• VIP TAXI teresina
  • bbrock
  • assinatura jornal

Notícias São João do Piauí

28 de fevereiro de 2017

Blocos de rua agitam a terceira noite de carnaval em São João do Piauí

Os blocos atraíram foliões de todas as idades, nas concentrações e no percurso pelas ruas da cidade até a Praça Honório Santos

Na terceira noite do carnaval em São João do Piauí, os blocos de rua Pegada de Macaco,  O Galo da Tarde, Soh da Nóis, Os Ingrizias e São João Folia deixaram a festa ainda mais divertida e original. Os blocos atraíram foliões de todas as idades, nas concentrações e no percurso pelas ruas da cidade até a Praça Honório Santos, palco das grandes atrações musicais.

A festa só estava começando quando os foliões entraram no ritmo das bandas Levata, Vallenight e da cantora Dandinha, que agitaram  o público até a madrugada.

Hoje (28), o esquenta vai começar mais cedo, com o Grande Encontro dos Blocos, a partir das 17h, na Praça Honório Santos, e que vai reunir todos os blocos de rua de São João do Piauí: Pegada de Macaco, Os Ingrizias, Só Folia, O Galo da Tarde, Soh da Nóis,  São João Folia, Os Fly’s e Confere Folia para curtir o agitação e o suingue  do cantor baiano Jheremmias.

O Carnaval 2017 em São João do Piauí é organizado pela Prefeitura, em parceria com a Secretaria de Estado da Cultura - Secult, e já se consolidou como uma das maiores festas de Momo do Sul piauiense.

“O cantor Jheremmias da Bahia vem deixar o nosso Carnaval ainda mais animado nesse Grande Encontro com os Blocos. Ficamos felizes por trazer essa grande atração por meio da Secretaria de Cultura. O secretário Fábio Novo sabe a importância do carnaval de São João para a nossa região e nos brindou com essa parceria que trouxe muitas atrações de peso para nossa folia de Momo”, ressalta o prefeito Gil Carlos.

Após o Encontros dos Blocos com Jheremmias, na Praça Honório Santos, os foliões vão curtir ainda Gilvan e Banda Espírito Musical, banda Levata e Fafá Santana, fechando o Carnaval 2017 de São João do Piauí. 

17 de janeiro de 2017

SETRE se reúne com empresa de energia solar para ofertar qualificação

SETRE se reúne com empresa de energia solar de São João do Piauí para ofertar qualificação na área

Na última sexta-feira (13) o Secretário de Estado do Trabalho e Empreendedorismo Gessivaldo Isaías visitou a cidade de São João do Piauí. Na oportunidade o secretário esteve representando o Governado Wellington Dias em uma reunião com representantes de uma empresa de energia eólica que está em processo de instalação no município. A intenção do Governo do Estado é qualificar mão e obra local para que seja aproveitada pela empresa.

De acordo com Gessivaldo Isaías a empresa se mostrou receptiva a ideia e ficou muito satisfeita com a atitude do governo em qualificar os moradores da região, “O Governador pediu que eu viesse até aqui conversar com os dirigentes da empresa, na conversa ficamos sabendo da demanda de qualificação que a empresa necessita. A partir dessa conversa a SETRE irá elaborar um plano de ação para região para que em breve seja atendida a necessidade de qualificação que a empresa exige, firmamos o compromisso com a empresa para que essa mão de obra seja aproveitada tão logo conclua os cursos.”

A ideia do Governo do Estado e da SETRE é que a secretaria ofereça a formação necessária para atuar especificamente na área de energia solar, oferecendo os cursos específicos que a empresa exige para a contratação, e após essa etapa o SINE-PI faça a seleção dos candidatos para a contratação desses por parte da empresa.

