Portal O Dia
  • Portal O Dia /
  • Esporte /
  • Patrícia Amorim é convidada para ser chefe da seleção em Londres

Patrícia Amorim é convidada para ser chefe da seleção em Londres

O anúncio foi feito pelo substituto de Ricardo Teixeira, José Maria Marin

09/04/2012 18:25

A presidente do Flamengo, Patrícia Amorim, foi escolhida pela CBF para ser a chefe da delegação da Seleção Brasileira de futebol feminino nos Jogos Olímpicos de Londres neste ano. O anúncio foi feito pelo substituto de Ricardo Teixeira, José Maria Marin, em uma entrevista coletiva nesta segunda-feira na sede da entidade, mas Patrícia afirmou que ainda vai pensar se aceitará ou não.

- É uma sensibilidade muito grande, mas o senhor sabe que a prioridade é o Flamengo. Já estamos ajudando a Seleção olímpica e para nós é uma honra. Receber esse convite me sensibiliza, mas preciso pensar, o Fla é prioridade. Tenho certeza que em julho estará tudo tranquilo - disse a dirigente.

O chefe da delegação do futebol masculino será o presidente da federação de futebol de Santa Catarina, Delfim Peixoto. Na Copa do Mundo de 2010, o cargo ficou com o então presidente do Corinthians, Andrés Sanches, atual diretor de Seleções da CBF.

- Quero agradecer a confiança que depositaram em mim para chefiar a delegação nas Olimpíadas e tentar trazer para o Brasil o único titulo que não temos. Tenho que lembrar que isso não é uma novidade, pois chefiei delegações sub-15, sub-20 e até a principal com o Ricardo Teixeira. Digo ao presidente que nas atribuições que são parte do meu trabalho tudo faremos. O grupo é muito competente - afirmou Delfim.

O torneio de futebol olímpico será disputado entre os dias 25 de julho e 11 de agosto em seis sedes: Millennium Stadium (País de Gales), Old Trafford (Manchester), St. James Park (Newcastle), Hampden Park (Glasgow), City of Coventry (Coventry) e Wembley (Londres).

Os torneios terão 16 seleções masculinas (Grã-Bretanha, Coreia do Sul, Japão, Emirados Árabes, Gabão, Marrocos, Egito, México, Honduras, Brasil, Uruguai, Nova Zelândia, Espanha, Suíca, Bielorrússia e o vencedor da repescagem entre Omã e Senegal) e 12 femininas (Grã-Bretanha, Japão, Coreia do Norte, África do Sul, Camarões, EUA, Canadá, Brasil, Colômbia, Nova Zelândia, Suécia e França).

Em março, o técnico Mano Menezes anunciou uma pré-lista com 52 nomes para as Olimpíadas. A relação final com 18 nomes será divulgada no dia 6 de julho, mas antes, em 8 de junho, o treinador ainda diminuirá para 35 jogadores. O comandante da Seleção feminina é Jorge Barcellos.

Fonte: G1

Deixe um comentário

Tópicos Patrícia Amorin Olimpíadas Londres Flamengo,

Veja também

há 11 horas
A competição foi realizada nos dias 18 e 19 de outubro na Escola São Paulo de Tênis de Mesa
há 18 horas
Essas foram as últimas palavras do jogador indiano que morreu após comemoração de seu gol.
há 18 horas
Torcedores organizados compareceram ao CT Dr. Joaquim Grava na última sexta-feira para protestar.
há 18 horas
A negociação para o retorno do ídolo Kaká estreitou a relação entre o Orlando City e o clube tricolor.