou que fez por vontade própria. Mesmo que seja, premeditou bem. A PF vai quebrar seu sigilo bancário e telefônico.

Anteviu 

Na terça-feira, o presidente do PSL e braço direito de Bolsonaro, Gustavo Bebianno, visitou a direção da Polícia Federal em Brasília e pediu reforço na escolta.

Cadê?

Apesar de testes na quarta-feira com rasantes, os caças da FAB não sobrevoaram o céu da Esplanada no desfile cívico, como praxe todos os anos. A FAB não respondeu.

‘Novatos’

A Pesquisa Datafolha recente indica renovação para o Senado em alguns Estados. Cesar Maia (DEM) e Flávio Bolsonaro (PSL) são potenciais no Rio – o filho de Jair está empatado com Lindbergh (PT). No Distrito Federal, Leila do Vôlei (ex-jogadora da seleção) lidera, e Izalci (PSDB) encosta e assusta o senador Cristovam (PPS). Em Minas Gerais, Dilma Rousseff lidera, e o jornalista Carlos Viana (PHS) é surpresa em 2º. 

Linha jurídica

O advogado Kakay, que tem clientes na Lava Jato, aproveita o episódio de Juiz de Fora para criticar o MP e a Justiça: “Diz que foi ordem de Deus. Pela teoria do domínio do fato, muito em voga de forma vulgar pela República de Curitiba, por falta de domínio da teoria, aplicam a teoria enviesadamente; eles deveriam culpar e até prender o Cabo Daciolo”. Como notório, Daciolo tem citado Deus repetidamente em sua campanha.

Cerco cidadão

Tramita no TSE uma reclamação de eleitor que pede o bloqueio do dinheiro do fundo eleitoral para o candidato a deputado federal Barbosa Neto (PDT), ex-prefeito de Londrina (PR). Há ações de bloqueios judiciais de seus bens nas varas judiciais federal, estadual e trabalhista. 

Deu as costas 

A ex-primeira dama Renata Campos não gostou de ver o prefeito do Recife, Geraldo Júlio (PSB), apoiar Felipe Carreras a federal, preterindo o herdeiro de Eduardo Campos, João Campos. Vai ter troco, dizem aliados. Foi Campos quem ‘fez’ Geraldo. 

Baixo astral

O povo anda em baixo astral. Enquete da Coluna no Twitter para 11,3 mil seguidores, no Feriado da Independência, perguntou: ‘Você tem orgulho de ser brasileiro?’. Até o fechamento da edição, estava meio a meio para ‘sim’ e ‘não’. 

Vai mal 

O cidadão anda desanimado também com a política. Em outra enquete nossa, “A Lei deve manter no rádio e na TV a propaganda eleitoral?”, 17% marcaram ‘sim’, 66% responderam ‘Não’, e 17% indicaram que ‘deve ser reduzida’. 

Marcou 3

O Ministro Gilmar Mendes, do STF, já pode pedir música no Fantástico. Soltou o ex-lobista da Dersa Paulo Preto duas vezes, e na quinta-feira o ex-presidente Laurence Casagrande. Outros presos da investigação ou da Lava Jato nos Estados não têm sorte.

Banca segura

A direção do classudo Hotel 55Rio, na Lapa do Rio de Janeiro, vai entrar na Justiça para retirar da frente da entrada a banca de jornais que se instalou na calçada, visando aproveitar a segurança privada do hotel. A banca ficava 15 metros distante, na mesma calçada, e foi reinstalada praticamente em frente à portaria, com alvará da Prefeitura. 






Enquete

Um jovem morreu ao sofrer descarga elétrica colocando celular para carregar. Quais cuidados você toma em relação a isso?

ver resultado