• COMBATE AO MOSQUITO AEDES AEGYPTI 2019 - 2020
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia
Boas e novas

Passo a passo, andando com Cristo

Devemos ser como os atletas, que logo após uma vitória alcançada voltam a treinar rumo a conquistas maiores

10/09/2013 23:16h - Atualizado em 10/09/2013 23:30h

O ser humano vive de conquistas, e no intervalo entre uma e outra o que sobra é pressão. Quando somos crianças, ainda estudando no Jardim de Infância, todos querem saber sobre o desempenho na escola: “Ele já sabe ler?”, “Já fala inglês”, “Já decorou a tabuada dos nove?”... Mais crescidinhos, logo querem saber sobre o curso que faremos na faculdade. Ah, mas essa fase passa, sendo substituída pela próxima: “Já conseguiu emprego?”. Quando tudo parece pronto e certinho na sua vida, diploma na parede, emprego garantido, descobrimos que sempre há algo mais, e pode vir aquela perguntinha que todo mundo “adora”: “E o namorado, cadê?”. Depois do namoro, vem o casamento, os filhos, e o ciclo recomeça...

As histórias podem variar um pouco, assim como as conquistas que cada um decide lutar para alcançar, mas o que importa é saber que as pressões, apesar de cansativas, acabam nos impulsionando a sempre buscar subir um novo degrau, sem o risco de nos acomodarmos, acreditando, enganosamente, que o meio da escada já é o topo.

Em nossa caminhada com Cristo, não pode ser diferente, e devemos sempre nos esforçar para dar mais um passo. O primeiro é também o mais importante: aceitar que Jesus é o único e suficiente salvador (Eu, eu sou o Senhor, e fora de mim não há Salvador. Isaías 43:11). A partir dessa decisão, que nos sintamos motivados a conhecer cada vez mais a respeito de Deus, através da sua Palavra. Pode alguém infinito ser conhecido totalmente? É claro que não! Então há sempre algo novo para recebermos da parte do Senhor. A Bíblia confirma: “Se vós permanecerdes na minha palavra, verdadeiramente sereis meus discípulos; E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará” (João 8: 31 e 32).

Em Filipenses 3:14, outro lembrete valioso, escrito pelo apóstolo Paulo: “Prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus”. Como um atleta, que logo após uma vitória alcançada volta a treinar visando competições mais importantes, o filho de Deus precisa se preparar diariamente, sem vacilar, para alcançar o alvo glorioso, que é o céu.

Na vida secular, há sempre alguém para cobrar de nós voos mais altos, prêmios, conquistas. Mas na vida de comunhão com Deus, nem sempre é assim. Devemos, portanto, lutar contra a acomodação proposta pelo mundo e por nós mesmos, e prosseguir para o alvo, dando um passo a cada dia, subindo um degrau de cada vez, e lembrando que o topo é o mais alto que se pode imaginar, porque se trata de um lugar preparado pelo Deus Soberano.  

Edição: Pollyana Rocha

Deixe seu comentário