• Dia do PI 2018
  • Banner boticário Malbec Magnetic
  • TV O DIA - fullbanner w3b
  • TV O Dia - fullbanner

Notícias Da Arquibancada

18 de outubro de 2018

Altos conhece seu caminho na Copa do Nordeste; Estreia será contra o Moto

A competição está prevista para iniciar dia 16 de janeiro. Serão oito jogos na primeira fase

Troféu Copa NE (FOTO: CBF)

A equipe do Altos conheceu seu caminho na fase de grupos da Copa do Nordeste 2019. A estreia está prevista para o dia 16 de janeiro e será contra o Moto Club-MA. No novo formato, os 16 times foram divididos em dois grupos com oito equipes cada e eles enfrentam o adversário do Grupo B. Os melhores avançam para as quartas de final e semifinal em jogo único. A final será em jogo de ida e volta.

“Agora é correr para formar elenco, comissão técnica, documentação, logística e contratar bem visando a temporada. O objetivo é fazer uma boa campanha e tentar chegar a próxima fase, precisamos correr contra o tempo, pois a competição já começa em janeiro”, disse Warton Lacerda presidente do Altos.

JOGOS ALTOS PRIMEIRA FASE

1ª rodada - 16/01 
Moto Club (MA) x Altos

2ª rodada - 27/01 
Altos x ABC (RN)

3ª rodada - 03/02 
Ceará x Altos

4ª rodada - 17/02 
Altos x Confiança (SE)

5ª rodada - 02/03 
Altos x Bahia

6ª rodada - 17/03 
Botafogo (PB) x Altos

7ª rodada - 24/03 
Náutico x Altos

8ª rodada - 31/03 - Domingo
Altos x CSA (AL)

----------------------------------------

Essa será a terceira participação do Jacaré na competição nordestina. Em 2018, o time não fez uma grande campanha e ficou em ultimo lugar no seu grupo. No próximo ano o time faz quatro jogos fora de casa e quatro jogos em casa. A primeira partida contra o Moto Club fora de casa, em São Luís. Na segunda rodada, recebe o ABC, de Natal.

Altos disputou Copa NE esse ano (FOTO: Elias Fontinele)

A Copa do Nordeste é uma competição de alto nível e no grupo do Altos estão equipes de Série A (Bahia, Ceará) Série B e Série C. A equipe maranhense, do Sampaio Corrêa é a atual campeã da competição.

Cotas de participação

A Copa do Nordeste sofreu alterações no formato de disputa com o objetivo de tornar a primeira fase mais interessante aos clubes, mas principalmente aos torcedores oferecendo mais clássicos regionais e estaduais. Porem as mudanças não ficaram por aí, e as cotas de participação também foram alteradas.

O presidente do Altos, Warton Lacerda, demonstrou insatisfação com o novo valor para o time piauiense. Ao invés de R$ 770 mil reais serão pagos R$ 510 mil na edição 2019. “A questão da cota sugerida não é legal, é pequena, mas estava conversando com o presidente (Cesarino) ele vai tentar melhorar isso porque não é só o Altos são vários times inclusive o CSA”, declarou Warton. 

17 de outubro de 2018

Oliveira Canindé fala em buscar novas conquistas sob comando do River

O treinador foi anunciado como comandante do Galo na temporada 2019. Em vídeo, ele fala sobre desafios no cargo.

Oliveira Canindé irá comandar o River 2019 (FOTO: Divulgação)

O River anunciou a contratação do treinador Oliveira Canindé, 53 anos, como comandante para a temporada 2019. O técnico com trabalhos conhecidos no estado vai para sua segunda passagem no Galo Carijó, pois comandou o time durante a disputa do Campeonato Piauiense 2011. Através de um vídeo Canindé demonstrou ânsia para iniciar o trabalho e falou em subir o River de patamar a nível nacional.

“É com imenso prazer que eu retorno e buscando novas conquistas e contando claro com o apoio de todos, da nossa torcida maravilhosa que segura e nos dará todo o apoio independente de quem quer que seja. Somos fortes e daremos o melhor”, disse Oliveira.

O nome de Oliveira Canindé ainda está fresco na memoria de muitos torcedores, pois esse ano o experiente técnico comandou o Altos na disputa do Campeonato Brasileiro Série D. Agora sob comando do Galo e com novos desafios o treinador tem pela frente além do Piauiense 2019, Brasileiro Série D e também a Copa do Brasil.

“Representamos o futebol piauiense, mas temos muita força no Nordeste e esperamos crescer a nível nacional e é importante que nos posicionemos assim e façamos o nosso melhor. Que o Galo Carijó volte a ser forte e vibrante como sempre foi”, acrescentou o treinador.