A usina que será instalada no município de São João do Piauí, localizado a 516 quilômetros de Teresina, na microrregião do Alto Médio Canindé. Depois de instalado, o empreendimento será capaz de gerar 450 GWh por ano, o suficiente para atender as necessidades de consumo de energia anual de 220.000 lares brasileiros. A unidade de produção, no semiárido piauiense, será construída em uma área com altos níveis de radiação solar e contribuirá para atender à crescente demanda do país por energia.

A transformação da energia solar em energia elétrica é com certeza uma das melhores opções de geração de energia no que diz respeito a impactos ambientais, pois esta causa baixo impacto ao meio ambiente. O potencial energético via raios solares é também o mais abundante, pois o Sol irradia sobre a Terra anualmente algo equivalente a 10 mil vezes a energia consumida pela população mundial no mesmo período.

A instalação deste tipo de usina normalmente é feita em regiões com baixa taxa de nebulosidade, onde na maior parte do ano, os dias são ensolarados. É interessante também fazer a instalações em regiões com baixa umidade relativa do ar e clima mais seco, pois assim, não há também um grande índice de pluviosidade, obtendo melhores resultados na geração.

10 de novembro de 2016

Governo entrega equipamentos ortopédicos em São João do Piauí

Governo entrega equipamentos ortopédicos em São João do Piauí

Durante o Festival da Uva, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) e a Secretaria de Estado para Inclusão da Pessoa com Deficiência entregam, na próxima sexta-feira (11), em São João do Piauí, 294 equipamentos ortopédicos, entre órteses e próteses, do Programa Passo à Frente. Os pacientes beneficiados são dos municípios de Campo Alegre do Fidalgo, Capitão Gervásio de Oliveira, João Costa, Nova Santa Rita, Socorro do Piauí, Ribeira do Piauí e Pedro Laurentino. A solenidade de entrega dos equipamentos será a partir das 9h, no Ginásio Poliesportivo Manoel Barbosa do Nascimento.

“Esse programa é extremamente importante. Já estivemos em São João do Piauí, contemplando oito municípios, fazendo os moldes e levantando as necessidades dos pacientes que tenham algum tipo de deficiência para fornecer instrumento que auxilie na locomoção deles”, disse o secretário de Estado da Saúde, Francisco Costa.

Ao todo, serão entregues 294 equipamentos, entre andadores, bengalas e muletas, botas, palmilhas, cadeiras de rodas, cadeiras de banho, órteses, próteses e sapatos para pé diabético.

Esses equipamentos vão auxiliar a rotina do paciente, melhorando a qualidade de vida. “Esse é o desejo do Governo do Estado: melhorar e humanizar os atendimentos em saúde. Em breve, também estaremos entregando equipamentos em outras regiões do estado do Piauí. Esse é um programa que vem de forma muito significativa, fazendo esse atendimento tão importante a essas pessoas que precisam ter o olhar do poder público de uma forma diferenciada”, concluiu o secretário.

O gestor aponta que cerca de 3.500 pessoas já foram atendidas pelo programa. “Descentralizamos a oferta desse serviço, que antes era feito somente em Teresina. Já passamos por Floriano, onde entregamos, aproximadamente, 600 equipamentos. Fomos para São Raimundo Nonato, Oeiras, Piripiri e Picos e ainda, no fim de novembro, seguiremos para Valença e região”, afirma Francisco Costa.

Passo à Frente

O programa funciona como uma oficina ortopédica itinerante, com fabricação ou adaptação de cadeiras de rodas, coletes, botas, palmilhas e avaliações para uso de muletas, bengalas, andadores, sapatos para pé diabético e pé congênito.

As atividades do Passo à Frente nos municípios têm evitado o deslocamento de centenas de usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) para Teresina, fortalecendo o processo de descentralização e resolutividade dos atendimentos.

