Portal O Dia

Consultores do Governo Federal avaliam produção de babaçu no Piauí

Projeto visa atender demandas de inovação tecnológica da produção de babaçu

06/05/2011 13:23

Os coordenadores do Núcleo Interinstitucional de Estudos e Geração de Novas Tecnologias para o Fortalecimento do Arranjo Produtivo Local do Babaçu, o Projeto GERATEC, receberão na próxima quarta-feira (11/05), em Teresina, dois consultores da Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP), órgão do Ministério da Ciência e Tecnologia que, em convênio com a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI), estão investindo R$ 6 milhões para o projeto GERATEC, que visa prioritariamente desenvolver ações voltadas para o atendimento das demandas de inovação tecnológica das atividades produtivas do agronegócio do Babaçu no Piauí.

O objetivo da visita dos consultores da FINEP será acompanhar e avaliar o andamento das obras, aquisições e implantação de equipamentos, as atividades já realizadas e as metas do convênio, celebrado em dezembro de 2008 e que deverá ser concluído em meados de 2012.

Os recursos estão sendo aplicados em cinco grandes subprojetos, que servirão para o desenvolvimento das pesquisas na Uespi, na UFPI e no IFPI. A Uespi é a instituição executora do projeto, sendo a UFPI e o IFPI os co-executores. O coordenador geral do GERATEC é o Prof. Dr. em Química da UESPI, Nouga Cardoso Batista.

Os Subprojetos, nos quais estão sendo implantados os cinco núcleos estão em fase final de conclusão de obras, de aquisição e implantação de equipamentos, muitos considerados de ponta, já que há muito que se pesquisar junto à cadeia produtiva do babaçu, palmeira muito comum no meio-norte do Brasil, que movimenta centenas de atividades que empregam milhares de famílias em vários estados do Nordeste e do Norte do país.

Na programação, o coordenador do projeto, Nouga Batista, a presidente da FAPEPI, Bárbara Olímpia de Melo, e os demais coordenadores dos subprojetos acompanharão os consultores nas visitas que acontecerão na UFPI, no IFPI e, por último, na UESPI, na manhã de quarta-feira. À tarde, acontecerá uma reunião técnica dos coordenadores com os consultores, que deverá contar com a presença do Secretário do Desenvolvimento Econômico e Tecnológico - SEDET, Warton Santos, e do Superintendente de Ciência e Tecnologia da SEDET, Rafael Neiva. Os consultdores da FINEP são Maria Helena Santos, que trabalha no Deptº de Fomento, Análise e Acompanhamento Técnico II e o Prof. Claudio Ruy Fonseca.

Além da aquisição de equipamentos e maquinário, alguns exportados e de última geração para implantação em laboratórios já existentes, como os dos Departamentos de Química e Física da UFPI, com o GERATEC está sendo possível a construção de um prédio na UESPI que abrigará dois grandes laboratórios: um referente ao Núcleo de Oleoquímica e o outro, Núcleo de Pesquisa em Substancias Antimicrobianas Extraídas do Babaçu - LABMICRO. Nouga Batista diz que estes laboratórios eram um sonho para a instituição, que ainda não conta com laboratório nesse porte.

"Além disso, por meio do GERATEC já foi possível trazer vários pesquisadores de fora para ministrarem palestra no Piauí, bem como permitir que nossos professores participassem de intercâmbio e visita a outras universidadea. Também, 73 bolsas já foram implantadas para alunos (51), profissionais graduados (20), e recém-doutores(02)", informou o coordenador geral do programa.

Fotos de Márcia Cristina

Nouga Batista, coordenador do Geratec


PROGRAMAÇÃO - VISITAS E REUNIÕES COM CONSULTORES DA FINEP
Dia 11 / 05 / 2011 - manhã
08H30 - 09H30 - visita a UFPI
10H00 - 11H00 horas - visita a IFPI (CEFET-PI)
11H00 - 12H00 horas - visita a UESPI.


ALMOÇO
Dia 11 / 05 / 2011 - tarde
Local: Palácio Pirajá - sede da UESPI
14:00 - 18:00 horas - Reunião com a Presidenta da FAPEPI, SEDET, coordenador geral e coordenadores de subprojetos.

Deixe um comentário

Tópicos babaçu geratec investimento Novas Produção projeto tecnologias,

Veja também

há 1 dia
Presidente da Fiepi diz que evasão de empresas ainda não é realidade, mas muitas já deixaram de vir para o Estado.
há 6 dias
Cada um possui 16% de participação na empresa da família, avaliada em R$ 13,85 bilhões.
há 21 dias
O Banco Popular oferece oportunidade de empreededorismo
há 24 dias
São esperadas 200 mil declarações para este ano.