Além do nome de Canindé, o gerente de futebol, Luciano Mancha, ex-Sampaio Corrêa também foi anunciado como reforço na comissão técnica. De acordo com a diretoria os nomes dos primeiros jogadores devem ser anunciados nos próximos dias. 

16 de outubro de 2018

River anuncia Oliveira Canindé como treinador para 2019

O cearense já tem outras passagens pelo estado do Piauí e tem foi confirmado no comando do Galo em 2019.

River confirmou Canindé como técnico (FOTO: Divulgação)

A temporada 2019 começou para a equipe do River. O Galo anunciou na tarde dessa terça-feira (16) a contratação de Oliveira Canindé como comandante para o ano que vem. A decisão foi baseada principalmente no currículo do técnico, marcado por conquistas no Nordeste. Canindé é nome conhecido dos torcedores do estado e esse ano comandou um dos principais rivais do Galo - O Altos durante a disputa do Brasileiro Série D. 

Dono de uma vasta experiência como treinador principalmente de clubes do Nordeste do Brasil, o cearense Oliveira Canindé é também dono de títulos importantes na carreira, como o título da Série D do Campeonato Brasileiro de 2010 e o título da Copa do Nordeste em 2013.

No futebol piauiense, Oliveira também tem títulos conquistados em suas passagens pelo estado. Ele conquistou o Campeonato Piauiense em 2006 treinando o Parnahyba e a Copa Piauí 2012 no comando do Flamengo-PI.

Luciano Mancha (FOTO; Divulgação)

Esta será a segunda passagem de Oliveira Canindé pelo River. Em 2011, ele treinou a equipe durante o estadual daquele ano.

Juntamente com Oliveira Canindé, o River terá mais um reforço na comissão técnica do clube com a chegada de Luciano Mancha, que foi um dos principais nomes na alavancada do Sampaio Corrêa, do Maranhão, no cenário do futebol nacional. Para o próximo ano o River no calendário além do Campeonato Piauiense 2019, Copa do Brasil e também a Série D do Brasileiro. 

15 de outubro de 2018

Enduro Canto do Buriti promete prova equilibrada e com pilotos de todo estado

A prova é valida pela 9ª e 10ª etapa do Campeonato Piauiense de Enduro de Regularidade e acontece no dia 3 de novembro.

Enduro Canto do Buriti é válido por duas etapas do Piauiense (FOTO; Divulgação) 

A cidade de Canto do Buriti vai receber a 9ª e 10ª etapa do Campeonato Piauiense de Enduro de Regularidade 2018. O Enduro Canto do Buriti promete reunir mais de 30 pilotos divididos em seis categorias: Master, Sênior, Rally, Junior, Novato e Trilhão, a grande novidade da competição, pois é uma categoria voltada para aqueles que pretendem apenas conhecer a região e se testar em provas de motociclismo.

A prova terá um percurso de 135km com apenas 13km de deslocamento e um total de 5 horas e 30 minutos de prova. Os pilotos mais experientes devem se sobressair na competição e segundo Fortes, diretor de competição e responsável pelo levantamento de todo o percurso o ‘detalhe’ deve definir os vencedores. “A região não apresenta dificuldade extrema. Será uma prova de muita navegação e a média de velocidade que coloquei, alguns balaios e pegadinhas é o que pode pegar alguns pilotos”, explica José Fortes.

A largada será na praça da Igreja Matriz e em frente à Prefeitura do Canto do Buriti. Os pilotos sairão com destino a “Tamboril”, trecho rápido mais com detalhes de navegação; onde estarão em ¼ da prova. Depois seguirão para “Brejo”, trecho com algumas estradinhas, veredas e pegadinhas, onde estarão com ¾ da prova.

Receber uma etapa do enduro de regularidade é novidade na cidade de Canto do Buriti, mas o prefeito Marcos demonstra empolgação e afirma que a expectativa em torno da prova é grande. “A movimentação na cidade está grande e tem alguns nomes da região que irão competir. É sempre bom abraçar o esporte”, conta.

No dia 2, acontece a entrega de kits e o briefing da prova a partir das 16h. A largada oficial será no dia 3 de novembro às 8h. A prova Enduro Canto do Buriti é válida pela 9ª e 10ª etapa do Campeonato Piauiense. Realização Federação de Motociclismo do Piauí. Patrocínio Prefeitura de Canto do Buriti e a organização radical produções. 

10 de outubro de 2018

Piauí sob ao pódio com Sarah e Emerson Silva no Brasileiro Sênior

Os dois judocas do estado conquistaram as medalhas de bronze na competição nacional, em Lauro de Freitas (BA).