Municípios atendidos

Floriano, Francisco Ayres, Guadalupe, Jerumenha, Nazaré do Piauí e São Francisco do Piauí
Atendimentos: 575 (equipamentos entregues)

São João do Piauí, Campo Alegre do Fidalgo, Capitão Gervásio de Oliveira, João Costa, Nova Santa Rita, Socorro do Piauí, Ribeira do Piauí e Pedro Laurentino
Atendimentos: 294

Oeiras, Wall Ferraz, Santo Inácio, Floresta, Campinas e Simplício Mendes
Total de atendimentos: 474

Piripiri, Batalha e Boa Hora
Atendimentos: 1.034

Picos, Itainópolis, Santana do Piauí, Geminiano e Paquetá
Atendimentos: 722

São Raimundo Nonato, Anísio de Abreu, Bonfim do Piauí, Caracol, Coronel José de Dias, Dirceu Arcoverde, Dom Inocêncio, Fartura do Piauí e Guaribas

Atendimentos: 385

Próxima agenda

Sede: Valença
Período: 29 de novembro a 2 de dezembro
Municípios contemplados: Inhuma, Lagoa do Sítio, Novo Oriente, Aroazes e Pimenteiras

08 de novembro de 2016

Flamengo e Seleção de São João do Piauí se enfrentam no sábado (12)

Flamengo e Seleção de São João do Piauí se enfrentam no sábado (12)

Uma das principais atrações esportivas na comemoração da VI Edição do Festival da Uva, em São João do Piauí, será a presença do Esporte Clube Flamengo, do Piauí, que vai enfrentar em partida amistosa a seleção do município, marcada para o próximo sábado (12), a partir das 16 horas, no estádio João de Deus Lima.

Dos nomes confirmados para o jogo, estão os de Eduardo, que é natural do município, além de Fabinho, Tiaguinho, entre outros nomes. No escrete sanjoanense o nome em destaque é do secretário de Esportes, Tito, ex-jogador profissional com atuação no próprio Flamengo e River, ambos de Teresina.

Além do futebol de campo, estão programadas outras competições esportivas, tais como: futsal Sub-9 e Sub-15, masculino e feminino, como também handebol, voleibol e capoeira para ambos os sexos. O Governo do Estado e a Fundação dos Esportes do Piauí, em parceria com a Prefeitura Municipal de São João do Piauí, participam com a premiação de troféus e medalhas para os vencedores.

O secretário de Esportes do município, Tito Lívio Dias, falou do evento esportivo. “É com imenso prazer para todos os sanjoanenses está recebendo um grande evento dessa magnitude, grande jogo amistoso entre a equipe profissional do Flamengo PI e a Seleção de São João do Piauí. Quem vai ganhar com isso são os desportistas do município e região, que tenho certeza que o público não vai ser diferente e mais uma vez vai lotar as dependências do Estádio Desembargador João de Deus Lima. Vamos também realizar, no domingo (13), mais esporte e lazer com outras modalidades e categorias. Aproveito para agradecer ao Governo do Estado pelo apoio e à Fundespi pelo incentivo e, é claro, à administração da Prefeitura Municipal de São João do Piauí”, completou Tito.

28 de outubro de 2016

Festival da Uva movimentará São João do Piauí nos dias 11 a 13 de novembro

Festival da Uva movimentará São João do Piauí nos dias 11 a 13 de novembro

O 6º Festival da Uva de São João do Piauí, foi lançado oficialmente, nesta quinta-feira (27), pelo governador Wellington Dias, em solenidade no Palácio de Karnak. O evento será realizado de 11 a 13 de novembro, como uma iniciativa do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Turismo (Setur), em parceria com a prefeitura do município. A expectativa é reunir cerca de 20 mil turistas.

Entre as atrações musicais, estão na programação, Avine Vinny, Farra da Gordinha e Zezo, na sexta (11); José Augusto, no sábado (12) e Paulo Ricardo, no domingo (13), junto com o cantor, Jonas Ricardo. Bandas locais também estão confirmadas. Além disso, haverá exposição de artesanato e produtos da região.

