• assinatura jornal

Promessa cumprida: Rafael Moura volta ao Atlético-MG 13 anos depois

Você provavelmente já deve ter escutado a frase: “promessa é dívida”. E é exatamente assim que pensa o atacante Rafael Moura. Revelado na base do Atlético, o torcedor do Galo desde a infância conseguiu cumprir seu propósito e vestirá a camisa

10/01/2017 08:00h

Você provavelmente já deve ter escutado a frase: “promessa é dívida”. E é exatamente assim que pensa o atacante Rafael Moura. Revelado na base do Atlético, o torcedor do Galo desde a infância conseguiu cumprir seu propósito e vestirá a camisa do seu clube do coração 13 anos depois.

A promessa foi feita para a bisavó, Aracy, sua tia Leda e o sogro, “seu Lara”. Nenhum deles, porém, poderá ver o pupilo “pagar” a dívida prometida. “Prometi aos meus familiares que não iria chorar. Minha bisavó, que já se foi, minha tia, meu sogro, todos eram atleticanos, minha família toda é atleticana. Essa promessa me fez batalhar para estar aqui hoje. Estou muito feliz de voltar e emocionado, pronto para receber essa oportunidade. Estou realizando um sonho de voltar à minha casa”, disse o jogador.

Rafael tem 33 anos. Ele acredita que voltou em um bom momento, com experiência e bagagem para vestir a camisa atleticana. O jogador foi revelado pelo Galo e depois rodou no futebol, por grandes clubes, como Corinthians, Fluminense e Internacional, mas somente agora tem a oportunidade onde sempre sonhou.

“Estou um jogador muito mais maduro, menos ansioso, uma cabeça melhor, uma personalidade muito grande. Vivo um grande momento. E o Atlético-MG mudou bastante. O crescimento tem sido muito bacana nos últimos anos, assim como tem sido minha carreira. Volto num momento bom. O Atlético-MG montou estrutura, montou grandes times e eu sempre acompanhando. Tenho que batalhar. Chego mais maduro e pronto para segurar o peso que essa camisa requer”, destacou.

Rafael Moura foi contratado pelo Atlético no início de 2016, mas nem desembarcou em Belo Horizonte e foi liberado para o Figueirense, por empréstimo, em negócio que envolvia o jovem Clayton. Agora ele tem mais um ano de contrato para mostrar ao Galo seu valor. Em sua apresentação, o diretor de futebol, Eduardo Maluf, disse acreditar em uma renovação contratual.

Fonte: Esporte interativo

Deixe seu comentário