Sarah Menezes conquistou bronze (FOTO; CBJ)

Os judocas piauienses Sarah Menezes (48kg) e Emerson Silva (55kg) conquistaram a medalha de bronze no Campeonato Brasileiro sênior de judô. A campeã olímpica em Londres 2012 bateu a paranaense Natasha Ferreira, nesta quarta, em Lauro de Freitas, na Bahia, e sorriu aliviada no pódio da categoria ligeiro. No duelo piauiense na disputa do bronze do peso-superligeiro masculino, melhor para Emerson, que despachou Giordano Bruno. O resultado rendeu pontos importantes para o jovem judoca convocado para o Mundial sub-21.

O Piauí subiu duas vezes ao pódio no Campeonato Brasileiro Sênior, em Lauro de Freitas, na Bahia. Emerson Silva (55kg) e Sarah Menezes (48kg) conquistaram a medalha de bronze em suas categorias (superligeiro e ligeiro).

Emerson Silva também volta com o bronze (FOTO; Jailson Soares)

Émerson enfrentou o também piauiense Giordano Bruno, que acabou ficando com a quinta colocação. Sarah Menezes derrotou a atleta do Paraná Natasha Ferreira. Antes disso, a campeã olímpica em Londres estreou com vitória sobre Ianele Padua (DF) e na sequencia foi derrotada por Amanda Lima (MG). Na repescagem, Sarah bateu Ana Paula Nobre (SC) antes de chegar à decisiva luta diante de Natasha Ferreira (PR).

Émerson Silva não retorna para Teresina. De lá, o judoca vai para São Paulo onde se reúne com os outros atletas da Seleção Brasileira de Judo que vão disputar o Mundial Sub21, em Nassau, nas Bahamas. 

09 de outubro de 2018

Piauienses se enfrentam em luta por bronze no Brasileiro Sênior de judô

Emerson Silva e Giordano Bruno brigam por bronze. Sarah Menezes também irá lutar por medalha amanha (10) no Brasileiro Sênior.

Sarah Menezes briga por bronze (FOTO: CBJ)

O Campeonato Brasileiro Sênior de Judô, última etapa do Ranking Nacional Sênior da CBJ, começou ontem (9) com a participação de 291 atletas de 26 seleções estaduais. O Piauí teve quatro representantes; Emerson Silva (55kg), Giordano Bruno (55kg), Kayllany Batista (44kg) e Stanley Torres (73kg) atual campeão Brasileiro na categoria meio-leve. As disputas serão no Centro Pan-Americano de Judô, em Lauro de Freitas, na Bahia, com início a partir das 9h. Além deles, Sarah Menezes (48kg) está disputando a competição pelo estado Rio de Janeiro e vai brigar pelo bronze.

Na primeira rodada de lutas Giordano Bruno venceu o atleta Rafael Cunha, do Rio Grande do Norte. Na categoria superligeiro, a piauiense Kayllany Batista foi derrotada por Amanda Santos, de São Paulo e eliminada de cara da competição. Sarah Menezes, venceu Ianelle Padua, brasiliense. Stanley encarou na primeira luta o David Lima, do Rio Grande do Sul e saiu do tatame derrotado.

“Stanley pegou uma pedreira logo na primeira luta. O David hoje é um atleta com experencia recente em Mundial e é um atleta que a CBJ está investindo bastante”, disse Queiroz Filho treinador.

Os piauienses que mais avançaram na competição foi Emerson Silva (55kg) e Giordano Bruno (55kg) os dois lutam um contra o outro pela medalha de bronze na competição na manhã de hoje (10), a partir das 9h.   A definição da outra medalha de bronze acontece entre Felipe Meireles (BA) e Braian Cruz (PR).

O jovem Emerson Silva (55kg) atualmente integra a seleção brasileira de base e depois da competição embarca para o Mundial de Judô, em Nassau, nas Bahamas. Na edição do Brasileiro Sênior 2017 o Piauí conseguiu um feito histórico e conquistou duas medalhas de ouro. Stanley Torres (73kg) e Sarah Menezes (48kg) representaram o estado e garantiram êxito máximo.

FINAIS:
55KG: MATHEUS TAKAKI (DF) X MIKE PINHEIRO (SP)
60KG: JONATHAN FREITAS (SP) X RAPHAEL MIAQUE (RS)
66KG: AIRTON SILVA (RS) X ADRIANO SOUZA (AM)
73KG: ALEX POMBO (RS) X LINCOLN NEVES (SP)

44KG: AMANDA SANTOS (SP) X ANA BEATRIZ PINTO (PA)
48KG: NATHÁLIA BRÍGIDA (RS) X EDUARDA FRANCISCO (RJ)
52KG: ELEUDIS VALENTIM (SP) X YASMIN LIMA (RJ)
57KG: TAMIRES CRUDE (RJ) X LAYANA COLMAN (MG)

Piauienses estreiam com vitória no Brasileiro Sênior; Sarah luta por RJ

Stanley Torres e Emerson Silva sobem aos tatames ainda na manhã de hoje (9). A competição acontece em Lauro de Freitas (BA).

