• Patrimônio 10/17
  • Unimed
  • assinatura jornal

Jornal cita longo jejum e diz que Neymar está "desafinado" na hora do gol

O jornal, porém, faz a ressalva que Neymar mais uma vez se mostrou participativo em campo.

09/01/2017 11:20h

O jejum de Neymar ganhou destaque na imprensa espanhola após o empate por 1 a 1 do Barcelona contra o Villarreal, no último domingo. Segundo o jornal "Sport", o brasileiro está desafinado, com direito à citação a música de Tom Jobim.

"Neymar não se rendeu, mas novamente parecia desafinado, sem a alegria que define o seu futebol. 'Se você disser que eu desafino, amor. Saiba que isto em mim provoca imensa dor. Só privilegiados têm o ouvido igual ao seu. Eu possuo apenas o que Deus me deu', canta Antonio Carlos Jobim em Desafinado. E assim anda Neymar, em desengano com o gol", diz o jornal.

"Neymar tem um nó no estômago quando ele se lembra a última vez que marcou. Porque é algo que não acontece desde 19 de outubro contra o City. A partir daquele dia ele está desafinado diante dos goleiros", completa.

O jornal, porém, faz a ressalva que Neymar mais uma vez se mostrou participativo em campo. Assim como ocorreu na vitória sobre o Sevilla na última semana, quando também não marcou.

"Neymar perdeu o brilho na finalização, mas continua a ser uma ameaça constante para os adversários. Contra o Villarreal não foi vista a versão de desequilíbrio de San Mames, mas foi novamente um dos melhores na equipe. Ele nunca se esconde. Tem uma determinação e a resistência diante dos grandes adversários", diz o texto.

O jornal "Marca", porém, é mais duro na avaliação de Neymar. A publicação destacou que o brasileiro perdeu 30 bolas no duelo de domingo e já está 991 minutos sem marcar gols. E ainda ironiza que o "trio MSN teve muito de muito de M, pouco de S e nada de N".

Fonte: UOL

Deixe seu comentário