Segundo o governador Wellington Dias, o Festival da Uva tem crescido ao longo dos anos. “Mesmo com todas as dificuldades, estamos seguindo e, a cada ano, o evento só se fortalece, nos trazendo retorno. Além das festas, é também uma combinação de atividade cultural e de empreendedorismo, que traz desenvolvimento da região”, destacou.

O secretário de Turismo do Piauí, Flávio Nogueira Júnior, ressaltou a importância do trabalho em conjunto entre os orgãos envolvidos no Festival. “É uma alegria para nós fazermos parte desse evento que fomenta o turismo. Cuidamos de cada detalhe das ações desenvolvidas pelos orgãos“, declarou o gestor, ressaltando parcerias com as secretarias de Governo (Segov), Educação (Seduc), Desenvolvimento Rural (SDR), Meio Ambiente (Semar), Segurança, Secult, Ccom, Sesapi, Infraestrutura (Seinfra), órgãos como o Sebrae, Emater, Embrapa, Incra, Senar,  Agespisa, Eletrobras, Polícia Militar, Bombeiros, Polícia Rodoviária Federal, Detran-PI, Codevasf, Fundespi do prefeito de São João do Piauí, Gil Carlos Modesto e representantes do Assentamento Marrecas.

O prefeito de São João do Piauí, Gil Carlos, destacou a importância do Festival para o município. “A uva é na verdade, um ícone. Representa um grande negócio que é a fruticultura irrigada. Só temos o que comemorar, pois o festival aumenta a geração de emprego e renda. Aproveitamos para fazer o convite a todos para apreciarem nossas uvas sem sementes“, reforçou.

Segurança
O trabalho da Polícia Rodoviária Federal, Polícias Civil e Militar, será atuado de forma integrada, entre os trabalhos, serão realizados atendimentos, para evitar acidentes e garantir a segurança os moradores e turistas. Cerca de 80 homens serão encaminhados para o municipio e região. O Corpo de Bombeiros contará com duas equipes preventivas: uma de combate a incêndios e outra para busca e salvamentos. O Detran-PI, também realizará atividades de educação no trânsito, como palestras e distribuição de panfletos e blitzen educativas na cidade.

05 de agosto de 2016

Emater realiza seminário do Viva o Semiárido em São João do Piauí

Emater realiza seminário do Viva o Semiárido em São João do Piauí

O Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) realiza, no período de 03 a 05 de agosto, no IFPI de São João do Piauí, o Seminário de Avaliação e Planejamento do Processo de Elaboração dos Planos de Negócio do Programa Viva o Semiárido. O evento tem como objetivo avaliar o processo de elaboração e Assistência Técnica Sistemática (ATS) aos Planos de Negócio do Projeto Viva o Semiárido (PVSA) elaborados pelo Emater no primeiro semestre de 2016, bem como planejar o processo de elaboração para o segundo semestre.

A atividade abrange o Território Serra da Capivara e será destinado aos técnicos do instituto, da Unidade de Gestão de Projetos (UGP) e Unidades Regionais de Gestão de Projetos (URGP’s/PVSA), além de gestores.

Em linhas gerais, estão sendo apresentados e discutidos a panorâmica da situação do processo de elaboração dos PN’s, exposição dos avanços e desafios no processo de elaboração dos PN’s, além dos procedimentos iniciais da Assistência Técnica Sistematizada aos Planos de Negócios, referente à implantação, aquisições, apoio gerencial e prestação de contas. Na oportunidade, os regionais de São João do Piauí, Oeiras e São Raimundo Nonato apresentaram as dificuldades encontradas e as sugestões para aperfeiçoar o andamento do programa no território.

Seminário do Viva o Semiárido em São João do Piauí( Foto: Ascom Emater)

De acordo com a técnica do PVSA, Lúcia Araújo, a parceria do Emater dentro do programa  foi construída desde os primeiros passos do projeto,  que foi fruto de um planejamento. “ Esta parceria é muito valorosa e viemos aqui no sentido de avaliarmos, construirmos juntos e revermos passos de continuidade”, disse Lúcia.