Emerson Silva compete na categoria superligeiro (FOTO: Jailson Soares)

O Campeonato Brasileiro Sênior de Judô, última etapa do Ranking Nacional Sênior da CBJ, começou hoje (9) com a participação de 291 atletas de 26 seleções estaduais. O Piauí tem quatro representantes; Emerson Silva (55kg), Giordano Bruno (55kg), Kayllany Batista (44kg) e Stanley Torres (73kg) atual campeão Brasileiro na categoria meio-leve. As disputas serão no Centro Pan-Americano de Judô, em Lauro de Freitas, na Bahia, com início a partir das 9h. Além deles, Sarah Menezes (48kg) está disputando a competição pelo Rio de Janeiro.

Na primeira rodada de lutas Giordano Bruno venceu o atleta Rafael Cunha, do Rio Grande do Norte. Na categoria superligeiro, a piauiense Kayllany Batista foi derrotada por Amanda Santos, de São Paulo. Sarah Menezes, venceu Ianele Padua, brasiliense. Stanley encara na primeira luta o vencedor do confronto entre David Lima (RS) e Victor Uchôa (RR) . Emerson Silva enfrenta Leonardo Santos, de Santa Catarina. 

As principais esperanças de medalha do estado são o jovem Emerson Silva (55kg), que atualmente integra a seleção brasileira de base e depois da competição embarca para o Mundial de Judô nas Bahamas. E Stanley Torres, dono do título na categoria meio-leve e em 2017 desbancou nomes como Alex Pombo, que representou a seleção nos Jogos Olímpicos do Rio-16.

Na edição do Brasileiro Sênior 2017 o Piauí conseguiu um feito histórico e conquistou duas medalhas de ouro. Stanley Torres (73kg) e Sarah Menezes (48kg) representaram o estado e garantiram êxito máximo. 

03 de outubro de 2018

Atacante Fabinho sofre lesão e torcida faz campanha para ajudar com cirurgia

O jogador Fabinho, ex- Parnahyba, rompeu três ligamentos do joelho e a cirurgia custa mais de 10 mil reais.

Atacante Fabinho (FOTO: Wilson Filho)

O atacante Fabinho, 34 anos, conhecido por vestir a camisa de vários clubes do estado vive um drama. O jogador rompeu três ligamentos do joelho durante uma partida com amigos. De acordo com uma das torcidas organizadas, Totc, do Parnahyba o valor da cirurgia é de 11 mil reais o atleta não tem condições de arcar com o valor e por isso torcedores se mobilizam para ajudar a arrecadar a quantia.

“Poucos ficaram sabendo da lesão de Fabinho, pois bem. A lesão de Fabinho é mais seria do que imaginávamos, teve rompimento dos três ligamentos do joelho e a cirurgia custa 11 mil e ele não tem como arcar com esse valor sozinho. Todo valor será bem-vindo”, diz o post da torcida organizada Tubarões, do Parnahyba. 


Fabinho vestiu esse ano a camisa do 4 de Julho, de Piripiri. O jogador é bastante querido também pelo Parnahyba, clube que defendeu por algumas temporadas, mas o melhor momento na carreira do atacante foi em 2015 quando defendeu o River e conquistou o título de campeão Piauiense e fez parte do elenco que subiu de divisão na Série D do Brasileiro para a Série C.

Apesar do bom currículo, Fabinho é um dos jogadores que depende basicamente do calendário local, que está parado desde junho. Nos últimos meses Fabinho chegou a jogar quadra vestindo a camisa de equipes do futsal e fut7, com a equipe do Resenha, disputou a Copa do Nordeste de Fut7 no mês de agosto.


26 de setembro de 2018

Caic inicia disputa do Campeonato Brasileiro Juvenil em Santa Catarina

As disputas tem início hoje (26) na cidade de Itajaí (SC). A estreia será contra o Paraná (PR).

Caic começa a disputa na tarde de hoje (25) (FOTO: Reprodução)

A equipe Juvenil do Caic embarcou hoje (25) para mais um desafio nas quadras. Sob o comando de Giuliano Ramos, os garotos irão disputar o Campeonato Brasileiro Juvenil, em Itajaí, Santa Catarina. A competição nacional é uma das mais importantes do ano e terão outras sete equipes brigando pelo título.

