• show Legião Urbana
  • casa gourmet 2018
  • TV O DIA - fullbanner w3b
  • TV O Dia - fullbanner
Boas e novas

Silêncio, por favor!

Sei que é difícil num mundo que não se cala nunca e nos obriga a viver conectados 24h por dia

24/10/2018 23:55h

Você conseguiria passar três minutos sem ver as novas mensagens no celular? É somente esse o tempo necessário para a leitura completa desse texto. Só um pouquinho do seu tempo para refletirmos sobre o quanto estamos vivendo num ritmo acelerado ultimamente. Nosso corpo e mente não param de trabalhar, e esta última, então, tem clamado por um pouco de descanso.

Então, faça um pouquinho de silêncio, por favor! Sei que é difícil num mundo que não se cala nunca e nos obriga a viver conectados 24h por dia. Ainda que a gente tente evitar, o desespero bate quando a bateria do smartphone chega a 20%, as mãos deslizam no automático quando o aparelho vibra, avisando que uma nova mensagem chegou (pode ser algo muito importante, né?); no caminho para o almoço, há veículos de comunicação nos atacando com notícias e publicidade até dentro do elevador; e, enquanto a gente faz mais uma refeição, que tal checar um e-mail ou agendar aquele compromisso pessoal que não foi possível marcar em outro momento (“já que não estou fazendo nada”)?

Graças a essa brilhante coisa nova chamada tecnologia, a gente pode até “ler” um livro enquanto pratica atividade física. E, no caminho de volta pra casa, dá pra se atualizar com as notícias quentinhas dos últimos 20 minutos. Antes de dormir, uma última “olhadinha” nos grupos de Whatsapp, no Facebook e no Instagram. E lá se foram mais horas e horas de um silêncio turbulento.

Silêncio, por favor! Para respirar, para pensar, para falar e para ouvir.

Jesus sabia da importância de estar em silêncio, e a sós, somente com Deus. Várias vezes ele deixou a multidão e até seus amigos mais íntimos, para estar com Ele. Se Cristo estivesse aqui por esses dias, como homem, certamente desligaria o wi-fi, deixaria o celular do lado de fora, fecharia a porta do seu quarto, e ficaria em silêncio, para ouvir a voz de quem não quer competir com mensagens de aplicativos, mas quer ser priorizado, como merece.

Sua mensagem, essa sim, é importante. Ela é e sempre será atual. Será continuamente instigante, inspiradora e proveitosa para ministrar a verdade, para repreender o mal, para corrigir os erros e para ensinar a maneira certa de viver (2 Tm 3.16).  

Em tempos de tanta turbulência, de tantos ataques à mente, e de tanta informação que desinforma, pare um pouco para silenciar. Cale tudo ao seu redor e se conecte apenas com Aquele que acalma os corações, aquieta a alma, fortalece o espírito. Como Jesus, afaste-se um pouco de coisas que, mesmo importantes, não são prioridade, e renove suas forças aos pés do Deus Vivo, que tem todo poder em suas mãos. Um pouquinho de silêncio, por favor! 

Edição: Pollyana Rocha

Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas





Enquete

Um jovem morreu ao sofrer descarga elétrica colocando celular para carregar. Quais cuidados você toma em relação a isso?

ver resultado