É da competência do Emater a elaboração de 70 Planos de Negócios, uma vez que 30 já foram concluídos e estão em fase de análise pela Diretoria de Combate a Pobreza Rural, para em seguida seguir para o comitê gestor. Ainda no mês de março, foram autorizadas as primeiras cartas consultas no município de Oeiras.

Para os agricultores do Piauí, é uma felicidade que os técnicos do Emater  já tenham  chegado até metade da meta estabelecida e que tal conquista é fruto do trabalho da equipe. “É prioridade nossa apoiar programas que busquem desenvolver  a agricultura familiar. Temos certeza que momentos como este que se realiza hoje irá melhorar mais ainda o desenvolvimento das ações do Emater no que compete ao Programa Viva o Semiárido”, disse o diretor-geral do Emater, Marcos Vinícius.

Seminário do Viva o Semiárido em São João do Piauí( Foto: Ascom Emater)

Além do diretor do instituto, participaram da abertura do seminário o diretor do IFPI de São João do Piauí, Walter Silva; os coordenadores regionais do Emater de Oeiras, São João do Piauí e São Raimundo Nonato; o coordenador da URGP, Genival Oliveira; o coordenador de Operações, Adalberto Nascimento; a diretora técnica do PVSA, Lúcia Araújo; e o diretor do Semiárido, José Vidal.

Imprimir

22 de julho de 2016

Sandrinho implantará projeto Acordes do Campestre em São João do PI

Sandrinho do Acordeon implantará projeto Acordes do Campestre em São João do Piauí

Em entrevista concedida ao Jornal da Alvorada, nesta quarta-feira (20), o sanfoneiro Sandrinho do Acordeon revelou que São João do Piauí foi um dos municípios da região escolhido para extensão do projeto "Acordes do Campestre”.

O projeto de iniciativa do próprio Sandrinho do Acordeon em parceria com o seu pai, Salvador Nunes, leva novas oportunidades a crianças, jovens, adultos e idosos de diversos municípios da região com aulas de sanfona, zabumba, baixo, violão e triângulo. Após sua participação no programa da rede Globo de televisão, o musico conseguiu aumentar a estrutura e está expandindo o projeto na região.

Entrevista gravada no estúdio do Portal Pé de figueira 

Sandrinho do acordeon representa o estado do Piauí desde a adolescência, através do forró, apaixonado pela sanfona foi surpreendido pela rede Globo, quando estreou o quadro 'Quando Você Menos Espera' no programa Caldeirão do Huck onde na oportunidade tocou ao lado dos seus grandes ídolos, Zezé di Camargo e Luciano.

Além de São João do Piauí o projeto Acordes do Campestre será implantado nas cidades vizinhas como João Costa e Nova Santa Rita. Sandrinho revelou que tem se dedicado incansavelmente a expandir o projeto, para que outras pessoas possam ter a oportunidade de aprender a tocar instrumentos.

O projeto será implantado em São João do Piauí na noite do dia 03 de agosto, a partir das 19:00hs, em evento na AABB do município, com a participação cultural de músicos do "Acordes do Campestre”, Sandrinho do Acordeon e banda Oitavo Resgate.

Humilde, o musico lembrou que tudo está se tornando possível graças ao apoio de amigos e que seu pai tem uma participação fundamental no projeto e em sua vida artística.

Sobre a sua participação no Caldeirão do Huck, o jovem musico diz que abriu muitas portas para a sua carreira, ajudou na expansão do projeto, além de ter realizado dois sonhos antigos, de cantar em um programa de televisão nacional como na rede Globo e de conhecer e tocar com seus ídolos Zezé di Carmargo e Luciano.