Os piauienses estão na chave ‘B’ da competição ao lado dos donos da casa, Itajaí (SC), Alto Paraná (PR) e Asseat (DF). O treinador destaca a rodagem do grupo como ponto forte. “Esse grupo é bastante entrosado, bastante unido, nos viajamos ano passado para o Sul-Americano e fomos vice-campeão do mundo então é uma turma com bastante rodagem”, explica Giuliano.

Entre os principais adversários estão os times de Santa Catarina como o próprio Itajaí e também Nacional. Além deles, outra força é o Pinheiros (SP), mas por ser uma competição com os oito melhores do Brasil tem alto nível. “Uma competição onde não se pode vacilar em momento algum. O primeiro objetivo é classificação, ficar entre os quatro e depois disso chegar a final e brigar por pódio”, frisa o treinador.

Entre os nomes com mais experiencia no elenco está o ala esquerdo, Gabriel, que vai para o seu segundo ano de Brasileiro e tem a experiencia no Sul-Americano. O atleta frisa o bom nível da competição, mas acredita que concentração é palavra chave na competição. “Precisamos entrar ligados, sem desatenção, pois isso que nos atrapalhou um pouco. Além disso, esquecer grandes forças porque se estamos lá também somos fortes”, disse.

O Campeonato Brasileiro Juvenil acontece de quarta-feira (26) até domingo (30) e tem oito times brigando por título. As equipes são formadas por atletas de 14 a 16 anos.

Na chave ‘A’ estão; BHG (MA), Nacional (SC), Sport (PE) e Pinheiros (SP). Na chave ‘B’ além dos piauienses está Asseat (DF), Alto Paraná (PR) e os donos da casa Itajaí (SC). A estreia dos piauienses será nesta quarta-feira (25), às 14h contra o Paraná.

24 de setembro de 2018

Irmão Farias conquistam ouro em torneio de badminton no México

Francielton e Fabrício Farias bateram os donos da casa na final. Além deles, Jaqueline Lima também subiu ao pódio na competição internacional

Francielton e Fabrício conquistaram ouro na duplas masculinas (FOTO: Arquivo Pessoal)

A dupla piauiense formada pelos irmãos Francielton Farias e Fabrício Farias anotou mais um título para conta esse ano. No México, disputando o IX Torneio Internacional na cidade de Aguascalientes os atletas da Joca Claudino garantiram o titulo nas duplas masculinas batendo na grande final os donos da casa. Jaqueline Lima também subiu ao pódio no torneio.

“Tudo vem no tempo certo. Eu só quero agradecer a Deus por tudo isso e mais essa conquista”, escreveu Francielton em suas redes sociais.

A semifinal da competição foi contra a dupla da Guatemala formada por Anibal Marroquin e Rodolfo Ramirez e os piauienses venceram por 2 sets a 1 (21-23/21-16/21-19). A grande final foi diante uma dupla mexicana Lopez Andres e Luiz Armando Montoia (21-15/24-22). A dupla piauiense fez cinco jogos até o titulo.

Além dos irmãos Farias, a piauiense Jaqueline Lima também disputou a competição nas categorias duplas mistas ao lado de Fabrício Farias e simples feminina, e subiu ao pódio nas duas categorias. Bronze na simples e bronze na dupla.

Os piauienses seguem fora do país. Agora, irão para Guatemala participar de outras competições. Fabrício Farias, 18, está se preparando para disputar os Jogos Olímpicos da Juventude, que acontece no mês de outubro, em Buenos Aires em que Fabrício Farias e Jaqueline Lima serão um dos poucos representantes do Brasil na modalidade. 

19 de setembro de 2018

Atacante Valéria sai do Audax-SP e irá defender Vitória no Campeonato Baiano

A jogadora piauiense vai vestir a camisa do clube baiano, que recentemente foi vice-campeão da Série A2 e agora vai disputar o Estadual Feminino.

Valéria vai defender o Vitória (FOTO: Elias Fontenele)

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

VEJA TAMBÉM:  

Valéria faz tratamento e tem chances de ir à Copa do Mundo 

Emoção, gratidão e sonhos realizados: O retorno de Valéria 

Com a seleção, Valéria fala sobre a Copa do Mundo 

---------------------------------------------------------------------------------------------------------

A atacante Valéria vai vestir a camisa do Vitória (BA) nos próximos meses. A jogadora piauiense, que atualmente integra também a Seleção Brasileira Sub20 vai disputar o Campeonato Baiano com o time. O Vitória recentemente foi vice-campeão do Brasileiro A2 e é uma das grandes forças do Nordeste. Antes disso, Valéria faz um pit stop no Piauí, e vai visitar a família em União.

