Sobe o Dia


Ao longo dos seus mais de 60 anos de atuação, o Jornal O DIA vem contando a história do povo piauiense. Seus costumes, suas grandes obras, as frases que marcaram época, as músicas que embalaram as festas nas diferentes décadas, os ídolos do cinema, as personalidades imortalizadas por seus feitos, enfim, o que marcou todos esses anos.

O coronel e empresário Octávio Miranda adquire O DIA no início dos anos 60: numa atitude pioneira coloca O DIA nas ruas, em 1º de fevereiro de 1964, como o primeiro jornal diário do Piauí, causando estupefação numa população que sequer sonhava em ter um jornal que lhe mantivesse informado diariamente. Enfrentando todas as investidas dos militares, quando do período ditatorial, Octávio Miranda conseguiu informar sem se submeter aos caprichos do poder que se instalou no país em 1964.

No início dos anos 90, O DIA ganha uma das primeiras redações informatizadas do Brasil, atraindo a atenção de muitos jornais do Sul do país. A Folha de São Paulo, por exemplo, enviou profissionais para ver como o sistema funcionava. O DIA entrava numa nova era, mais uma vez trilhando pelos caminhos da modernidade, da contemporaneidade, revolucionando o mercado editorial.

A necessidade de associar o jornal às novas mídias faz com que o diretor-presidente de O DIA, Valmir Miranda, amplie o leque no ramo das comunicações com a implantação do Portal O DIA e da TV O DIA. Hoje, quando O DIA completa 62 anos de existência, o sistema está fortalecido com equipamentos de última geração, redação multimídia, estúdios, e uma equipe comprometida com a notícia, com o dever de bem informar o leitor.

Redaçao jornal O Dia