16 de fevereiro de 2016

Prefeito diz que não conseguirá pagar acordo feito na Justiça do Trabalho

Prefeito volta atrás e diz que não conseguirá pagar acordo feito na Justiça do Trabalho

O Prefeito Municipal de São João do Piauí, Gil Carlos Modesto Alves, voltou atrás e agora diz que não conseguirá pagar acordos trabalhistas de R$ 4 milhões.

O prefeito enviou pedido a Justiça do Trabalho alegando uma série de fatores que segundo ele faria com que a prefeitura não conseguisse cumprir o acordo.

No requerimento datado de 01 de fevereiro, o prefeito requereu a suspensão integral do pagamento dos valores referentes as parcelas do acordo firmado em audiência realizada no dia 20 de outubro de 2015, pelo período de seis meses, a contar do mês de fevereiro de 2016, assim como, a redução da taxa de juros para correção anual para o montante de 6% ao ano.

Entenda o caso

A Vara do Trabalho de São Raimundo Nonato firmou acordo no valor de R$ 4.374.993,87, contemplando todas as ações contra o município de São João do Piauí que se encontravam com trânsito em julgado da fase de conhecimento na data da assinatura do ajuste.

O acordo prevê o pagamento do montante total, incluindo crédito dos reclamantes, imposto de renda, contribuições previdenciárias e honorários advocatícios, em parcelas mensais, variáveis e reajustadas anualmente, respeitando as expectativas de repasse federal ao ente municipal. Tudo isso para garantir a previsibilidade de pagamento a reclamantes e advogados, oportunizando o Município a programar suas despesas com débitos trabalhistas.

O acordo foi possível após à realização de quatro audiências, coordenadas pelo Juiz do Trabalho Thiago Spode, titular da Vara de São Raimundo Nonato, com a presença de 12 advogados, sindicatos representantes dos servidores e o prefeito de São João do Piauí, Gil Carlos Modesto.

Para o juiz Thiago Spode, o acordo é benéfico para todas as partes envolvidas uma vez que garante que os trabalhadores recebam o que é deles por direito, e, ao mesmo, permite que a prefeitura honre seus débitos, mas dentro de uma ação programada para que os serviços básicos à população não sejam prejudicados.

23 de novembro de 2015

São João do PI: Moradores estriam sem água na torneira há mais mês

Moradores estão sem água na torneira há mais de um mês

Os moradores do bairro Vila Foca denunciam que estão há mais de um mês sem receberem água na torneira.

De acordo com o morador Nilmar da Silva Reis, a Agespisa não dá esclarecimentos a população do bairro de quando o serviço voltará a funcionar normalmente.

"Estamos comprando água nos carros que vendem, estamos nos virando para não passar sede, para nos manter, e pagando talão de graça, sem ter água nenhuma na torneira. Tudo o que eles fazem é levar mais talões, não prestam nenhum esclarecimento de quando o problema será solucionado, e ainda dizem que se não pagarmos irão cortar, suspender o fornecimento, cortar o que se nem água na torneira tem? ”, finalizou o morador.

A nossa equipe de reportagem procurou o chefe do escritório local da Agespisa em São João do Piauí que afirmou não existir previsão para solução do problema da falta de água no bairro Vila Foca ser resolvido.

De acordo com o chefe do escritório, Ildemar Marques de Carvalho, o problema da falta de água no bairro Vila Foca acontece quando é necessário desligar o registro de manobra, que é geral. "Quando fazemos as correções de vazamentos, temos que desligar o registro geral porque ainda não temos registros setoriais ”, Destacou.

Ildemar diz que alternativas para solucionar o problema já estão sendo estudadas e que está sendo analisada a possibilidade de interligar um poço do novo loteamento para o bairro Vila Foca, o poço terá bomba com vazão de 40 mil litros/hs.

"É uma alternativa, mas ainda não temos previsão, porque o poço está perfurado, mas ainda não está equipado”, finalizou o chefe do escritório local.