“Vou em casa, devo passar uns cinco dias com minha família e depois disso me apresento ao Vitória para disputar o Baiano por lá. Depois disso, devo retornar para o Piauí somente no final do ano mesmo”, conta a atacante.

Valéria também defende a Seleção Sub20 (FOTO: Luis Figueiredo/CBF)

Recentemente, a piauiense estava com a Seleção Sub20 na disputa da Copa do Mundo da modalidade, que aconteceu na França. O Brasil acabou não conseguindo avançar para as quartas de final da competição, mas o torneio foi importante para a atacante que se recuperava de lesão e por muito pouco não fica de fora da seleção . 

Valéria chegou a vestir a camisa do Audax (SP) por alguns meses na disputa do Campeonato Paulista, mas a atleta conta que preferiu se desligar do clube e ficar mais próximo de casa. “Eu conversei com o presidente assim que retornei da seleção e optei por me desligar do clube e eles me liberaram sem problemas. Agora é pensar em defender bem o Vitória”, acrescentou.

Valéria foi revelada pelo Tiradentes. Em 2017, chegou até a seleção brasileira após as boas apresentações na disputa do Campeonato Brasileiro Série A2 vestindo a camisa do Tigrão. Na época, a atacante foi artilheira da competição com 10 gols marcados e logo em seguida convocada para a seleção sub20 comandado por Vadão. 


17 de setembro de 2018

Joelma das Neves conquista ouro no revezamento do Troféu Brasil de Atletismo

Joelma conquistou o ouro no revezamento 4x400m na prova que aconteceu em Bragança Paulista, São Paulo.

A corredora Joelma das Neves (a direita) conquistou ouro no revezamento 4x400m (FOTO: CBAT)

A corredora Joelma das Neves subiu ao lugar mais alto do pódio no Troféu Brasil caixa de atletismo, que aconteceu em Bragança Paulista, São Paulo. No domingo (16), Joelma conquistou o ouro no revezamento 4x400m pela equipe do Pinheiros (SP), que após os três intensos dias se sagrou tricampeã da competição.

Joelma das Neves abriu o revezamento ao lado de Mayara dos Santos Leite, Daysiellen Atla Dias e Geysa Aparecida, elas terminaram a prova no tempo de 3:36:26 conquistando a medalha de ouro na competição, que é a principal do atletismo nacional.

Essa foi a 11ª participação de Joelma em um Troféu Brasil. A corredora nascida em Timon (MA), mas que treinou por anos em Teresina e hoje defende o clube paulista tem no currículo duas participações em olimpíadas Londres – 12 e Rio de Janeiro – 16 e  agora segue em intensa preparação visando vaga nos Jogos de Tóquio – 20.

Juventude no Troféu

Outros nomes mais jovens do estado também estiveram na competição em Bragança Paulista, São Paulo. Luís Fábio e Francisco Kaio, de 18 e 20 anos, respectivamente foram buscando ganhar mais experiência e competiram no arremesso de peso, lançamento de disco e lançamento de dardo.

No lançamento de dardo, Francisco Kaio terminou a prova na sexta colocação, mas fez sua melhor marca pessoal (66:19) e o Luís Fábio ficou em sétimo (66:05). No arremesso de peso, Luís Fábio terminou em oitavo lugar com a marca de 15:86 e no lançamento de disco encerrou a prova na nona colocação com 48:02. 

----------------------------------------------

Joelma com medalha (FOTO: Reprodução)

13 de setembro de 2018

Em reunião, técnicos dos Jogos Escolares exigem transporte seguro

Um dos ônibus quebrou inúmeras vezes no caminho e a viagem Teresina até Natal (RN) durou mais de 30h.

Após a saga para chegar até Natal (RN) onde está acontecendo à fase regional dos Jogos Escolares da Juventude em que a viagem da delegação piauiense atrasou mais de 16h, os treinadores, alunos e dirigentes resolveram se posicionar e afirmam que não irão retornar nos mesmos ônibus. Exigindo segurança. Isso porque, um dos três veículos contratados pela Fundespi para levar os 150 atletas piauienses para competição quebrou varias vezes ao longo do percurso e a viagem que seria realizada em 16h durou mais de 30h.

Alunos, técnicos e dirigentes passaram horas parados na estrada (FOTO: Reprodução)

Saiba Mais: 

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Ônibus quebrado e espera: A saga dos piauienses para chegar aos Jogos Escolares 

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------

“Nós acabamos uma reunião no hotel em que estamos alojados pelos jogos da juventude 2018 e colocamos em pauta o transporte da delegação do Piauí e em virtude do acontecido no transporte de Teresina a Natal a comissão de professores e alunos atletas que estão nos jogos definiu que não vão retornar para sua cidade de origem nesses ônibus que aqui estão”, disse Evaldo técnico de basquete.

Todos os treinadores aparecem no vídeo. Além de afirmar que não irão fazer a viagem de volta para Teresina nos mesmos veículos, os treinadores exigem também um posicionamento da Fundespi (Fundação de Esportes do Piauí), órgão responsável pela contratação da empresa que faz o transporte da delegação e que os alunos atletas façam a viagem de volta em segurança.


“Viemos aqui salientar e pedir a posição do órgão responsável pela contratação desses ônibus para que a gente possa retornar em segurança com os nossos alunos atletas para nossa local de origem que é Teresina, Piauí”, acrescentou o treinador de basquete.

Os Jogos Escolares da juventude essa etapa conta apenas com as modalidades coletivas e o Piauí tem representantes em todas elas; basquete, handebol, vôlei e futsal, nos naipes masculino e feminino.

Outros casos

Há algumas semanas a delegação que representou o estado do Piauí no Norte-Nordeste de atletismo também viajou até Recife (PE) em um ônibus contratado pela Fundespi. O veiculo quebrou inúmeras vezes ao longo do caminho e os atletas chegaram até o local de competição faltando três horas para o inicio das provas. 

12 de setembro de 2018

Ônibus quebrado e espera: A saga dos piauienses para chegar aos Jogos Escolares

O transporte dos atletas é de responsabilidade da Seduc e da Fundespi. O veiculo quebrado passou mais de seis horas parado.

Ônibus quebrou ainda dentro de Teresina (FOTO: Reprodução)

A delegação piauiense embarcou para a etapa regional dos Jogos Escolares da Juventude, que acontece a partir de hoje (13) até o domingo (19), no Rio Grande do Norte, Natal. E o primeiro desafio dos 150 atletas piauienses foi chegar até o local de competições, pois um dos ônibus quebrou logo no início da viagem e os atletas, técnicos e dirigentes ficaram parados por mais de seis horas na estrada. O ônibus quebrou ainda dentro de Teresina. 

"Infelizmente houve essa dificuldade. Mas resolvemos até o meio dia com troca do veículo quebrado por um novo. Antes da viagem foi feita uma inspeção nos três veículos por um responsável da empresa e nenhum problema foi detectado", afirmou O Diretor de Esporte Escolar da Fundespi, Geovani Rodrigues. 

Alunos, técnicos e dirigentes ficaram na estrada (FOTO: Reprodução)

Três ônibus levam os atletas piauienses para a competição e mais de 1.000 quilômetros foram percorridos entre Teresina e Natal. O veículo que deu problema estava levando os atletas do vôlei e basquete. Essa fase regional da competição terá disputas somente das modalidades coletivas: futsal, basquete, handebol e vôlei.

Diferente da última edição as etapas se uniram e agora acontecem as disputas de 12 a 14 anos e 15 a 17 anos juntas. Os atletas que se classificaram nas modalidades individuais avançaram direto para fase final do torneio que acontece no mês de novembro, no Paraná. 

Não é a primeira vez que uma delegação piauiense fica no meio do caminho por conta de problemas de transporte. 20 dias atrás, a delegação que disputou o Norte-Nordeste de Atletismo Sub18 também sofreu para chegar até Recife e chegou a competição horas antes de iniciar o torneio. 

Os Jogos Escolares da Juventude terão início hoje (13) e se estendem até domingo (19), em Natal. O Piauí tem 150 atletas na competição, distribuídos em quadro modalidades. O responsável pela delegação piauiense, Batista Otoni, já está em Natal, pois viajou de avião. 

11 de setembro de 2018

Atacante Augusto faz balanço de ano no Santa e crítica situação do FLA

Em Teresina, o piauiense lamenta ano sem brilho no Santa Cruz-PE e cita crise no Flamengo; “É difícil ver o clube nessa situação”.

Atacante Augusto (FOTO: Reprodução ODia TV)

Augusto está de volta à terra natal depois de uma temporada no Santa Cruz, de Pernambuco, no qual disputou a Copa do Nordeste, Copa do Brasil, estadual e o Campeonato Brasileiro Série C que o time chegou até as quartas de final. O ano no Santa não foi dos melhores: lesões, muitas trocas no comando e tudo isso atrapalhou o atacante piauiense a ter estabilidade no elenco.  

“Esse ano não foi como eu esperava, pretendia ter um destaque maior. Tive algumas lesões que me atrapalharam um pouco e com isso o time que estava jogando deu liga e foi difícil voltar a titularidade. Trocamos muito de treinador também e atrapalhou, mas foi um ano de muito aprendizado”, frisa o atacante.

Revelado pelo Flamengo do Piauí em 2013. Augusto vestiu a camisa do Rubro-Negro até o ano de 2016 e é bastante lembrado principalmente pelas atuações nos clássicos Rivengo. Porém o clássico perdeu força e o maior motivo é a crise que vive o Flamengo, e Augusto lamenta a situação e chega a afirmar que hoje o Flamengo entra em campo para ‘apanhar’ do River.

“O Flamengo teve uma importância muito grande na minha carreira e eu sou apaixonado pelo clube, virei um torcedor mesmo e é muito difícil ver o clube nessa situação. Na época em que eu joguei era um clube que sempre brigava pelo título piauiense, com salários em dia e o mínimo necessário de estrutura, mas depois que o Jankel (ex-presidente) saiu praticamente acabou. O Flamengo e o River são times grandes do estado e você ver o Flamengo como está praticamente o Flamengo entra em campo para apanhar do River e isso é muito ruim para torcedor e a instituição Flamengo do Piauí”, criticou Augusto.  

Em casa, o momento é de pensar nos próximos meses e na temporada 2019, mas o atacante afirma que estar em casa com a família é a prioridade. Mais conta que pode aparecer como reforço em alguma equipe na disputa da Série B do Brasileiro. “Estou vendo algumas possibilidades e tenho duas propostas de clubes que estão disputando a Série B. Por enquanto quero aproveitar o tempo em casa, pois estava com quase dois sem vir para cá”, conta.

Augusto tem contrato com o Santa Cruz-PE até o final de 2019 e se for contratado por outro clube precisa de liberação da equipe. 

Após Seleção, Júlia retorna ao Tiradentes e irá disputar Copa Batom

A meia-atacante piauiense passou 15 dias na Granja Comary em treinamentos junto a seleção Sub17

Júlia Beatriz voltou aos treinos no Tiradentes (FOTO: Elias Fontenele)

A jogadora piauiense retornou a Teresina, após os treinos na Granja Comary, no Rio de Janeiro, junto a Seleção Brasileira Sub-17 do técnico Luizão. Sem descanso, Júlia voltou aos treinos no Tiradentes e se prepara para disputar a Copa Batom, que tem início no domingo (16) e o Tigrão enfrenta o Comercial, às 16h, no Campo do Cfap, em Teresina.

"A cada convocação os treinos estão mais puxados e exigindo principalmente a parte física da gente, pois ainda temos que melhorar. A rotina de treinamentos é bem intensa, tanto é que voltamos exaustas, mas o trabalho continua”, frisa Júlia.

Essa foi a terceira convocação de Julia e em três meses vestindo a camisa Amarelinha a rotina da atleta deu um giro de 180° graus. Entre as obrigações, os cuidados com alimentação e também a parte física se tornaram prioridade, como conta o pai, Fausto Rodrigues. 

“Vem sendo uma tarefa complicada para ela, mas a rotina de Júlia mudou completamente. Ela recebe um cronograma de atividades que ela precisa cumprir ao longo da semana que vem diretamente do preparador físico da Seleção Brasileira. Além dos cronogramas de treinos na academia ela precisa tomar suplementação e ter cuidado com a alimentação diária”, ressalta.

Essa foi a primeira convocação pensando no Mundial Sub17. Mais uma deve acontecer no mês de outubro em que será definida a lista final com apenas 21 atletas. Júlia conta as principais exigências do técnico nas primeiras atividades na Granja. “Esses primeiros 15 dias foram mais para testes físicos que uma parte que eles puxam bastante da gente, mas ele (Luizão) também começou a trabalhar algumas situações táticas comigo, por exemplo, atuando como atacante de beirada até porque eu tenho bastante velocidade, mas por enquanto o foco foi a parte física porque todas nós ainda temos o que melhorar para poder disputar no mesmo nível as outras seleções, o jogo realmente é muito duro”, conta a jogadora.

A próxima convocação deve acontecer no dia 1° de outubro e serão mais 15 dias de treinos ainda em preparação para o Mundial Sub-17, que acontece no mês novembro, no Uruguai. Tudo dando certo, a piauiense embarca para a próxima convocação e só retorna ao estado um mês depois, pois após os treinos no Rio de Janeiro a Seleção já embarca para o Uruguai onde irá disputar o Mundial. Antes disso, Júlia vai disputar a Copa Batom com a camisa do Tiradentes, que tem inicio no domingo (16). 

-----------------------------------------------------------------------

Júlia estava em treinos com a seleção Sub17 (FOTO: Elias Fontenele)

-----------------------------------------------------------------------------------------------





Enquete

Um jovem morreu ao sofrer descarga elétrica colocando celular para carregar. Quais cuidados você toma em relação a isso?

ver resultado